blog

quinta-feira, junho 04, 2015

Sai Jesus, entra Vitória?

Ontem, a partir das 18H, foi a loucura total no Facebook. As informações e contra informações, todas de fontes "credíveis", chegavam a um ritmo alucinante. Ora Jesus renovava, ora Jesus ía embora, ora era o Sporting, ora era para o estrangeiro. Assisti a tudo com um sorriso na cara observando mudanças de opinião de 180º quer de benfiquistas quer de sportinguistas.

Hoje todos os jornais são unânimes: Jorge Jesus tem acordo com o Sporting para 5 anos. Ou seja, naquilo que nos interessa, Jorge Jesus já não é treinador do Sport Lisboa e Benfica. A partir do momento em que a conversa da Direcção do clube foi de contenção financeira fiquei com a convicção que o futuro de Jorge Jesus não passava pelo Benfica. Não o considero um treinador capaz de triunfar sem ter ao seu dispôr um plantel fortíssimo e sem poder contratar jogadores por 7/8/9 ou mesmo 10 milhões de euros. Apostar na formação é uma miragem com Jorge Jesus ao ponto de jogadores como Bernardo Silva não terem qualquer chance no seu reinado. Se era este rumo que a Direcção pretendia obviamente que Jorge Jesus não ficava no Benfica. Acredito que Vieira sabia disso e, não é à toa que cedo começou os contactos com Rui Vitória. Sim, tudo aponta para que a famosa reunião de segunda feira tenha sido um mero pró forma ao ponto de Jorge Jesus nem sequer ter respondido à proposta que Vieira lhe fez. Consta que mal começou a ouvir a conversa da redução de investimento que começou a falar com o Sporting. Vieira, ao tomar conhecimento, começou a falar com Vitória e a preparar já a próxima época.

A questão, como um bom amigo sportinguista ontem me disse, é que ambos, Vieira e Jesus, têm um ego enorme e vão querer provar que o sucesso do Benfica é por culpa dele e não do outro. Por essa perspectiva, ironicamente, acredito que Vieira irá agora abrir os cordões à bolsa e dotar o plantel de craques para não correr o risco de não ter sucesso porque, verdade seja dita, se Jesus triunfar no Sporting Vieira será escorraçado do Glorioso sem apelo nem agravo.

Jesus não me deixará qualquer saudade. Irei recordá-lo pelos erros tácticos e medo de Hulk que nos premiou com a chapa cinco no dragão, das derrotas em casa com o Porto, do ajoelhar, das eliminações com o Braga, das Champions miseráveis, dos insultos ao Shéu, da ostracização dos putos da formação, dos Cortezes e Emersons que encheu o SLB. Por mim já vai tarde.

Sobre Rui Vitória, esperemos a confirmação oficial. Não era a minha primeira escolha mas tem no curriculo um fantástico trabalho no Vitória de Guimarães onde com muito pouco conseguiu manter o clube na luta pela Europa, conquistou uma Taça de Portugal. O futebol practicado não me enche as medidas mas ele responde a isso com "tenho que utilizar aquilo que tenho". Se vier para o Glorioso terá margem de manobra sabendo que a fasquia está sempre elevada neste clube. Se Vieira lhe der as mesmas condições que deu a Jesus não tenho grandes preocupações. Mas sobre Vitória (ou quem vier) teremos tempo para debater.

Fecha-se um ciclo. O Sport Lisboa e Benfica, como sempre, continua.

PS: Ainda não há confirmações oficiais dos clubes. Seria uma bomba inédita em Portugal se houvesse um volte-face nisto tudo.

27 comentários:

Semper Fidelis disse...

não há volte face nenhum até pelo simples facto de neste momento não haver nenhum benfiquista que se preze que não queira ver este bronco peseteiro pelas costas!
Brunão + Jorjão? se aquilo já era conhecido como Sporting Comédia de Portugal então agora é que o circo vai rebentar!

Pedro disse...

As declarações de João Gabriel tornam a coisa oficial.

Arrenka disse...

O benfica tem de manter a escolha em treinadores de qualidade e não de aparências (Vitória é bem educado e benfiquista), mas isso não chega: qualidade, visão, preparação tática e mental.
JJ teve muitos erros, desde a insistência em jogadores banais e em posições erradas (Emerson, Talisca, Bebé, Jara, Eliseu, David Luis à esquerda, Roderick a trinco...) e a não aposta no momento certo em jogadores de maior qualidade: Nolito, Bernardo Silva; pouca aposta nos jovens que mereciam (poucos: Bernardo, Teixeira e Guedes), mas também colocou o Benfica, quase sempre com planteis/11 mais fracos que o rival FCP, a lutar por títulos e a jogar um futebol demolidor. Potenciou jogadores (que já eram de qualidade) em níveis não esperados: ex. Matic e Enzo sozinhos contra meios campos de 3 ou 4 adversários e colocou o Benfica a defender como poucas equipas no mundo, potenciando a qualidade individual dos seus avançados.

Deste modo, deve ser feita uma aposta num treinador de qualidade no mínimo identica: Vitor Pereira. Em Portugal só Marco Silva e Peseiro podem aspirar a algo semelhante (Peseiro monta muito bem ofensivamente, esta temporada ainda vão se manter os princípios defensivos ensinados/treinados por JJ).
Também seria impotante demonstrar aos adversários que temos condições negociais para manter a qualidade da equipa: Trazer o Nani emprestado no negócio Gaitan e tentar trazer emprestado o Markovic (se não o Nolito seria uma boa opção):
Assim, com Vitor Pereira em 433:
- Júlio César (Varela, GR novo, que para além de bom entre os postes seja bom no jogo de pés: vide Hélton, Valdés, Steguen, Oblak);
- Sílvio, Andre Almeida (se Maxi não renovar);
- Luisão, Jardel, César, Yonathan Tavares (Lisandro em dúvida);
- Djavan (Eliseu) - tentar Raphael Guerreiro;
- Fejsa, Samaris, Pizzi (Amorim, Cristante, Teixeira, Muhktar, mais um jovem);
- Nani (Ola John, Guedes);
- Markovic (Sálvio - lesionado - Suleijmani);
- Jonas (Lima, Jonathan, Rui Fonte, Talisca);

Meio campo criativo e forte defensivamente. Alas altamente criativas e com bom jogo interior com um avançado de topo na criação de espaços e jogo coletivo.

César;
Sílvio, Luisão, Jardel, Djavan/Guerreiro;
Fejsa;
Samaris, Pizzi;
Markovic, Jonas, Nani/Nolito

Equipa para ser novamente campeã e a fazer boa prestação europeia: mas com um treinador a condizer.

Abraço.

PS: se vier o Rui Vitória, espero estar enganado a respeito da sua menor qualidade face aos adversários.
PS2: JJ deixa um legado no Benfica e mantenho respeito por isso, se há 3 épocas queria que ele saísse hoje já não se passa o mesmo - manteve a equipa competitiva, mesmo contra uma equipa com o maior orçamento de sempre em Portugal e com o choradinho constante dos adversários. O Sporting vai ter um boost coletivo e vai ser mais perigoso que anteriormente.


Abraço.

Isaías disse...

“O Sporting tem dinheiro. Nós temos dedicação. No imediato o dinheiro vence a dedicação. No futuro, a dedicação goleia o dinheiro”
- Cosme Damião

Anónimo disse...

Antes de Jesus, havia o Porto e, a milhas, os outros clubes (o Benfica, coitadito). Depois de Jesus, há primeiro o Benfica e depois o Porto, e então, a milhas, os outros.
Deram-lhe bons jogadores? Claro, há algum clube neste universo que ganhe sem bons jogadores. Quem, o Barcelona? Quem, o Chelsea? Quem, o PSG? Quem, o Bayern?
Cometeu muitos erros? Sem dúvida, mas sempre num patamar competitivo abissalmente superior ao que encontrou. Errou estando em cima, os outros acertaram estando em baixo.
Do Rui Vitória, não tenho grandes esperanças, mas rezo para estar enganado.
O.F.

Pedro disse...

Com JJ houve brutal investimento na equipa e sucesso desportivo quando o fcp esteve mal. Ponto. É factual.

Que se dê as mesmas condições ao novo treinador.

Anónimo disse...

O Porto do quarto ano de Jesualdo não é inferior aos anteriores, pelo contrário. E no entanto ficou bem atrás do Benfica. Nos anos precedentes, tinha ganho folgadamente.
O Porto desta temporada que acabou tinha o orçamento muito superior e ficou atrás do Benfica. Quem ganhou o campeonato foi Jesus, aproveitando remendos e compras nos saldos.
O brutal investimento no Benfica começou antes de Jesus. Ele aproveitou matéria-prima que já estava no Benfica. O Aimar mal jogava, o Coentrão andava perdido, o Di María e o Cardoso eram suplentes. E já existiam o Quim, o Luisão, o David Luís e o Maxi Pereira.
O.F.

Anónimo disse...

Rui Vitória? Ou Marco Silva ou Vitor Pereira ( tanto curriculu como Jesus) agora Rui Vitória ? Não me lixem

Pedro disse...

Saldos?
10 milhões por Samaris
6 milhões por cristante para aquecer o banco?
Espero que o próximo tenha tão bons saldos.

Anónimo disse...

Não é capaz de dizer mais nenhum, pois não? Agora faça a lista de todos os outros que foram contratados, e compare com as compras do Porto.

Pedro disse...

Quero lá saber das compras do fcp. Lá por gastarem muito não quer dizer que gastem bem. O que me interessa é que foi dado a JJ condições que mais nenhum treinador em Portugal alguma vez teve.
E o resultado para a história são demasiadas humilhações.

Anónimo disse...

Humilhação é ficar em sexto. Humilhação é década e meia a mirarmos o Porto lá em cima a dez, vinte pontos. Ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano, ano após ano...
Mas, ok, por aqui me fico. Não vale a pena chatearmo-nos. Força, Benfica! Força, Rui Vitória!

Pedro disse...

Durante metade do reinado de JJ viste o fcp sempre lá em cima. E só quando eles cairam é que ganhaste. É factual!!!

Paulo Geraldo disse...

A partir do momento em que o Vieira quer reduzir o salário a quem bicampeão, está a empurrar o JJ para fora do Benfica. Toda a direcção queria a renovação do Jesus, o Jesus ao que parece, estava disposto a apostar na formação, e a ganhar o mesmo. Quem fica ganhar com isto é o porto. O Benfica muito provavelmente vai voltar a tempos não muito distantes. A continuidade de JJ seria importante para a conquista do trcampeonato, e para acabar com a hegemonia do Porto. Este é um filme igual ao de 1994. Não é com formação que vamos ser campeões. Quem pensa isso, vive no mundo da fantasia. O Manuel José, e o Manuel Fernandes, já o disseram, e este último queria o Jesus em alvalade. Infelizmente há benfiquistas contentes, aqueles que sempre quiseram o Jesus fora do Benfica. Só espero que depois não chorem.
É estranho o Vieira jogar na roleta russa, quando vai a eleições para o ano... Até parece que andou a ler um determinado fórum, e determinados blogues.

Pedro disse...

"A partir do momento em que o Vieira quer reduzir o salário a quem bicampeão"

Não sou fã de JJ mas concordo com isso. Não faz sentido renovar pelos 4 milhões quando ele perdeu tudo e depois querer reduzir quando é bi campeão.

"o Jesus ao que parece, estava disposto a apostar na formação"

Não acredites nisso.

"A continuidade de JJ seria importante para a conquista do trcampeonato"

Admito que em teoria a continuidade, caso MS saísse do scp, podia ser uma vantagem.

"vai voltar a tempos não muito distantes"

2011, 2012, 2013?

"Não é com formação que vamos ser campeões"

E não será com a formação que seremos campeões. Ninguém defende isso. Defende-se sim a utilização da formação e não comprar paletes de jogadores que nada jogam na equipa como Benitos, Luis Filipes, Cesares, etc etc

"depois não chorem"

Em 38 anos de Benfica nunca chorei tanto como no reinado de JJ. Antes dele só na derrota com o Milão na final da Taça dos Campeões Europeus. Estou tranquilo.

Se o SLB triunfar com outro treinador vai ser uma carga de trabalhos para alguns. Até parece que na supertaça vão torcer pelos verdes...

SLB34 disse...

Jasus ganda marçanário

E o sporting é a nossa puta...

José Nunes disse...

Ele será recebido na luz como merece!

De qualquer das formas rumo ao tri!

José Nunes disse...

Os títulos são do benfica não de jj!
Nós é que somos os bicampeões! A partir do momento em que ele sai do slb deixa de ser bicampeão.
Eu considero esta uma das grandes traições da nossa história, equivalente a Paulo Sousa ou Rui Águas.

Paulo Geraldo disse...

Estou a falar de tempos em que o Benfica no fim da primeira volta, já estava arredado do título. Com o JJ na maioria das vezes, discutimos o campeonato até ao fim. Se não ganhámos mais, devemos ao Proença e ao Maicon. Já não falo do Kelvin, que isso foi um campeonato caído do céu.

benfica4ever disse...

Vou lançar aqui uma maldição ao Judas:

Nunca mais vencerá nem um troféu fora do Benfica.

Incluindo Torneios de pré-época.

sven-goran-eriksson disse...

MARCO SILVA NO BENFICA JÁ!

Judas do caralho só nos soube humilhar e agora que tinha hipóteses de fazer história, faz merda...

PS: Espero que na supertaça leve uns 4 ou 5 para ver se aprende.
Vamos ajoelhá-lo perante a nossa força!

CARREGA BENFICA! RUMO AO TRI!

VotaMarcoSilva disse...

NO COMMENT

TiagoSLB disse...

Deus te oiça;)

Troféu 5 violas?

ALM disse...

Custa-me a acreditar que não sendo tu um admirador de JJ, tal como eu, digas que se jj triunfar no ceportem, Vieira será escorraçado do Glorioso! Por mim não será de certeza, e por aquilo que leio também não o será por muitos outros benfiquistas.

ALM disse...

Se vier o Rui Vitória ou o Marco Silva deem-lhes os mesmos trunfos que deram ao JJ que eles talvez façam melhor que ele. Rui Vitória foi campeão de júniores no Benfica em apenas 2 anos que por lá passou, coisa que há muitos anos o Benfica não conseguia. JJ só utilizou alguns jogadores que estavam mo Benfica porque os sócios o criticavam por ele pedir jogadores e não utilizar os que o Benfica já tinha. É o Caso do Fábio Coentrão, que depois de fazer boa época no Rio Ave e no Nacional é que ele os foi buscar e depois fica com a fama de ser ele a fazê-los. Di Maria, quanto tempo é que ele não teve para o lançar? ehá mais.

ALM disse...

JJ é muito bom, mas enquanto treinadores com pouca experiência como AVB e VP estiveram no fcp, o JJ com grandes equipas só conseguiu ganhar Taças da Liga. Agora dizem que RV não tem experiência! Deem-lhe as mesmas armas e depois julguem-no.
Nestes 6 anos quantos jogos o Benfica ganhou ao Braga e quantos perdeu?
JJ com equipas grandes acagaça-se todo.

Pedro disse...

ALM, eu não acho que JJ vá ter sucesso no scp (se os gajos contratarem craques posso rever a minha opinião) mas existe sempre essa possibilidade. Foi Vieira que quis baixar o salário a JJ e como tal será ele o responsável pelo que acontecerá num clube e no outro.

Se, por azar, as coisas nos correm mal, Vieira terá sérias dificuldades nas próximas eleições. É esse o sentimento que sinto nos benfiquistas. Irão cobrar-lhe.