blog

sexta-feira, dezembro 26, 2008

Soltas #75

- Mais uma pausa no campeonato, um período de férias para os jogadores que esperemos que seja frutífero no regresso ao trabalho, essencialmente no que a recuperação de lesões diz respeito.

- Acabamos o ano em primeiro. Não ganhámos nada ainda mas há muito tempo que tal não acontecia e, todos concordarão, sabe muito bem. Podemos não estar a jogar o que pretendemos, podemos estar a cometer alguns erros mas não tenho a menor dúvida que qualquer um dos nossos adversários trocaria de imediato de situação connosco. Somos invictos, somos líderes, somos a melhor equipa nacional. Agora basta manter.

- O Benfica prepara a renovação de contrato com Nuno Gomes. Rui Costa assume a "facilidade" de tal situação o que permitirá que o goleador máximo do Glorioso fique mais dois anos no clube. A minha opnião sobre Nuno Gomes é conhecida, com esta renovação o seu ordenado deverá ser substancialmente reduzido indo de encontro às suas reais mais valias. Dessa forma acho que Nuno Gomes é e será um elemento fundamental no plantel do Benfica.

- Real Madrid ataca em força Di Maria. Será verdade? Por 21 milhões será um bom negócio? Objectivamente temos que admitir que sim. Di Maria custou 6 milhões e teima em afirmar-se com um grande jogador de futebol. Mas o "coração" quer que Di Maria "exploda" de manto sagrado vestido, que se torne no jogador fantástico que o seu potencial augura e, após alguns títulos pelo Glorioso, que seja transferido por uma quantia obscena para um grande europeu.. Quem vence: a razão ou o coração?

- O jornal espanhol A Marca informou que o Benfica e o Atlético de Madrid chegaram a acordo para a compra da totalidade do passe de Reyes pelo Glorioso. É mais um forte investimento do clube na sua equipa de futebol num jogador que pegou de estaca na equipa e se tem revelado como um dos melhores. Não há nada a dizer sobre este assunto. A gastar dinheiro que seja em jogadores assim.

- Como eu esperava no dia seguinte ao roubo realizado pelo gatuno do apito que apitou o último jogo no Estádio da Luz o meliante veio a público defender a sua posição. Por incrivel que pareça ele, mesmo depois de visualizar as óbvias imagens, não reconhece o erro. Como é diferente quando são outros clubes envolvidos, tipo o clube do coração deste gatuno. Isto não devia ficar impune. O gatuno até tem a lata de dizer que não lhe interessou a falta que Miguel Vítor sofre antes porque o que quis ver foi se a bola tinha batido ou não na mão do defesa benfiquista...GATUNO.

- Scolari anda "doido", primeiro diz que precisa de um jogador para o meio campo que seja capaz de pegar na bola (Lampard, Ballack, Deco não chegam) e agora pede um avançado quando tem Drogba no banco. Entretanto o Speciale Uno diz que quer ir a Espanha ganha a La Liga. Não duvido que o consiga mas todos nós sabemos que o que ele realmente quer é treinar o Glorioso. Arshavin no Arsenal? Seria interessante...

- Boxing Day na Premier League. Sete jogos na Sporttv.

85 comentários:

Anónimo disse...

o coração do di maria desde que chegou ao Benfica esteve sempre num clube estrangeiro. caso se confirme a transferencia será um bom negócio para o Benfica e será um reforço para o ... Castilla.
Jogador banal!

john billy disse...

1- A pausa veio em boa altura para o Benfica.

2- Podiamos estar melhor.

3- Por mim, renovava-se por uma época.

4- 21 milhões? Era já!!

5- Espero bem que seja verdade.

6- Mais do mesmo. As declarações são inacreditaveis. Numa associação de árbitros a sério, o filho da p*** era simplesmente expulso por não saber as regras. Numa associação de árbitros portuguesa deve ser premiado com uma internalização.

7- Já que tenho que trabalhar, esses joguitos vêm mesmo a calhar.

Pedro Vagos disse...

John, tás a ver algum jogo? Em que site?

john billy disse...

Na SportTv.
:)
Somos bem tratados!

john billy disse...

Mas experimenta neste site:
www.rojadirecto.com

Pedro Vagos disse...

Obrigado! Já estou a ver :D!

Pedro disse...

mas em q sitio dentro desse site?

Telmo disse...

1 - Como no Benfica as lesões são uma constante, e sempre afectam os melhores jogadores, todas as pausas são benéficas...menos para quem quer ver o Benfica jogar.

2 - Foi uma pena termos deperdiçado os 3 pontos contra o Nacional, mas se melhorarmos um bocadinho e ganharmos vantagem em Janeiro, teremos tudo pra ser campeões. (se os árbitros deixarem)

3 - Se lhe renovarem para baixar o salário é uma boa notícia, apesar dos seus falhanços de baliza aberta, é um jogador importante no balenário, e quem sabe no futuro do futebol do Benfica.

4 - Só acredito em fontes oficiais, e não em jornais anti-Benfica para desestabilizar o plantel.

5 - E o próximo devia ser o Suazo.

6 - Os árbitros dos tempos áureos da corrupção são os mesmos, portanto o que mudou?

john billy disse...

Pedro, no próprio site estão os links.

João Bizarro disse...

1. Eu já não digo nada.

2. A jogar assim e com os apitadores a fazer tudo para nos atrasar vai ser muito difícil.

3. Concordo.

4. Pois, mas se ele sai já ficamos com um a menos... Além disso não concordo nada com saídas a meio da época.

5. Foi só a Marca os tugas não falaram sobre isso!!!

6. Estes cabrões roubam à descarada e nem têm vergonha.

7. Doido anda o Madail que foi baixar as calças para o canal do porto. Agora o Scolari já é o mau, o Baia devia ter sido sempre convocado, blábláblá!!! Enfim. Este bardamerda está a apanhar sabonetes para os corruptos.

8. É por isso que é o melhor campeonato do mundo. E não vês ninguém a chorar por jogar 3 jogos em 4 dias.

Chama Imensa disse...

1 - Bom parar para recuperar jogadores e atacar (espero eu) o Trofense com Aimar, Suazo e Reyes.

2 - Não vai durar o 1º lugar na minha opinião.

3 - Se for para reduzir despesas e manter o balneário purinho, o nuno é bem vindo.

4 - Volto a dizer...10 milhões era grandíssimo negócio por esse farrapo de jogador que é o Di Maria.

5 - A Marca é um pasquim sensacionalista...não acredito enquanto não estiver provado. Reyes é um grande valor para o nosso campeonato e não me interessa que em Espanha não gostem dele.

6 - O Anelka não é um grande jogador é por isso que ele quer outro. O Drogba é óptimo mas o CHelsea precida de mais, basta ver as grandes equipas como United ou Real Madrid, Barcelona, Inter, Juventus que têm muitos e bons avançados.

7 - BOxing Day é sempre uma alegria fogo. QUe maravilha rabanadas e futebol...hehe!

PS: O léo já vai a custo zero...

Anónimo disse...

trocava o di maria pelo drenthe... mas que o real pagasse o salário do drenthe nos ano em que ele estivesse no Benfica!

jose disse...

Drenthe, outro ....Di Maria, mas Holandes. Venha o guito e o resto e estoria

Ricardo disse...

- Mais uma pausa daquelas. 2 semaninhas e tal para os meninos. Futebol de merda.

- Estamos em primeiro mas convém que a equipa comece a fazer bem mais do que tem feito desde o jogo contra o Nápoles. A jogar assim, bastam 2 ou 3 jornadas para sairmos do poleiro. E depois... já conhecemos a história: nunca mais para lá voltamos.

- Se baixarem o ordenado ao gajo, aceito que fique por mais tempo. Uma venda boa também não me chateava.

- LOL 21 MILHÕES? Eh pá, será que há gajos tão estúpidos assim? Sim, é verdade que o Real procura sempre ganhar o troféu do mais exagerado/estúpido/desmedidamente ambicioso mas há limites. Deve ser como aquela do Yebda...

- Se se consumar é uma grande aposta de Rui Costa. Numa altura em que muita gente começa a duvidar dele, acho que esta é uma excelente opção para o Benfica. Eu gostava era de saber por onde andam os gajos que o Atlético nos ia dar pelo negócio Simão. Responda lá, sr. vieira, se faz favor.

- Uma falha clara do árbitro que depois, nas explicações, ainda falhou mais. Se o acto de tocar na bola, mesmo que não deliberado, é considerado falta se desviar a direcção da mesma, então no início do lance um jogador do Nacional tocou na bola. Logo... penalty. Uma merda porque nos tirou 2 pontos. Mas que isso não sirva para tapar o sol com a peneira. Não jogámos um buraco do cu. E, não jogando um buraco do cu, temos mais probabilidades de continuar sem jogar um buraco do cu nas próximas jornadas. Not good...

- O Scolari é uma anedota. Essa do precisar de alguém que organize é hilariante. Mesmo sendo ele a dizer a asneira confesso que me surpreendi. Bizarro.

- Ganharam todos. Uma festa!

Anónimo disse...

Ja viram o que o Antonio Simoes disse sobre o Di Maria ? É que pode ter alguma razão, mas sendo benfiquista como é, sabe que só está a dar razões À imprensa para nos prejudicar. Cada vez desce mais na minha consideração o pobre coitado que apenas porque foi uma estrela no pseudo-futebol dos anos 60 já pensa que é alguem. Simoões é o Pélé do futebol portugues ( nas palavras! ). " CALADO É UM POETA "

Ricardo disse...

Anónimo,

o que o Simões disse faz todo o sentido. É a realidade que toda a gente, se quiser ver, vê. O Dí Maria é um meio-jogador que provavelmente nunca será jogador de top na vida. E se o for, não o será de certeza no Benfica. Logo, se dão 21 M, é vendê-lo imediatamente! Com esse dinheiro, dá para equilibrar as contas e ainda apostar 3 ou 4 M para um reforço de Inverno. E qual é o problema de ele falar? No Benfica, não há censuras, quem quer falar, fala, mesmo que possa prejudicar a imagem do clube, o que, neste caso, não me parece nada que aconteça.

Quando à qualidade como futebolista de Simões, parece-me que estás longe da realidade, só deves ver futebol desde o Pringle.

Diria que o Anónimo... calado é um poeta.

Anónimo disse...

Ricardo, um benfiquista de verdade não pode dar estas "prendas" para a imprensa usar contra nós. O Benfica está a passar uma travessia no deserto no que diz respeito a titulos por isto mesmo, toda a gente diz o que quer, não há estabilidade. Ou alguem discorda ? É que sempre que o nosso presidente se cala as coisas correm bem melhor, ou nao concordam ?

Eu, sinceramente, já estou farto do Simoes. Ver jogos na Sporttv com ele a comentar armado em "expert" deixa-me enjoado. O Zé Augusto, Eusébio, Coluna etc etc merecem muito mais a minha consideraçao. Porque ? HUMILDADE E AMOR À CAMISOLA ;)

Abraço e bom ano de 2009

João Bizarro disse...

Tenho para mim que ainda vai muita gente chorar pelo Di Maria. E depois os que agora respondem como anónimos virão para aqui dizer algo como "eu sempre disso que este gajo era o maior".

É que não sei se repararam mas há um DI Maria da selecção e outro do Benfica. Não sei se é por causa do posição que joga ou não mas é uma hipotese até porque no actual Benfica o GR deve ser o único que joga na sua posição!

Atirador de sapatos disse...

João:

1.º - Não sou o anónimo anterior;
2.º - Nem todos os anónimos se comportam da maneira que tu insinuas. Pela minha parte não tenho qualquer receio de assumir o que disse há um ano ou há seis meses atrás, ainda que com identidades diferentes. O facto de eu ter acertado em quase todas as minhas anteriores previsões dá-me algum gozo interior. E isso basta-me. Faz-me sentir bem.

Adu, Chalana, Di Maria, Cardozo, Quique, Rui Costa, Suazo, Aimar, Reyes, Quim, Moreira, Moretto, Luisão, Binya, Sidnei, entre outros, deram-me razão. Os que teimam em contrariar o que antes escrevi sobre eles são apenas dois: Balboa, e mais recentemente Maxi que está a surpreender-me pela positiva.

Atirador de sapatos disse...

A minha equipa base:

Moreira, Quim ou Moretto, tanto faz (nenhum deles é suficientemente bom para a minha equipa ideal)
Maxi
Luisão
Sidnei
David Luiz
Binya
Katsouranis
R. Amorim
Aimar
Reyes
Suazo.

Tudo o que vá para além disto é... inventar.

Suplentes à altura de, pontualmente, substituírem um colega: Yebda, Cardozo, Di Maria e Nuno Gomes.

João Bizarro disse...

Cá pra mim estás a inventar.
Um dos erros do Quique tem sido precisamente não meter o Ruben ao centro.

Moreira
Maxi
Luisão
Miguel Vitor
Léo
Katso-Ruben
Suazo-Reyes (nas alas)
Nuno Gomes (ou Aimar)
Cardozo

Atirador de sapatos disse...

Miguel Vitor é generoso, pode vir a melhorar, mas para já só em último recurso.
Léo já não é deste filme.
Katso-Ruben é muito curto no meio campo. Acredita que não dá.
Nuno Gomes mais Cardozo ou Suazo mais Cardozo lá à frente também não.
A melhor equipa é a que foi ganhar de forma categórica ao Funchal

Ricardo disse...

"Pela minha parte não tenho qualquer receio de assumir o que disse há um ano ou há seis meses atrás, ainda que com identidades diferentes."

A questão é exactamente essa. Se não te identificas ou se te identificas com nomes diferentes ao longo do tempo ninguém aqui tem de ti uma ideia concreta sobre ti e sobre as ideias que defendes. E não custa assim tanto registares-te ou até, mesmo sem registo, usares sempre o mesmo nome como esse que usas agora, atirador de sapatos.

Quanto à equipa, parece-me que é inventar colocar o Binya em qualquer equipa que queira jogar futebol. Não é jogador da bola, muito menos para o Benfica.

A equipa que, "de forma categórica", ganhou no Funchal não ganhou assim tão categoricamente até à expulsão, apesar de tudo. Foi um jogo sui generis que não pode servir de referência, além do facto de o Lori Sandri não ter compreendido o que quase todos os outros treinadores (e qualquer gajo com dois olhos) já perceberam: contra o Benfica, basta pressionar forte os jogadores do meio-campo que recebem abola e controlar os espaços dos avançados (sobretudo de Suazo) para aniquilar qualquer tentatia de ataque organizado ou mesmo contra-ataque. Mota compreendeu e, por isso mesmo, num jogo empatou edominou completamente o Benfica; noutro empatou e foi um jogo equilibrado, embora com menos posse por parte dos leixonenses.

Miguel Victor é melhor que o Sidnei e a dupla Katsou-Rubem tem tudo para resultar. Então se falamos em comparação com Katsou-Binya, Eusébio me livre de tal tormenta...

João Bizarro disse...

"Katso-Ruben é muito curto no meio campo."

O que entendes por curto?
Talvez os melhores médios defensivos do mundo sejam "longos": Gatuso, Makelele, Mascherano.

A equipa do Funchal foi a que já jogou muitas vezes e não resultou.

João Bizarro disse...

Robert Enke afirmou que quer terminar a carreira no Glorioso.
Com 31 anos espero é que não demore muito a decidir-se!!!

Anónimo disse...

Qual é a tua equipa-tipo Ricardo? Parece-me que estás a exceder-te com essa do Miguel Victor a titular.

Anónimo disse...

Reforços: Quais as posições que necessitamos de retocar? Sugiram bons negócios para o mercado de inverno.
O desafio é para quem se chegue à frente.

João Bizarro disse...

"Quais as posições que necessitamos de retocar? Sugiram bons negócios para o mercado de inverno.
O desafio é para quem se chegue à frente."

Simão e João Pereira. Não se trata de reforçar mas sim de rectifiar a merda que outros fizeram!

Anónimo disse...

Simão, sempre (mas inviável). João Pereira, não obrigado.

Ricardo disse...

Anónimo (ou atirador de sapatos?),

daquilo que eu vejo, o Sidnei não mostrou mais segurança e qualidade que o M. Victor. Pelo contrário. Se me estou a exceder na sua titularidade? Talvez, mas só se, além do Luisão, tivéssemos um central indiscutível. Coisa que não temos.

A minha equipa-tipo já a disse várias vezes são duas. Uma em 442 losango (o sistema, para mim, perfeito para o plantel que temos) e outra em 433. Curiosamente, nenhuma delas no modelo que o nosso treinador defende. Juro que não é para chatear. Então, em 442 losango:

Moreira (gosto do Quim, mas aceito que agora jogue Moreira)

Maxi (não há outro), Luisão, M. Victor, Ribeiro (não há outro)

Katsouranis
Amorim, Martins
Aimar

Suazo, Reyes (Cardozo)


Em 433:

Moreira
Maxi, Luisão, M. Victor, Ribeiro
Katsou
Amorim
Suazo, Aimar, Reyes
Cardozo


Quanto a reforços, depende. Se a equipa continuar a insistir neste 442 fráfil, diria que essencial mesmo era comprar dois jogadores: um extremo-direito que compreenda bem o jogo, sabendo atacar pela ala, em rasgos, mas sem descurar os equilíbrios defensivos (alguém competente e maduro) e um médio que seja verdadeiramente um box-to-box porque é disso que um 442 clássico necessita, acima de tudo (Amorim é o mais próximo que temos mas não tem o perfil desejado, apesar de tudo).

Se a ideia é começar a apostar num 433, um extremo-direito e dois laterais; se é num 442 losango, dois laterais de qualidade indiscutíel; o resto, temos.

Quanto a nomes, desconheço a capacidade que o Benfica tem para comprar jogadores. Para a extrema, Djalma, do Marítimo, parece-me um jogador com talento mas não sei se seria uma aposta segura. Para as laterais, ia buscar jogadores experientes, de campeonatos mais competitivos e que estejam em situações de pouca utilização nas suas equipas. O médio de transição poderia perfeitamente ser o Tiago. Gosto muito dele e acho uma pena que esteja a ser desaproveitado em Turim (apesar de agora estar a ser mais utilizado). Dacourt, do Inter, também seria uma boa aposta.

Anónimo disse...

sr joao bizarro, o di maria só é bom a jogar ao lado do messi, aguero e lavezzi contra putos de outras selecçoes!? será que ainda nao percebe que ele nem sequer sabe bater um livre condiçoes e que falha mtos passe e que nao sabe aliar a finta à velocidade! é um jogador ao nivel do mbo mpenza?! lembram-se dele?
pegem no dinheiro do di maria e comprem o enke e o reyes! NÓS MERECEMOS!
o Benfica nao é para gente que nao sente o clube! O Enke parece ser um dos k sente, o di maria desde que chegou quis saltar para o Chelsea ou para o Manchester!

Chama Imensa disse...

Eu diria que a produtividade do Di Maria chega a ser inferior á do Porfírio quando representou o Glorioso.

Este argentino é um jogador mediano a puxar para o mediocre e de profissional tem muito pouco.

Fora com ele por favor. 10 milhoes é bom negócio porque depois de rejeitada a proposta de 20 milhoes depois das Olimpiadas, o SLB nunca terá melhor que 10milhões por este trapalhão.

Anónimo disse...

di marias há mtos em divisoes inferiores portuguesas...

Pedro disse...

"di marias há mtos em divisoes inferiores portuguesas..."

Um cadito pó exagerado esta afirmação.

O argentino está a demorar em crescer como jogador de futebol mas tem um potencial q muitos poucos se podem gabar. Infelizmente acho q não será o Benfica capaz de o fazer crescer desse ponto, por motivos bem diversos e alguns sem culpa própria. Se lá fora vai crescer? Talvez. Se será a tempo de deiar marca no futebol mundial? Talvez. São muitos "ses".

Resta saber o q preferimos arriscar: ficar com ele à espera q cresça ou vendê-lo já.

André Leal disse...

Concordo quase sempre contigo, mas tens a capacidade de escrever coisas que me fazem cair o queixo:

"parece-me que é inventar colocar o Binya em qualquer equipa que queira jogar futebol. Não é jogador da bola, muito menos para o Benfica"

Viraste as agulhas agora para o Binya, já que o Maxi (apesar de não haver outro) está a dar cartas.

"Miguel Victor é melhor que o Sidnei"

Só imaginava a mãe do Miguel Victor a dizer isso... Já agora melhor que o Luisão.

Quanto à dupla Katso/Ruben, apesar de nunca a ter visto actuar, parece-me que seria, teoricamente, uma boa solução. Até aqui estava convencido que seria necessária uma dupla de trincos para segurar o meio campo, mas agora fui convencido que afinal precisamos realmente de alguém naquela zona para fazer a transposição para o ataque. Não sei se essa dupla não será demasiado macia, mas para os jogos em casa, pelo menos, deve chegar e bastar. Se calhar, em alguns jogos em que precisemos de mais consistência defensiva, talvez fosse de apostar em Yebda ou Binya com o Ruben. Actualmente o Binya está melhor. Assim, a minha equipa ideal é:

Quim - o Moreira tem estado bem, mas em condições normais voltará o Quim
Maxi
Luisão
Sidnei
David Luiz - Tenho um bocado de medo desta adaptação, pois o David Luiz é um óptimo central e tenho medo que perca a o rotina nessa posição, mas é, em potência, o melhor defesa esquerdo do plantel, descartando o Léo, claro)
Katso
Amorim
Balboa - o melhor extremo direito do plantel ainda que não tenha feito muito
Reyes
Aimar
Suazo - ainda não sei se é melhor que o Cardozo, mas parece-em que sim.

John Billy disse...

Depois de ler os diversos comentários só quero ressalvar uns pontos:
1º Se um campeão olímpico, titular, e que até marcou o golo na decisão da medalha de ouro não tem lugar no Benfica, então dou os parabéns à direcção pela qualidade do plantel. E não venham rebaixar a qualidade dos JO porque ali só estavam jogadores como o Ronaldinho, Robinho, Pato, Messi, Aguero, Riquelme e outros.
Se o Di Maria não tem rendido no Benfica o que tem rendido na Selecção de Argentina só posso apontar culpas ao treinador e ao público. Ainda contra o Nacional, sempre que ele (ou o Cardozo) tocava na bola era assobiado. E ainda querem que o puto evolui com tranquilidade.
2º Ricardo, o Binya tem todas as condições para ser indiscutível do Benfica. E será-lo. Não duvides.
3º Não sei se já viram a lista dos jogadores mais bem pagos do ano passado. É bem elucidativa em certos aspectos: o Porto, e até o Sprting pagaram melhor do que o Benfica, e depois lembro-me de ler aqui que o Nuno Gomes era um coitadinho, que tinha renovado a baixa o seu ordenado. Qual o meu espanto quando vejo que recebeu mais de 2 milhões de euros o ano passado! Isto tudo para um jogador que marcou uns ridículos 7 ou 8 golos. São por essas e por outros que preferia nem renovar o contrato com ele.

PS: Deram-me o PES2009 e no primeiro jogo que faço com o Glorioso sabem o que aconteceu? Lesão do Aimar aos 30'!! Nem na Playstation se safa!
PPS: O filho da p*** do Bard Hari estragou um excelente espectáculo :(

Atirador de sapatos disse...

Quanto à definição do actual onze base, tenho muitos pontos de convergência com as posições do André, do John, do Pedro e do Ricardo.

No meu onze há lugar para os indiscutíveis (Luisão, Sidnei, David Luiz, Katsouranis, Suazo e Reyes) e para os restantes, que vão cumprindo sem me conseguirem deslumbrar (G. Redes, Maxi, Binya, R.Amorim e Aimar).

Dizer que o Maxi ou o Binya chegam para o Benfica que eu idealizo é ser demasiado modesto, mas não há melhores soluções no momento; Aimar em forma é indiscutível mas eu nunca o teria contratado por aquele dinheiro; Di Maria representa uma perspectiva de um bom negócio para o clube, já quanto à sua titularidade imediata, não me parece possível; A Yebda falta-lhe qualquer coisa para se impor. Não é um trinco. Rende mais quando joga solto, sem funções defensivas. É um jogador incompleto; A Katsouranis falta-lhe a garra e a velocidade; Carlos Martins tem um pouco de tudo mas é inconsequente nas suas prestações; Irrita-me o estilo do Cardozo, apesar de marcar uns golos; David Luiz pode tornar-se uma excelente alternativa para o lugar de Léo. Com um estilo diferente, tem melhor jogo posicional, é rápido, tem boa técnica, joga bem de cabeça, sobe bem quando tem espaço, não tem medo de arriscar no um para um. Faz melhor o lugar e é mais útil à equipa que o J.Ribeiro.

Quique é um excelente treinador. Apenas discordei por duas vezes da sua opção inicial na formação da equipa. Para além disso sou dos (poucos, pelos vistos) que lhe reconhecem competência na leitura do jogo. Concordo normalmente com as substituições que faz. Os seus dois/três antecessores (nomeadamente o Chalana) eram uma desgraça, com a agravante deste último ter claros problemas de afirmação e de personalidade junto dos jogadores.

Tenho sérias dúvidas que o Benfica tenha melhor plantel, ou melhor onze base, que o FCP. Se, hipoteticamente, eu tivesse que seleccionar um onze com jogadores das duas equipas, do nosso lado escolheria apenas o Luisão, o David Luiz, o Katsouranis, o Reyes e o Suazo. Os seis restantes seriam do FCP.

Anónimo disse...

o joao coimbra tb relegou o moutinho (esse grande jogador na actualidade que adoraria ter no meu Benfica) para o banco nas camadas jovens da selecção, mas que hoje nem serve para o Benfica nem para o Nacional nem para o meu segundo clube (que tb é da primeira divisão)! o mesmo se aplica ao di maria, apesar do protagonismo e fama deste ser mto maior!
O futuro do Benfica passa por estes jogadores:

Miguel Vitor
David Luiz
Sidnei
Fellipe Bastos
Urreta
Adu
Coentrão
Rubem Amorim

(e de certo que mais produtos de qualidade das nossas camadas jovens surgirão!)

Pedro disse...

"O filho da p*** do Bard Hari estragou um excelente espectáculo :("

?????

vi essa reportagem e deu-me vontade de rir. Os lagartos andam sempre muito preocupados com as finanças do Glorioso e afinal têm mais jogadores no TOP 10 do ano passado do q nós.

Os números do NG não me espantam. Era o q eu esperava apesar de alguns zunzuns em contrário. Se baixar consideravelmente o ordenado acho q deve ficar...

Pedro disse...

John estás a falar disto :

"Badr Hari’s loss of temper did not go unpunished by the K-1 directors. Summarily eliminated from the World GP final for striking Remy Bonjasky while on the ground – which is prohibited in standup fighting – the Moroccan will feel the effects of his poorly-thought-out attitude in his purse, as well as being stripped of his heavyweight title, and will not be recognized as World GP runner up.

Also according to the organizers, Hari may suffer a suspension from competing. Further punishment is being studied for fighter disqualification in future K-1 events."?

Anónimo disse...

Preocupante… muito preocupante. Vejam isto:

http://geracaobenfica.blogspot.com/2008/12/o-papa-dos-merdia-nacionais.html

Ricardo disse...

André,

"Viraste as agulhas agora para o Binya, já que o Maxi (apesar de não haver outro) está a dar cartas."

Da forma como dizes isto, parece que queres fazer crer que eu preciso de ter alguém em quem bater. Se o Maxi subiu de produção, entra o Binya para o cadafalso. Nada mais... falso. Primeiro, eu quando criticava o Maxi (e agora, não criticando porque realmente melhorou o seu jogo e evitou os erros estúpidos que faziam com que sofrêssemos golos estúpidos, continuo a achá-lo insuficiente para o Benfica) o Binya nem sequer era opção para o Quique - portanto, não se tratava de o não criticar antes e agora criticar porque ele, simplesmente, não jogava; depois, acho que se torna constrangedor olhar para aquele jogador em campo. Pelo menos, na minha perspectiva.

"Só imaginava a mãe do Miguel Victor a dizer isso... Já agora melhor que o Luisão."

É a minha opinião. Vale o que vale. Para ti, é evidente que o Sidnei é muito melhor que o Victor? Por esta frase, parece que sim. Para mim, não só o Sidnei não é melhor que o Victor como o Victor é melhor que o Sidnei.

O Sidnei é o que se pode chamar de chamariz perfeito para os adeptos: marca golos e tem um estilo imponente; o Victor é o contrário: não sobe tanto nos cantos (tem uma estatura inferior) e é muito mais discreto. No entanto, na tomada de decisão sob pressão, o português bate aos pontos o brasileiro. Joga sempre mais correcto, escolhe define bem, raramente arrisca passes de risco elevado na zona defensiva, ao contrário do Sidnei que, por aquilo que vi, já o fez por várias vezes ao longo da época. Posicionalmente, acho o português superior ao brasileiro e mesmo em entendimento do jogo (falo da inteligência necessária para entender os conceitos colectivos do jogo) acho-o melhor.

Com isto não quero dizer que o Sidnei é uma merda; não é, pelo contrário, tem, além das excelente capacidades físicas, muito espaço de manobra para crescer tacticamente e ao nível das decisões no próximo ano, aproveitando para se adaptar correctamente a um estilo diferente daquele com que vinha formatado do Brasil. Mas, neste momento, Victor é, aos meus olhos, melhor jogador que o brasileiro e merece, se a escolha é entre os dois, a titularidade. Se quiseres argumentar sobre a tua posição, força.

Quanto ao que dizes sobre o David Luiz, discordo totalmente. Não acho que tenha qualidades para ser lateral-esquerdo e até me parece que, se continuar nessa posição, vai perder o comboio da evolução que vinha fazendo como central e que tanto prometia.

Quanto a Balboa no onze, devolvo-te a expressão "coisas que me fazem cair o queixo". Acho que sabes as razões :)


John,

"Ricardo, o Binya tem todas as condições para ser indiscutível do Benfica. E será-lo. Não duvides."

Ah duvido, duvido. Totalmente. Nada contra o rapaz, coitado, é esforçado. Só não é jogador de futebol mas isso é um problema do Benfica e de quem o põe em campo. Se Quique acha que precisamos de um verdadeiro 6, então aconselho-o a procurar agora em Janeiro esse jogador. Com Binya no onze, estaremos sempre mais perto de perder pontos.

John Billy disse...

Estou Pedro.
Tinha tudo para ser uma grande final mas o Badr Hari estragou tudo com uma atitude a "Bruno Alves". Foi pena.

João Bizarro disse...

Quando é o jogo com os porkos?
É que parece que o Suazo não pode jogar e o Urreta só volta em Fevereiro!

John Billy disse...

Ricardo, se não vier nenhum "6" em Janeiro, o Quique não tem outro remédio do que por o Binya a titular. É o único que dá garantias nessa posição. Alias quando o homem não joga, o Benfica raramente ganha o meio campo. Contra o Nacional foi mais do que evidente. Desconfio que com a dupla tão pedida pelos adeptos (Kats/Amorim) o Benfica nem cheirava a bola.
Em relação ao David Luiz partilho a tua opinião. Não serve para lateral esquerdo.

John Billy disse...

Se o Urreta só volta em Fevereiro, peço à Deus para o jogo ser em Janeiro :)
O Suazo falhar o jogo é uma péssima notícia.

Atirador de sapatos disse...

Ricardo, contra o Trofense vais ter de engolir o David Luiz a lateral esquerdo e o Binya à frente da defesa. É cá um palpite.

Atirador de sapatos disse...

Lá vamos nós levar com o Cardozo frente ao B. Alves. Missão ingrata.

Anónimo disse...

Temos uma espécie de Hi5 só para nós Gloriosos Apaixonados do maior clube do mundo.

Acho que vão gostar:

www.aguiasdobenfica.com,

uma rede social só para nós que já temos:
31 Campeonatos
27 Taças
4 Super Taça Cândido de Oliveira
2 UEFA Champions League

e agora uma rede social

www.aguiasdobenfica.com

SLB! Glorioso SLB!
Até já,
www.aguiasdobenfica.com

João Bizarro disse...

"Se o Urreta só volta em Fevereiro, peço à Deus para o jogo ser em Janeiro"

Afirmação TRISTE.
Mas habitual em adeptos do Benfica.
Dizer isto de um puto de 18 anos é no mínimo TRISTE!!!

Ricardo disse...

John,

"Ricardo, se não vier nenhum "6" em Janeiro, o Quique não tem outro remédio do que por o Binya a titular."

Eusébo me livre. Se Quique não arranjar outra solução e se persistir no Binya até final dificilmente ganharemos o campeonato.

"É o único que dá garantias nessa posição."

Dá? Garantias de quê? De péssimos passes, péssimos remates e entradas estúpidas?

"Alias quando o homem não joga, o Benfica raramente ganha o meio campo."

O Benfica raramente ganha o meio-campo mas isso é com ou sem Binya. Pela simples razão de que o estilo de jogo do Benfica não favorece a conquista do meio-campo. A bola ou vai directamente da defesa pelo ar para os adversários ou vai para o Reyes directamente, sem jogo pensado a meio ou, em contra-ataque, sai rápido para a zona ofensiva. O Benfica e este sistema, em particular, não privilegia a posse, muito menos com jogadores que não sabem tÊ-la mais de 3 ou 4 segundos, como o Binya. Referes-te ao facto de o camaronÊs andar a correr atrás dos outros e às vezes conseguir ficar com ela. O problema é que, por cada 2 que recupera, perde 3. Isso não é "ganhar o meio-campo".

"Desconfio que com a dupla tão pedida pelos adeptos (Kats/Amorim) o Benfica nem cheirava a bola."

Cheirava porque são dois jogadores que sabem guardá-la, rodá-la, pensar o jogo de forma inteligente e, tecnicamente, são evoluídos, o que faz com que não se percam bolas absurdas com passes absurdos ou remates absurdos. Se, jogando com 2 jogadores apenas no miolo, precisamos de um jogador mais intenso na zona central? Sim, pode ser que sim, mas prefiro ter dois jogadores inteligentes e com boa capacidade de pressão do que um com isso e outro que confunde pressão com sarrafada e que é bastante burro.

Ricardo disse...

Atirador,

"Ricardo, contra o Trofense vais ter de engolir o David Luiz a lateral esquerdo e o Binya à frente da defesa. É cá um palpite."

Não tenho grandes dúvidas sobre isso. E isso é que me preocupa no Quique (mais a opção Binya que qualquer outra, como é evidente).

Pedro disse...

O Binya com todos os defeitos q tem é o único jogador deste Benfica capaz de dar dinâmica ao meio campo. É um esteio defensivo muito útil pela sua capacidade fisica e pressionante. Infelizmente não teve melhoras no passe como seria desejado. Sem ele podemos ser muito bons de bola mas somos macios demais e sofremos muito com isso. E não se iludam, ele faz muito menos faltas do q as decisões dos árbitros fazem crer. Basta ver os dois últimos amarelos q levou, foram patéticos!!

Suazo não jogar na pocilga é q foi a noticia q me estragou o fim de semana...Mas, veja-se pelo lado positivo, pelo menos não se vai lesionar lá com as entradas assassinas do tronco alves...

Concordo com muito do q dizes do Vitor (e esse palavreado cheira-me a demasiado "entredez" hehe) mas acho q Sidnei é um excelente central, sabe sair com a bola jogável muito melhor do q Luisão.

John Billy disse...

João, triste foi o teu último comentário. Triste e sem sentido.

Ricardo, podíamos estar todo a noite a discutir a utilidade do Binya que não chegaríamos a lado nenhum. Dizes isto "Dá? Garantias de quê? De péssimos passes, péssimos remates e entradas estúpidas?"
Em relação às entradas, o Pedro já respondeu. Tivessem os árbitros o critério utilizado na avaliação às entradas do Bruno Alves e o Binya era um santo.
Passa mal a bola? É verdade. Remata mal? É verdade. Mas a função dele é recuperar a bola e passa-la de imediato ao tal "8" (Katsouranis ou Amorim).

"Cheirava porque são dois jogadores que sabem guardá-la, rodá-la, pensar o jogo de forma inteligente e, tecnicamente, são evoluídos, o que faz com que não se percam bolas absurdas com passes absurdos ou remates absurdos."
O problema é que antes de guardar e rodar a bola é necessário ganhá-la.

Ricardo disse...

"O Binya com todos os defeitos q tem é o único jogador deste Benfica capaz de dar dinâmica ao meio campo."

Hein? Fala-me desse conceito de dinâmica, Pedro. É que tem de se rum conceito bastante diferente do meu. A sério, explica-te lá para ver se eu entendo essa de o Binya ser o "único jogador deste Benfica capaz de dar dinâmica ao meio campo".

"É um esteio defensivo muito útil pela sua capacidade fisica e pressionante."

Um... um... um... "esteio"!?!?!? Quais Redondos, Paulos Sousas, Pirlos, Gagos, Makeleles, quais quê, pá, o Binya é um ESTEIO defensivo!!! LOL Ó Pedro, o Binya é um gajo banalíssimo. E bastante burro nas decisões que toma também.

"Infelizmente não teve melhoras no passe como seria desejado."

Esta ideia de que só gajos que andem a cheirar as canelas dos outros é que defendem bem é daquelas com as quais eu discordo de todas as formas e mais algumas. O Amorim defende MUITO melhor do que o Binya. De longe. Quanto ao passe, enfim, como é que alguém pode defender que um jogador que não sabe fazer passes certos de 2 metros deve ser titular no Benfica? É mistério insondável.

"E não se iludam, ele faz muito menos faltas do q as decisões dos árbitros fazem crer. Basta ver os dois últimos amarelos q levou, foram patéticos!!"

Não, Pedro, a malta aqui não vai atrás dos árbitros. O Binya é burro nas entradas que faz e - heresia das heresias - normalmente merece mesmo o amarelo porque está várias vezes desposicionado e entra de forma perigosa quando vÊ que está ultrapassado.

"Concordo com muito do q dizes do Vitor (e esse palavreado cheira-me a demasiado "entredez" hehe)"

Eh pá, o futebol não tem grandes saídas linguísticas. Se queres aprofundar um assunto tens de cair nos termos técnicos ou semi-técnicos ou pseudo-técnicos. Mas até não é assim tão complexo quanto isso.

Ricardo disse...

"O Binya com todos os defeitos q tem é o único jogador deste Benfica capaz de dar dinâmica ao meio campo."

Hein? Fala-me desse conceito de dinâmica, Pedro. É que tem de se rum conceito bastante diferente do meu. A sério, explica-te lá para ver se eu entendo essa de o Binya ser o "único jogador deste Benfica capaz de dar dinâmica ao meio campo".

"É um esteio defensivo muito útil pela sua capacidade fisica e pressionante."

Um... um... um... "esteio"!?!?!? Quais Redondos, Paulos Sousas, Pirlos, Gagos, Makeleles, quais quê, pá, o Binya é um ESTEIO defensivo!!! LOL Ó Pedro, o Binya é um gajo banalíssimo. E bastante burro nas decisões que toma também.

"Infelizmente não teve melhoras no passe como seria desejado."

Esta ideia de que só gajos que andem a cheirar as canelas dos outros é que defendem bem é daquelas com as quais eu discordo de todas as formas e mais algumas. O Amorim defende MUITO melhor do que o Binya. De longe. Quanto ao passe, enfim, como é que alguém pode defender que um jogador que não sabe fazer passes certos de 2 metros deve ser titular no Benfica? É mistério insondável.

"E não se iludam, ele faz muito menos faltas do q as decisões dos árbitros fazem crer. Basta ver os dois últimos amarelos q levou, foram patéticos!!"

Não, Pedro, a malta aqui não vai atrás dos árbitros. O Binya é burro nas entradas que faz e - heresia das heresias - normalmente merece mesmo o amarelo porque está várias vezes desposicionado e entra de forma perigosa quando vÊ que está ultrapassado.

"Concordo com muito do q dizes do Vitor (e esse palavreado cheira-me a demasiado "entredez" hehe)"

Eh pá, o futebol não tem grandes saídas linguísticas. Se queres aprofundar um assunto tens de cair nos termos técnicos ou semi-técnicos ou pseudo-técnicos. Mas até não é assim tão complexo quanto isso.

Ricardo disse...

John,

"Tivessem os árbitros o critério utilizado na avaliação às entradas do Bruno Alves e o Binya era um santo."

Acreditas mesmo que são os árbitros que fazem a fraca interpretação dos lances por parte do Binya? Os árbitros dão-lhe amarelos que quase todos os benfiquistas acham injustos. Uma ou outra vez, sim, mas normalmente merece-os porque não sabe fazer as entradas para além de que faz várias (mesmo que pouco violentas) ao longo do jogo o que, como se sabe, também dá direito a amarelo. Não desculpem um jogador só porque ele é do Benfica. Ele não tem culpa e dá o que tem. Só que tem pouco, é só.

"Passa mal a bola? É verdade. Remata mal? É verdade. Mas a função dele é recuperar a bola e passa-la de imediato ao tal "8" (Katsouranis ou Amorim)."

Tu vês futebol de forma individual, eu não. Para mim, qualquer jogador de uma equipa que se quer de top tem de saber ler e dominar princípios básicos de futebol. Um 6, provavelmente a posição mais importante do futebol moderno na forma como gere os vários tempos do jogo, tem de saber, acima de tudo, passar. Sem isso, não serve. Para ti, isso não interessa. Recupera a bola e dá a outro e sai do jogo até à próxima vez em que o chamarem para recuperar umas bolas. Isso não é futebol, é o serviço ao domicílio da Telepizza.

"O problema é que antes de guardar e rodar a bola é necessário ganhá-la."

Garanto-te que com Amorim e Katsouranis no miolo ganhas mais bolas do que com o Binya em campo. É científico. Porquê? Porque são jogadores que entendem o jogo. Entendendo o jogo, sabem ser superiores em posicionamento e, acima de tudo, em antecipação dos lances. Para além disso, de que serve um Binya que recupera umas bolas se as perde logo a seguir? E repito: Binya não recupera mais bolas do que Amorim se este estivesse no miolo. Pelo contrário.

André Leal disse...

Lol, Ricardo em grande. Não deixa as "provocações" no ar e responde a tudo! Discussões elevadas é com ele.

Mas quanto ao conteúdo, nomeadamente ao assunto Binya, continuo com algumas divergências:

"Tivessem os árbitros o critério utilizado na avaliação às entradas do Bruno Alves e o Binya era um santo."

Acho que esta afirmação do John é mais que certa e acho que a rebateste mal, pois a intenção era demonstrar que os árbitros são demasiado permissivos com o Bruno Alves, não o sendo, de maneira nenhuma, com o Binya. E se o critério fosse o mesmo, ou seja, o utilizado relativamente ao Bruno Alves actualmente, ele não seria visto como um santo (tal como o Grunho não é), mas não teria metade dos cartões que tem.

Há tempos penso que falaste sobre os dois remates perfeitamente absurdos do Binya em Coimbra. Se não foste tu foi outro aqui no blog. Pois esses pormenores bem visíveis não ofuscaram, para quem pode ver (e eu e o John vimos ao vivo), a prestação magnífica do Binya. Nesse jogo ele ganhava a primeira, a segunda e a terceira bola se tal fosse preciso e foi o jogo em que o Benfica melhor dominou o meio campo desde o início da época.

Acho que, apesar de teres alguma razão nas críticas que lhe fazes, só estás a ver o pior dele. Ele é realmente pródigo em momentos muito maus, mas para se passar de dispensado a elemento muito utilizado teve que mostrar algo ao Quique que tu notoriamente ainda não conseguiste ver. Eu acho que já vi algo nele que me inspira muita confiança. Acho sinceramente que, se for bem talhado e tiver vontade de aprender, se pode tornar num excelente jogador.

João Bizarro disse...

Afinal o Suazo joga contra os corruptos.
O record mais uma vez lançou uma não-noticia!

John Billy disse...

É isso mesmo André. Não se pode só ver o lado negativo. Principalmente se os defeitos são "fáceis" de corrigir.
Ricardo há dois pontos que tens que explicar:
O primeiro é este:

"Tu vês futebol de forma individual, eu não. Para mim, qualquer jogador de uma equipa que se quer de top tem de saber ler e dominar princípios básicos de futebol. Um 6, provavelmente a posição mais importante do futebol moderno na forma como gere os vários tempos do jogo, tem de saber, acima de tudo, passar."

É por ver o futebol de forma colectiva que discordo de ti. Se são onze, cada um pode ter a sua missão. E, continuando a discordar de ti, a principal missão do "6" é recuperar bolas e servir de "bombeiro". Para ler o jogo temos o 8.... Diabo tenho que sair.
Continuará...

Hugo disse...

Concordo em pleno com o Ricardo, relativamente ao Binya. Acho que não é jogador para o Benfica.
O mitico "6" ou "trinco" (como lhe queiram chamar, terá de saber jogar à bola (o que não acontece com o Binya), não chega recuperar bolas e depois perde-las com um passe errado. A diferença de um jogador destes, é saber fazer a diferença defensiva e ofensivamente. tem de saber colocar a bola jogável tanto em curto como em longo espaço.
Se falarmos posicionalmente, então o Binya é fraquissimo, pois lê mal o jogo e entra sempre fora de tempo.

Atirador de Sapatos disse...

Sobre qual equipa (Benfica ou FCP) tem o melhor plantel e o melhor onze titular, não dizem nada?

Se fosse possível fazer uma selecção dos dois planteis, qual era o onze que escolheriam?

Na minha opinião o plantel do Benfica é mais rico quanto ao número de soluções alternativas, já quanto ao onze base, sem lesões e sem castigos, o do FCP é ligeiramente superior.

Ricardo disse...

John,

"Principalmente se os defeitos são "fáceis" de corrigir."

Fáceis? Eu vejo os problemas que o Binya tem com irreversíveis. Não acho que possa melhorar num ponto essencial e que ele não tem: inteligência futebolística, disponibilidade mental para decidir correctamente, entendimento do jogo para se posicionar no sítio certo, capacidade intuitiva para antecipar as jogadas. Nada disto Binya tem e, quanto a mim, nunca terá.

"É por ver o futebol de forma colectiva que discordo de ti. Se são onze, cada um pode ter a sua missão."

Não me parece que vejas, John. Quem escreve que o Binya está lá para cortar bolas e depois a dar para os outros não me parece que tenha do futebol uma ideia colectiva. Claro que cada um tem missões específicas mas inseridas num todo em que todos exercem as suas funções como equipa e não individualmente. Para isso, terão de dominar princípios básicos, como um passe a 2 ou 3 metros ou uma recepção de um passe a 5 metros. Binya não tem isso. Jogando onde joga, ou seja numa posição crucial do campo (mas podia jogar noutra qualquer posição que as exigências se manteriam), só se for inteligente como jogador poderá ser um jogador para uma equipa como o Benfica. Não é e, portanto, nunca será.

Depois é curioso que falam sempre naquilo que o Binya poderá ainda ganhar como se tivesse 18 anos. Binya não tem muito espaço para evoluir e, tendo em conta as suas enormes debilidades, não lhe vejo capacidades para subir degraus para um nível aceitável.

"continuando a discordar de ti, a principal missão do "6" é recuperar bolas e servir de "bombeiro". Para ler o jogo temos o 8"

Não podia discordar mais de ti e acho que esta frase explica bem como tu vês futebol, que é uma forma distinta da minha. As razões acho que já as expliquei.

No entanto, se fôssemos pela tua visão deste desporto, até consigo entender que aches o Binya um bom jogador. Ou mais ou menos porque nessa de recuperar bolas, até aí, ele não passa de um jogador razoável.

O Hugo completou bem aquilo que queria dizer. Nem mais.

Ricardo disse...

Atirador de Sapatos,

"Se fosse possível fazer uma selecção dos dois planteis, qual era o onze que escolheriam?"

Quim
Fucile, Luisão, B. Alves, Léo
Meireles, Katsouranis
Lisandro, Lucho, Reyes
Suazo

6 do Benfica, 5 do Porto. Mas admito que, dependendo da táctica, a escolha poderia ser ao contrário, em número de jogadores de um e de outro clube. O que me parece é que, em termos de homens que aqui não foram falados e que seriam soluções para o banco, o Benfica tem mais e de melhores capacidades. Nesse sentido, diria que os onzes estão equilibrados mas o Benfica tem melhor plantel, particularmente do meio-campo para a frente. Defensivamente, como equipa, o Porto é melhor. Mas isso não tem a ver com os jogadores que tem, é outra discussão...

João Bizarro disse...

O Bynia desde que recupere a bola e jogue simples ao primeiro toque, pode ser útil em alguns jogos. Quando ele quer dar mais que um toque na bola e inventar uma qualquer jogada... está o caldo entornado.
O problema para mim tem estado no meio-campo, pouco criativo a atacar e mau a defender.
Quiseram o Petit dali para fora, agora aguentem-se.

João Bizarro disse...

Respondendo ao atirador de sapatos:

Moreira
Maxi - Luisão - David Luiz - Léo
Katso - Raul Meireles
Lucho
Suazo - Lisandro - Reyes

Hugo disse...

Quanto à comparação da equipa ideal entre Benfica e FCP:

Helton
Maxi, Luisão, Sidnei e David Luiz
Katsouranis, Raul Meireles ou Ruben Amorim e Lucho
Reyes, Aimar ou Lizandro e Suazo.

Eu escolhi aqueles que acho que são melhores jogadores, pode-se ter algumas duvidas, relativamente ao "momento" de forma de este ou aquele, como é o caso do Aimar, mas no meu onze e sempre que ele estiver em condições para jogar, é titularíssimo, pois é o melhor jogador e com mais arte nos relvados de Portugal.

È evidente que jogadores como: Bruno Alves, Leo, Cebola, Di Maria, Hulk e Cardozo (numa táctica diferente), poderiam também ser opções.

John Billy disse...

Ricardo, o Binya tem 24 anos. É muito? Acho que pode evoluir e bastante. Os defeitos que continuas a apontar (inteligência futebolística, disponibilidade mental para decidir correctamente, entendimento do jogo para se posicionar no sítio certo, capacidade intuitiva para antecipar as jogadas) são bastante subjectivos. Para mim o que conta são os números. No próximo jogo que fizer, vou apontar as bolas perdidas e recuperadas e vamos ver se é como tu ou o Hugo dizem. Quem lê os vossos comentários fica com a ideia que bola no Binya é bola para o adversário.

"Não me parece que vejas, John. Quem escreve que o Binya está lá para cortar bolas e depois a dar para os outros não me parece que tenha do futebol uma ideia colectiva."
É Ricardo. É jogo colectivo, é capacidade de sacrifício e pensar primeiro na equipa. Podes dizer que para "6" preferes jogadores mais técnicos, com passes a rasgar a defesa mas isso é um gosto pessoal.
Basta ver um jogador como o Makelele, possivelmente um enorme "6" e nunca lhe vi um remate, nem uma abertura, nem um passe de 10 metros. No Real recuperava a bola e passava ao Zidane. No Chelsea ao Lampard. Isto é futebol colectivo, sem protagonismo individual.

John Billy disse...

Helton,
Maxi, Luisão, Sidnei, J Ribeiro
Raul Meireles, Kastouranis, Lucho
Lisandro, Suazo e Reyes.
4-3-3

Atirador de Sapatos disse...

Helton,
Fucile, Luisão, B. Alves, D. Luiz
Raul Meireles, Kastouranis, Lucho
Lisandro, Suazo e Reyes.

Hugo disse...

"Basta ver um jogador como o Makelele, possivelmente um enorme "6" e nunca lhe vi um remate, nem uma abertura, nem um passe de 10 metros."

Certo John, mas não a perdia, aí está a diferença. Via-se o Makelele a jogar certinho. O seu poder de antecipação e sua colocação era a sua arma. Isso não consegues ver no Binya, nem nunca verás. Vai melhorar é certo, mas nunca em Portugal, pois está marcado e tem de ser mais inteligente para contornar a situação.
O Makelele varria o jogo e o Binya nem de perto o faz.
Estou-me a lembrar de um jogador que passou pelo Glorioso que conseguia varrer e era limitado tecnicamente - o Amaral (coveiro).

Mas para mim isso é pouco, um trinco actual tem de fazer mais.

Luís disse...

Ricardo estou contigo! Mas não são precisas tantas palavras para dizer o seguinte: O BYNIA é um CEPO e está a MAIS NO BENFICA! Isso é tão claro como a côr daqueles espinhos que ele tem no cucuruto.

Quanto à proposta do atirador, não alinho, pois a mera visão de um 11 com os nossos bravos misturados com aquela escória dá me vomitos.

João, bem me parecia que o Suazo não jogar contra o FC Corruptos só podia ser mais um furo à Rascord.

Vamos a eles!

Ricardo disse...

John,

"Ricardo, o Binya tem 24 anos. É muito? Acho que pode evoluir e bastante."

É muito, tendo em conta que aos 24 ninguém aprende a jogar futebol, que é o que o Binya precisa.

"Os defeitos que continuas a apontar (inteligência futebolística, disponibilidade mental para decidir correctamente, entendimento do jogo para se posicionar no sítio certo, capacidade intuitiva para antecipar as jogadas) são bastante subjectivos."

Subjectivo? Não acho. Se o olhar estiver atento, estas qualidades vêem-se de forma clara. Ou não se vêem, no caso do Binya.

"Para mim o que conta são os números."

Hmmm? Quais números? Vais fazer a contabilidade de cortes e recuperações de bola do Binya? Certo. Faz também os passes errados, as más decisões sob pressão, os maus remates e as perdas de bola.

"No próximo jogo que fizer, vou apontar as bolas perdidas e recuperadas e vamos ver se é como tu ou o Hugo dizem."

Faz isso. Acho que é um bom exercício. Se os "números" forem de tal forma bons que o façam merecer ser um indiscutível do Benfica, como dizes, sou gajo para aceitar esse seu estatuto na equipa.

"Quem lê os vossos comentários fica com a ideia que bola no Binya é bola para o adversário."

Não são todas, como é óbvio, mas é uma grande percentagem. O que, como é evidente, não favorece um jogador que é titular no Benfica. Nem favorece a opção do seu treinador.

"Podes dizer que para "6" preferes jogadores mais técnicos, com passes a rasgar a defesa mas isso é um gosto pessoal."

Eu não disse que queria "passes a rasgar a defesa", disse que queria um jogador inteligente. E isso Binya não é.

"Basta ver um jogador como o Makelele, possivelmente um enorme "6" e nunca lhe vi um remate, nem uma abertura, nem um passe de 10 metros. No Real recuperava a bola e passava ao Zidane. No Chelsea ao Lampard."

Se não viste ao Makelele um remate, uma abertura ou um passe de 10 metros então não deves ter visto muitos jogos dele. É claro que o seu jogo era essencialmente de pressão extremamente bem feita, inteligência posicional e passes curtos mas aí era mestre. Compará-lo ao Binya é anedótico. O camaronês não sabe pressionar tendo em conta as necessidades e as ideias da equipa (que é uma coisa diferente de correr desalmadamente atrás das caneleiras dos adversários), não se sabe posicionar e não sabe passar. Não vejo em que é que se possa comparar um com o outro. Isso é como comparar o Coentrão com o Simão ou com o Ronaldo: sim, são da mesma posição, mas é só isso.

"Isto é futebol colectivo, sem protagonismo individual.

Sim, o jogo de Makelele era em função do jogo colectivo. De forma brilhante, como se sabe. O de Binya é jogo individual. Primeiro, porque não serve os interesses da equipa (é incapaz de compreender quais os pressupostos pela qual ela se rege porque não conhece o jogo), depois porque age por impulso, nunca em função de uma ideia maior de conjunto - essa é uma das razões porque se desposiciona, primeiro, e comete faltas em desequilíbrio, depois.

Anónimo disse...

que tal esta equipa:

Nuno; Lino, Stepanov, Carriço, Benitez; Bollati, Farnerud; Balboa, Urreta, Di Maria; Makukula


eh eh eh viva

BENFICA SEMPRE

John Billy disse...

Ricardo,

"Faz isso. Acho que é um bom exercício. Se os "números" forem de tal forma bons que o façam merecer ser um indiscutível do Benfica, como dizes, sou gajo para aceitar esse seu estatuto na equipa."
Fica descansado que o vou fazer. Assim de cabeça, fico com a ideia que o jogador que perde mais bolas é o David Luiz mas no Domingo já tiro dúvidas.

"Se não viste ao Makelele um remate, uma abertura ou um passe de 10 metros então não deves ter visto muitos jogos dele."
Desde puto que vejo todos os jogos do Real Madrid (o meu 2º clube), por isso vi montes de jogos do Makelele. Sem contar com os do Celta, Chelsea e Selecção Francesa.
Se viste um remate, uma abertura ou um passe de 10 metros ao Makelele então a tua televisão deve ter algum problema.
O Makelele é isso: recupera a bola e passa da maneira mais simples e segura. O problema é que para ti é um defeito. Um grande jogador tem que saber efectuar um passe de 50 metros e driblar quem se meta a frente. Para mim não. Um grande jogador tem que cumprir a sua missão a perfeição, seja ela defender, marcar um adversário, um golo ou recuperar bolas. E em termos de recuperações de bolas o Makelele era um génio.
Outro grande "6" do Real Madrid era o Redondo. Este sim era um "médio" que enchia os olhos porque tinha uma técnica apuradíssima, digna de um nº10. Mas era único. Não me lembro de ninguém com as suas características.

"Compará-lo ao Binya é anedótico"
Quando é que os comparei?

Com isso não quero dizer que o Binya é um fora de série. Longe disso. Mas é o único "6" que temos no plantel (não sei qual o valor do Felipe Bastos). O Katsouranis joga muito melhor solto e é um desperdício prende-lo mais atrás. O Amorim também é mais ofensivo, tal como o Yebda. Por isso, ou vamos as compras, e gostava de saber quais são as vossas opções, se possíveis realistas, ou então o Binya tem que ser titular.

Diabo Vermelho disse...

O meu palpite para a posição 6 é o seguinte: David Luiz. Já escrevi uma vez e repito. Gostava que Quique fizesse a experiência.
John, desculpa lá, mas não viste muitos jogos do Makelele ou então estavas distraído. Nos clubes ou na selecção, Makelele sempre foi ele a assegurar a primeira fase de construção da equipa, com passes curtos ou longos, dependendo das circunstâncias do jogo. E isso é o que deve ser um seis, assumir a responsabilidade de ser o primeiro a formatar as jogadas de ataque e o Bynia nem em sonhos consegue fazer isso, trazendo desiquilibrios insanáveis e estruturais à equipa na forma como ataca a baliza, porque não podendo ser Bynia a definir a primeira saída de bola para o ataque, um dos outros médios deve recuar para o fazer, num contágio que faz sempre com que faltem jogadores na zona onde tudo deve ser fluido e eficaz, o ataque. E sobre a quantidade de bolas recuperadas por Bynia, são proporcionais às bolas que perde, pois sem tantas perdas de bola não seria necessário tantas recuperações. E é a soma disto tudo que torna o meio-campo do Benfica muito pouco eficaz no controlo da bola e do jogo, porque faltam jogadores que mantenham a posse de bola, que mantenham a possibilidade de tirar a bola do centro do jogo e que ofereçam à equipa uma posse de bola que dê para rodar a equipa e o adversário. E agora digam-me onde raio cabe Bynia neste filme? Simplesmente não cabe, porque não tem qualidade para jogar no Benfica. E o mais espantoso é que os mesmos que defendem o Bynia, atacam o Di Maria. Os deuses devem mesmo estar loucos.
Minha equipa:
Quim; Maxi, Luisão, David Luiz e Léo; Ruben e Katsouranis; Suazo, Aimar e Reyes; Cardozo.

Pedro disse...

Acho q se entrou num caminho errado para analisar o Binya. Se vamos buscar Redondos ou Makeléles então, caros amigos, ninguem no SLB presta. Ponto final.

Se eu tivesse um desses jogadores no Glorioso esta conversa não existia, mas não temos, o q temos são os jogadores q temos e é com eles q devemos fazer jogos mentais sobre qual é a melhor equipa.

Binya é o unico jogador do SLB q tem disponibilidade fisica para fazer 90 minutos sempre ao mesmo ritmo e sim, por vezes é preciso morder as canelas aos adversários, é preciso mal eles recebam a bola ter um jogador nosso em cima deles para não lhes dar tempo para nada. E Binya é o unico jogador do SLB capaz disso. Katsouranis e Ruben são mais jogadores, ninguem diz o contrário, mas tb são muito mais macios, muito mais permeáveis, muito menos pressionantes. Por outras palavras estes jogadores dão tempo ao adversário. Sim podem ter uma cultura táctica muito boa, um bom posicionamento em campo mas dão espaço ao adversário para pensar o jogo, Binya actua de outra forma. De uma forma mais pressionante, cai em cima do adversário mais depressa e mais forte.
Um "seis" tem q fazer faltas, actua numa zona do terreno e com uma missão em q tem q fazer faltas. Falha muito no passe. Mas infelizmente não tem sido só ele. Não o defendo como jogador ideal para vestir o manto sagrado, defendo-o apenas como jogador útil no plantel do SLB pelas características únicas q tem.

E Ricardo, não te iludas, num campeonato como o nosso é muito importante ter jogadores com este tipo de disponibilidade fisica. Saibam eles serem bem utilizados e aproveitados pelos técnicos. Betos, Fernandos Aguiares, Binyas, todos eles são uteis em determinados jogos e em determinados contextos.

Em relação aos árbitros já sei q não vale a pena falar ctg sobre o assunto. São todos uns anjinhos q apitam sempre bem e os benfiquistas é q são uns queixinhas...

João Bizarro disse...

"E o mais espantoso é que os mesmos que defendem o Bynia, atacam o Di Maria. Os deuses devem mesmo estar loucos."

Pensei o mesmo. Di Maria, 20 anos... LIXO.
Bynia, 24 anos... bom, com margem de progressão!

John Billy disse...

"E o mais espantoso é que os mesmos que defendem o Bynia, atacam o Di Maria. Os deuses devem mesmo estar loucos."
Diabo, não sei para quem foi essa boca mas para mim não deve ser de certeza pois acredito no valor do argentino.
Ainda em relação ao Makelele, acho que deves estar a confundir com outro jogador, mas nem vou falar mais dele porque isto é um blog do Benfica e não do PSG.
Falando agora da posição "6", da maneira que vocês a idealizam acho bem o Rui Costa buscar o Pirlo já em Janeiro.
Mais a sério lembro-me da final de Sevilha entre o Porto e o Celtic. O Costinha estava castigado e que escolheu o Mourinho para a posição "6"? Escolheu esse portentoso técnico chamado Ricardo Costa. Mas isso é o Mourinho que não percebe nada de bola.

"Um "seis" tem q fazer faltas, actua numa zona do terreno e com uma missão em q tem q fazer faltas. Falha muito no passe. Mas infelizmente não tem sido só ele. Não o defendo como jogador ideal para vestir o manto sagrado, defendo-o apenas como jogador útil no plantel do SLB pelas características únicas q tem."

É isso mesmo Pedro.

Anónimo disse...

o bynia já mostrou mais em campo que o di magia ou bluffia (como queiram)... disso nao tenham duvidas!
mas ambos nao sao ainda jogadores para serem titulares!

VIVA O BENFICA - os árbitros do porto reunem-se! pk será? será pk ainda nao nos conseguiram tirar do primeiro lugar?

Ricardo disse...

John,

"O Makelele é isso: recupera a bola e passa da maneira mais simples e segura."

É isso e muito mais, mas, sim, essencialmente era isso. Daí não ter compreendido a razão por teres falado nele se estávamos a falar no Binya. É que o Binya não recupera a bola e passa da maneira mais simples e segura; muitas vezes, quando recupera a bola, faz um passe errado e perdemo-la.

"O problema é que para ti é um defeito."

Um defeito? Nunca disse isso. Primeiro, porque ele não fazia só isso (digo fazia porque, enfim, já não é o mesmo jogador), segundo, porque o seu jogo simples era genial. Nenhum defeito nisso. Não compreendo, mais uma vez, é o que é que o Binya tem a ver com isto.

"Um grande jogador tem que saber efectuar um passe de 50 metros e driblar quem se meta a frente."

Nada disso nem nunca afirmei tal coisa. Aliás, o meu pensamento sobre futebol vai bastante contra essa ideia de que os grandes jogadores são os que fazem as coisas mais evidentes e que chamam a atenção do público. E acho que já expliquei bem isso. Ou não entendeste ou não quiseste entender.

"Quando é que os comparei?"

Falaste nele. Normalmente fazem-se referências a outros jogadores para estabelecer comparações. Neste caso, acho-a despropositada.

"Por isso, ou vamos as compras, e gostava de saber quais são as vossas opções, se possíveis realistas, ou então o Binya tem que ser titular."

Já disse que, para mim, neste plantel e tendo em conta que não temos um "6" de grande qualidade, adoptaria um sistema (admitindo que o Quique não vai sair deste 442 clássico) com dois médios que entendam bem o jogo em vez de um jogador que tem grandes dificuldades na sua interpretação (Binya). Bastos agrada-me, pelo pouco que ainda se viu, mas ainda lhe faltará mais evolução. Acho que pode ser uma solução interessante ir buscar um "6" só que acho que o Quique não está para aó virado. Não estando, é quase certo que Binya continuará a ser titular. O que para mim é um erro crasso.
Indo buscar alguém, em Portugal, só vejo um jogador: Bruno China. Essa seria uma opção realista e barata. E garanto-te que o China tem mais futebol nos pés do que o Binya alguma vez terá, mesmo não tendo a certeza se ele conseguiria demonstrar no Benfica o que tem demonstrado nas excelentes exibições deste princípio de época - é o tal passo para um outro patamar que nunca se sabe se o jogador consegue dar.

John Billy disse...

Ricardo, já estou mais de acordo com a tua última análise, mas continuo com esperança sobre uma evolução favorável no Binya.
A tua dupla Katsouranis/Amorim não me convence mas também como nunca a vi a jogar não posso me pronunciar com toda a certeza.
Fica a promessa da recolha de dados no próximo jogo para tornar o debate mais interessante.
;)

Quetzal Guzman disse...

O Bynia, neste Benfica, é, ou deveria ser, titular absoluto na posição de cabeça de área. O Katsou é demasiado macio para andar a varrer. O Yebda não se sabe posicionar e tem aquela tendência irritante de sair a pressionar sem ver quem está nas costas (o Bynia também era assim e o Camacho soube corrigir isso). O Amorim, dada a ausência de jogadores credíveis para a ala direita, está condenado a andar fora do centro.
O Bynia, gostem ou não, recupera bolas, sabe colocar-se no sítio certo, dobra os colegas e vai ao choque sem medo (e já perdeu aquele hábito caceteiro dele). Claro que tem que melhorar, mas mau mesmo, péssimo se quiserem, só nos passes longos.

Quetzal Guzman disse...

Mais: analisem o rendimento do Katsouranis. E depois vejam quem estava em campo com ele.

Pedro disse...

"Mais: analisem o rendimento do Katsouranis. E depois vejam quem estava em campo com ele."

Á pois é...