blog

domingo, abril 18, 2010

Académica - SL Benfica: 2-3

"É o Benfica, caralho"

Mais uma vitória importante do Glorioso cuja qualidade de jogo apresentada no relvado de Coimbra não tem o devido reconhecimento no marcador final. Sofrer um golo que provoca uma vantagem mínima a poucos minutos do fim cria sempre ansiedade e um nervoso que deveria ser totalmente desnecessário perante a superioridade de futebol que o Benfica demonstrou esta noite contra a Briosa que se bateu bem e de forma leal mas sempre incapaz de suster a força da nossa equipa.

É claro que desta forma não podemos dizer que foi uma vitória tranquila porque, como Jesus afirma no final, nos minutos finais, numa bola parada, pode acontecer um golo mas podemos dizer que foi uma vitória justíssima da melhor equipa em campo cujos jogadores lutarem sempre do primeiro ao último minuto. Marcar cedo permitiu abrir logo o jogo e impedir a Académica de se fechar lá atrás, obrigou-a a vir à procura de um resultado positivo e isso tornou o jogo mais agradável, com ambas as equipas a jogarem o jogo pelo jogo. A melhor qualidade quer colectiva quer individual da nossa equipa ía mandando no jogo e criando alguns lances mas desde cedo também se percebeu que Cardozo não estava em condições perfeitas para fazer o jogo de choque tão importante para a equipa. A equipa tentou compensar isso com Aimar e Di Maria a pegarem no jogo com a ajuda da velocidade de Weldon mas foi num lance contra a corrente que surgiu o golo da Académica com um remate fora da área que enganou Quim. Pouco tendo feito para isso a Briosa conseguiu empatar e complicar as contas do Glorioso. A equipa como é hábito esta época não foi abaixo e voltou a carregar o adversário em procura do golo que conseguiu, numa bela incursão pela esquerda de Di Maria com Weldon a fazer o seu segundo golo da noite e a levar a equipa em vantagem para os balneários.

Sabendo da capacidade de motivação que Jesus incute nos intervalos à equipa esperei uma entrada de rompante e foi isso que tivemos, com o Benfica a querer resolver o jogo cedo. A Académica tem muito mais futebol do que aquele que a sua posição na tabela revela e os jogadores sabem o que fazer em campo e foi por isso que conseguiram, por vezes, incomodar Quim que na primeira parte fez uma boa defesa e na segunda viu uma bola a roçar o poste. Mas foram apenas fogachos na supremecia do Benfica e já com Martins em campo os mais de 20.000 benfiquistas que se deslocaram ao Estádio viram uma bomba deste jogador embater no poste prolongando um pouco mais a chegada do terceiro. Não foi preciso muito mais para ver nova investida de Di Maria pela esquerda, tirar uns adversários do caminho e assistir Ruben Amorim para mais um golo cheio de paixão que practicamente selava a vitória e a conquista dos três pontos. Mas, mais uma vez, num lance inofensivo, num remate bastante longe a bola acaba por entrar na nossa baliza e a colocar todos os nossos corações em aperto até ao apito final de Xistra. Apito esse que chegou permitindo uns saborosos festejos entre equipa e adeptos sentindo-se que o ambicionado título está cada vez mais perto.

Weldon foi novamente o homem do jogo com dois golos e jogadas muito boas que permitem ao Benfica ultrapassar estes jogos sem os seus principais avanaços disponíveis. Um bom plantel é isto mesmo e Weldon aparecer fresquinho nesta fase está a ser crucial. Coentrão também esteve excelente e se não fossem os dois golos do brasileiro para mim seria o homem do jogo. David Luiz que se estreou a capitão começou com alguns solavancos e após dois erros apanhou o ritmo e nunca mais perdeu um lance. Gostei também de Aimar e Martins e Kardec voltou a entrar muito bem em jogo. Maxi pareceu-me demasiado nervoso e Amorim voltou a fazer o gostinho ao pé coroando mais uma boa exibição. Quim com uma boa defesa no início parece-me sem culpas no primeiro golo mas o mesmo não posso dizer do segundo, acho que devia ter feito melhor.

Xistra faz cada careta quando assinala uma falta a favor do Glorioso que só vendo na TV. Quando diz que uma entrada de Sogou sobre Di Maria foi só bola pensei para com os meus botões "isto vai ser uma noite daquelas" mas, felizmente para nós até nem foi muito mau. E dizer isto quando sofremos um golo numa jogada ilegal é obra, mas com Xistra é de esperar o caos. No lance corrido fiquei logo com a sensação que o jogado da Académica tinha controlado a bola com o braço e a repetição confirma ao ponto dos dois estarolas da Sporttv não o conseguirem ignorar. O amarelo por derrube a Weldon é inevitável e como não estava isolado em direcção da baliza tem que ser apenas punido com amarelo, nada a dizer. Não há qualquer falta de Sidnei na nossa área, a queda do jogador da Briosa deve-se à sua própria atrapalhação e Sidnei apenas tira a bola da sua frente, limpinho ao ponto de Xistra mandar seguir. O segundo amarelo a Sogou também não seria um escândalo. Maxi escapou de uma punição severa se Xistra tem visto aquela disputa de bola desnecessária.

Infelizmente não podemos fazer a festa na Luz na próxima jornada. Jogaremos primeiro que o Braga pelo que teremos sempre que esperar pelo resultado deles no domingo para sabermos se vamos ao Dragão campeões mas isso só será possível se vencermos o próximo jogo que é, não tenham qualquer ilusão, o mais importante da época. É importantíssimo que os nossos jogadores apliquem no relvado o discurso humilde e trabalhador que estão a ter perante os microfones. Estamos quase lá mas ainda falta um bocadito assim.

Força Benfica!!!

PS: Aqueles festejos com David Luiz...

16 comentários:

John Billy disse...

Fogo, o braguinha andou a jogar primeiro durante todo o campeonato no intuito de colocar pressão e por uma vez que dava jeito somos nós os primeiros a jogar.
Era uma grande desilusão não festejar o título no campo.

PS: se o Benfica quer fazer uma boa figura na Champions não pode ter um Quim, um Júlio César ou um Moreira na baliza.

pge disse...

Acabei de chegar de Coimbra e começo por dizer que foi o jogo mais espectacular fora de casa a que já assisti.
As claques ficaram no topo sul, mas foram acompanhadas por todo o estádio.
Eu fiquei no topo norte e fiquei admirado pela familiaridade com os canticos das claques de grande parte dos adeptos.
Foi de principio ao fim e o fim foi mágico, já devia haver gente a jantar cá fora e ainda David Luiz andava a saltar, cumprimentar e a beijar o cachecol do Benfica na pista do estádio.
Sobre tácticas e técnicas não falo, estive demasiado concentrado em apoiar e a tentar controlar a pulsação para reparar nesses pormenores:)

Só pecámos numa coisa, os breves "campeões,campeões" para mim eram escusados, mas era ambiente de grande festa e alguns não se contiveram.
Falta uma vitória e um empate.

dezazucr disse...

3 jogos, 3 vitórias. Ainda só vamos na 2ª vitória seguida. Uma série decente são pelo menos 5.

Valente disse...

O título deste post diz tudo: "É o Benfica, caralho".
No estádio não consegui perceber mas na TV percebe-se a grande paixão do Ruben Amorim a festejar o seu golo. Este não é apenas jogador do Benfica, é BENFIQUISTA…
Memorável: os festejos do David Luiz no final do jogo.

João Bizarro disse...

Mais uma grande vitória rumo ao 32º.

CARREGA BENFICA.

Telmo disse...

Este jogo foi importantíssimo, pois pode ter sido o último jogo fora antes da conquista do campeonato.

É muito ingrato se o Benfica se sagrar campeão sem estar em campo, nestas circunstâncias a liga devia obrigar as 2 equipas candidatas a jogar à mesma hora!

Viva o Benfica!!

Pedro disse...

Telmo, isso tb não me sai da cabeça!!!

Pq raios o Braga joga depois da gente??? Cambada de estraga-prazeres!!!!
:)

João Bizarro disse...

A partir daqui os jogos deviam ser à mesma hora.

Pedro Veloso disse...

Também seria um pouco "anti-climax" ser campeão sem jogar, mas não sei se já se deram conta de, praticamente em simultâneo, podermos ter duas grandes alegrias: domingo ao fim da tarde, Naval-Braga e final da UEFA Futsal Cup (se ganharmos sexta, claro), em que gostava de ver o Pav. Atlântico cheio porque os rapazes do futsal bem merecem (nos últimos anos deram-nos as alegrias que escasseavam no futebol de 11 e amam este Clube).

O Ruben (e o David também claro) a gritar o nome do Benfica depois do golo põe qualquer um a chorar, é grande.

M disse...

isto de nao ver jogo e ouvir relato é cá uma dor.....

este ano, ja sofri a bem sofrer via telefonia, com os Vitós, logo ao inicio do campeonato e agora com estes senhores de preto....

um gajo passa anos a ouvir relatos, dps o avançar do tempo oferece-nos a tv....quando esta nao está acessivel, la esta um gajo a sofrer com jogada de perigo..a meio campo.

ganhamos, nesta fase ja nem quero saber se bem ou mal, o campeonato é mais do que merecido, nestes ultimos jogos o que interessa é ganhar....

falta tao pouco, tao pouco..

Anónimo disse...

Compreendo o que dizem...mas qual é o mal sermos campeôes no Domingo?!

O unico ponto negativo é o facto de no dia a seguir ser dia de trabalho...mas nem isso vai impedir a nossa festa. O pais vai parar!!!

Daniel

Helder disse...

O que a lei prevê é que só as ultimas duas jornadas sejam disputadas á mesma hora os jogos das equipas que ainda lutam pelos mesmos objectivos. O que me deixa mais fodido nesta merda é que Braga andou a época INTEIRA a jogar SEMPRE antes do Benfica para colocar pressão no Benfica. Mas agora na jornada que o Benfica podia festejar no campo decidiram jogar depois do Glorioso!! Que cambada de cabrões!!! Agora já não querem colocar pressão no Benfica??????? ELES não querem que façamos a festa no campo!Obviamente que isto tem dedo de outro clube que nem preciso de dizer o nome. Mas se formos campeões no domingo temos que fazer uma festa enorme á mesma. E ser campeão no dia 25 de Abril era lindo porque é o dia da liberdade..........


PS: O que eu sofri ontem naqueles 5 min finais~........daaaasssss! Nem preciso de fazer exames ao coração..... :)

Dexter disse...

Campeoes no Domingo ?
Nem pensar isso nao sabe a pouco.

Proxima jornada é para ganhar, rezar para que o Braga tambem ganhe e depois sim ir ao Dragaummm fazer a festa.

José Vieira disse...

- Mais três pontos preciosos, conseguidos num ciclo verdadeiramente infernal, senão vejamos:
Depois de ganharmos (1-0) ao porto "B", nova vitória (2-4) contra uma equipa treinada por um ex-jogador do porto "A" e ex-treinador do porto "C", nova vitória (2-0) contra o porto "C" e agora um vitória (2-3) contra uma uma equipa orientada pelo futuro treinador do porto "B", que chegou a ser desejado pelo porto "C" mas, tudo indica, vai mesmo substituir o actual treinador do porto "B", que está a caminho do porto "A".
Próximo jogo, olhanense...
Já dominamos o A,B,C, falta, pois, somente o D.

- Já são 29 os pontos de avanço que o sporting tem de desvantagem para o glorioso.
Há muito "trabalho de campo" a fazer no sporting? Segundo J.E.B., o que há a fazer é um "trabalho de sapa" nas famílias, pois está preocupado com a sobrevivência da espécie "lagarta".
O albinismo é uma doença conhecida por, nas plantas, fazer substituir o verde pelo branco. Nos homens, esta malformação pode mesmo conduzir quem dela padece à presidência do sporting...

Pedro Vagos disse...

Quero lá saber se não é em campo... eu quero é ser campeão, e o mais depressa possível!!!

E depois... digam lá se não tem um gostinho especial ir ao Dragão já com o título no bolso? Será que eles fazem um corredor para saudarem o NOVO CAMPEÃO, quando entrarem em campo? LLLLLLOOOOLLLLLLL

Manú disse...

Pedro Vagos,

seria fenomenal ir ao dragão (com todo o respeito nao lhe admito que volte a escrever o nome do estádio daquele monte de merda daquele clube com letra maiúscula) com david luiz e quim de cabeleiras pintadas de vermelho, carlos martins bebado e com a cara pintada de vermelho e luís filipe a titular!!