blog

domingo, abril 25, 2010

Campeões Europeus

De três festas possíveis a última foi a que aconteceu: a equipa de Futsal do Sport Lisboa e Benfica venceu a poderosa equipa do Interviú Madrid sagrando-se, pela primeira vez, Campeão Europeu perante um Pavilhão Atlântico ao rubro.

Parabéns rapazes, parabéns campeões!

28 comentários:

John Billy #32 disse...

Que grande jogo!!
Que exibição frente à melhor equipa do mundo!!
Nem merecíamos tanto sofrimento, até perdi a conta às bolas ao poste!

PS: Porto na champions? Só na Playstation!

Vladimir Kaspov (NãoSeiDaNave) disse...

Fod... foi sofrer até ao fim!!
1 vitória à Benfica com o pavilhão cheio!

Parabéns SLB e em especial ao André Lima.

Obrigado Benfica.

BT26 disse...

Foi a ultima, e a mais importe. As outras ainda (vamos)podemos ganhar. E uma delas eu nem queria que acontecesse, a não vitoria do braga, porque eu quero é ganhar o campeonato no campo, que foi ai que o ganhamos até agora. E festejar no dragay só significa que (tal como já foi dito anteriormente) os corruptos na champions so na PS.

Benfica sempre

Marco disse...

Concordo plenamente, BT26. Lá temos que esperar mais uma semana, mas vai valer bem a pena.

Campeões, campeões, nos somos campeões europeus de futsal
Carrega Benfica.

Telmo disse...

Grande vitória!! Hoje fez-se história para o Benfica!! Uma modalidade do Benfica campeã europeia!! A história de ouro continua!

Parabéns a todos os jogdores e equipa técnica de futsal do Glorioso!

Bernardo disse...

Parabéns a esta equipa de verdadeiros campeões! a alma benfiquista está bem presente no espírito guerreiro e sedento de vitória com que encaram cada jogo! pena ver ricardinho partir, um mágico como há poucos neste mundo.
agora vamos seguir com o plano. vamos preparar as restantes conquistas.
vamos reservar portugal. espalhar a gloriosa chama imensa deste grande clube:

http://www.facebook.com/group.php?gid=120613034618183&v=wall

não se coibam de passar a mensagem. vamos mostrar que somos grandes, enormes e que vivemos o benfica com paixão de norte a sul! CARREGA BENFICA

Álvaro Martins disse...

NINGUÉM PÁRA O BENFICA, NINGUÉM PÁRA O BENFICA OLÉ ÓÓÓÓ

CAMPEÕES, CAMPEÕES, NÓS SOMOS CAMPEÕES

João Bizarro disse...

Fantástico.

Alex disse...

Antes de mais, os meus parabéns pela conquista no futsal. Aguardo ansiosamente que o meu clube se lance nesta modalidade para conseguir o que tem feito no hóquei. Enquanto isso não acontece, há que reconhecer o mérito de uma equipa portuguesa conseguir um título europeu.

Já no futebol, mais um fim de semana, mais uma coincidência. Após ter o jogo completamente resolvido, faltava ainda tratar de um pormenorzinho, ensanduichar o Falcao, que ao tentar equilibrar-se atinge um adversario, e está feita a festa completa, falcao fora do jogo do dragão. No fundo, é mais do mesmo, mais daquilo que foi esta época inteira.

O falcao cometeu o erro enorme de marcar tantos golos na sua época de estreia. Pode ficar aqui registado, o Falcao na época 2010/2011 à primeira oportunidade é castigado pela CD da Liga. Podem apontar.

E por falar em castigos, gostei de ver em campo o Luisão nestes últimos 2 jogos. Enquantos uns cumprem a mais, outros cumprem a menos. Enquanto o Falcao levou o amarelo mais escandaloso da época, o Maxi lá estará para fazer a sua festa no domingo após mais uma entrada para vermelho.

Meus amigos, aproveitem esta época até ao fim, porque nos proximos 30 anos isto não se repete.

E para a malta das estatísticas que apareceu a dizer que o hulk não fazia falta ao FCP, vão lá contar quantos pontos perdeu o porto depois dele voltar. Eu dou uma ajuda... foram ZERO.

Alma Benfiquista disse...

Jornal Marca:

No pudo ser. El Benfica, llevado en volandas por su animosa afición, se llevó la final de la UEFA Futsal Cup por un ajustado 3-2 que se decidió en el tiempo suplementario. Un gol de Davi tras una recuperación de balón sepultó las esperanzas de un Inter Movistar que no pudo dar la vuelta al marcador con el juego de cinco.

Fin de ciclo en Inter Movistar
No se puede decir que no sea merecido, y es que el Benfica, en un encuentro con muchas alternativas, estuvo un punto por encima de la escuadra de Jesús Candelas, flojos en ataque. Es cierto que no fue una superioridad manifiesta, pero sin duda, el conjunto de André Lima puso más sobre la cancha para llevarse el triunfo. Los primeros minutos fueron de tanteo. Mucho respeto en ambos equipos y escasa profundidad en ataque. Sería el conjunto madrileño el que desharía la igualada gracias a un gol de Marquinho. El brasileño, en el que puede ser su último encuentro en Europa con Inter Movistar, ponía en ventaja a los alcalaínos.

El ambiente en el Pabellón Atlántico no decayó, y sólo cuatro minutos despues del gol de Inter, Joel, conocedor de la liga española, establecía la igualada en una jugada de estrategia a la salida de una falta. El ex de ElPozo y MRA, que fue de más a menos durante el encuentro, marcaba un tanto de auténtico crack. A continuación, un correcalles del que se veía beneficiado el conjunto lisboeta. Alguna llegada aislada de Inter Movistar, pero sin mucha historia. Al descanso, 1-1.

Los de André Lima, enchufadísimos
Tras el descanso salió mucho mejor plantado el equipo 'encarnado', y fruto de su insistencia llegó el gol. Arnaldo, tras un saque de banda en el que Davi le habilitó de tacón lanzó un misil ante el que nada pudo hacer Luis Amado. Locura en las gradas, y los decibelios que no dejaban de subir. Se sucedían las ocasiones del cuadro portugués, y a punto estuvieron de ampliar la distancia. Inter se fue sacudiendo poco a poco la presión, y Betao, tras una buena triangulación entre Schumacher, Torras y él mismo, establecía de nuevo la igualada con un magistral toque de tacón.

Desde entonces hasta el final, un Benfica superior, algún pique de más, y las ocasiones más claras, que seguían siendo portuguesas. Arnaldo se convirtió en una pesadilla y sólo sus probelmas físicos le mermaron de llevar más peligro a la meta de Luis Amado. Antes de llegar al tiempo extra, Schumacher y Neto tuvieron sendas ocasiones, a las que contestó magistralmente Bebe -que tuvo que ser atendido varias veces por problemas físicos-, y no hubo tiempo para más.

INMEJORABLE DESPEDIDA
Ricardinho, genial durante todo el encuentro, se despide de su afición por la puerta grande.
El Benfica, muy superior en la prórroga
En la prórroga sólo hubo un equipo. Únicamente los palos y Luis Amado impidieron una holgadísima victoria del Benfica, que finalmente se acabaría adelantando en el marcador merced a un golazo de Davi desde doce metros. Ricardinho, eléctrico y metidísimo en el partido, quería despedirse de su afición de la mejor manera posible, y estuvo rondando el gol todo el encuentro, pero se topó con el larguero y con un Luis Amado muy inspirado. La segunda mitad del tiempo extra fue casi íntegra de posesión interista, con Neto como portero-jugador. Las ocasiones no llegaban y la profundidad era nula. Toque, toque, toque... y agua.

Sólo al final un disparo de Neto, y un balón que no remató Betao por poco, llevaron algo de peligro a los dominios de Bebe. Final del partido y la locura que se desataba en el Pabellón Atlántico. Sólo queda darle la enhorabuena al equipo lisboeta, que llevaba muchos años buscando con ahinco el trofeo al mejor equipo de Europa, y más que merecida despedida de Ricardinho, un genio de apenas 1'70. Llega el cambio de ciclo en Inter, un dignísimo finalista y ahora a centrarse en la liga. No queda otra.

João Bizarro disse...

Enfim... estar a discutir a justiça de um cartão amarelo quando toda a gente viu que o interveniente devia ter levado vermelho directo é no mínimo... estúpido.
Falta de carácter já vimos que a maior parte deles têm...

HugoRasta disse...

Alex,

Marquei para Domingo, está bom pra ti?

http://twitpic.com/1ilvkr/full
http://twitpic.com/1ilv3z/full

Helder disse...

Alex

Quando o Maxi viu um cartão amarelo perfeitemente anedótico contra a Naval e que não permitiu que ele jogasse contra o Sporting não te vi assim tão melindrado pk?????????
E quando falas que para o ano o CD da liga vai castigar não sei quém estas enganado porque a disciplina e a arbitragem vão para a FPF! Por isso é que o teu presidente corrupto diz que não precisa de ninguém na liga! Já tem a disciplina controlada na FPF como provam as últimas decisões do CJ da FPF!! E o controlo da arbitragem já esta a caminho.

E o Luisão não jogou os últimos dois jogos..........contra a Académica estava castigado!

Já quando falas em 30 anos............recomendo-te o livro Apito Dourado "as entranhas do polvo".

Pedro disse...

Engraçado teres mencionado "30 anos"...não foi coincidência...hehehehehe
Grande tiro no pé...mas já se sabia...

De facto aquele amarelo ao Falcao foi uma vergonha, devia ter sido vermelho directo. E os dois penaltys a favor do Setubal q foram ignorados? A roubar desta forma e estão a 11? Patéticos!!!!

E os castigos ao Bruno Alves?
Ops..

Pois é Alex acabou a mama! O teu clubeco iniciou o principio do fim e o q mais gozo me vai dar é saber q o corrupto mor vai estar na linha da frente a ver o navio afundar. E vocês todos, adeptos corruptos, merecem todo o mal que vos vai acontecer!!!!

John Billy #32 disse...

Fogo, vim agora da Casa do Benfica em Gaia e não há bilhetes para o Dragão.
Não está apetecer ver o jogo no meio dos grunhos. Quero estar no meio de benfiquistas a gritar "CAMPEÕES!!"

Espectacular este último comentário do Alex.
Ficamos elucidados que na sexta passada, o Pedro Henriques (esse grande benfiquista!!) foi a casa do Vieira tomar um chazinho e falar de problemas familiares do pai. Por acaso também estava lá o Ricardo Costa, o Ricardo Silva e outro jogador do Setúbal.
O Ricardo Costa que anda revoltado por ainda não ter castigado o Falcão e que nem dorme só de pensar na possibilidade de este vencer o troféu de melhor marcador pede então ao Pedro Henriques para expulsa-lo em Setúbal.
O Pedro Henriques tem uma ideia melhor. Pede aos dois jogadores do Setúbal presentes na casa do Vieira para provocar durante os 90 minutos o Falcão. Quando este responder, leva o amarelo e não joga contra o Benfica!
Brilhante presidente!
Realmente se não fosse esse cartão amarelo, o Benfica ainda ficava em terceiro lugar.
Alias como se tem visto o Falcão tem se fartado de marcar golos ao Benfica. Foi na Luz, foi na Taça da Liga...

Alex, eu até percebo o teu desespero. A tua equipa não vale nada. Tem uma defesa digna do Belenenses, um meio campo sem força e sem criatividade e um ataque que dependia do único jogador de jeito que vocês lá têm. Ficaram sem ele e agora já sabem que as possibilidades de o Benfica ser campeão no Dragão são de 99,9%. Eu sei que é fodido mas mesmo assim não é motivo para dizer tanto disparate. Se um jogador dá uma chapada noutro, não é amarelo. É vermelho. Por isso para de chorar que foram bem beneficiados.

João Bizarro disse...

Acabei de ler as hilariantes declarações do Bruno Ribeiro do Vit. Setubal.
Elogios e mais elogios ao Fálcáu que lhe deu uma lambada, pois deu mas não foi de propósito porque o Fálcáu é excelente profissional (aliás andaram juntos na escola e na tropa).
Diz o dito cujo que o jogador do fóculporto deve ser despenalizado.

Estou contigo, Ribeiro...

José Marinho disse...

Meu caro Alex, ainda bem que esteve tão atento ao jogo do FC Porto e as suas coincidências. Notei, nesse jogo, várias delas. Primeira coincidência, mão na bola de Rolando na grande-área sem grande penalidade. É o tipo de coincidências que o meu caro não tem de discutir com mais ninguém, pelo menos, há mais de 25 anos no futebol português. O mesmo se passa com uma coincidência muito semelhante, quando o árbitro de que o meu caro se queixa, não assinala outra grande-penalidade, cometida por fernando, derrubando na área do FC Porto o Hélder Barbosa. A não ser que se considere que o jogador sobre o qual é cometida a falta também é do FC Porto. O que sendo verdade, não deixa de ser gritantemente verdade que, naquele jogo, estava a jogar pelo Vitória de Setúbal. Pode ter sido isto a confundir o árbitro. Coincidências.
Porém, a coincidência maior seria, de facto, o cartão amarelo mostrado a Falcao. Tem razão. Foi uma coincidência. Porque, para noventa por cento dos jogadores da liga Sagres, teria sido uma jogada de cartão vermelho. Porque o avançado Falcao tem, na mesma jogada, dois desiquilibrios: um motor, que o faz cair e outro mental, que o faz agredir. Uma estalada em Bruno Ribeiro, que coincidentemente o árbitro julga com um condescente cartão amarelo. E tenho pena que seja assim. Porque Falcao devia jogar contra o Benfica. Porque Cardozo não merecia esta expulsão de Falcao. Não merecia, porque, ganhando a Bola de Prata com justiça e categoria, não devia ficar exposto ao choradinho dos adeptos portistas de que isso vai acontecer porque o Falcao levou um cartão amarelo.
Aliás, se não houvesse tantas coincidências no futebol português e tendencialmente a favorecer sempre os mesmos, o Cardozo já devia ser o melhor marcador do campeonato, porque o cartão vermelho que devia ter sido exibido a Falcao teria o efeito de não permitir que o atacante colombiano pudesse voltar a jogar na Liga Sagres. É mais uma coincidência.
De resto, meu caro Alex, também consigo fazer alguma futurologia. Eis a minha: Habitue-se à choraminguice, porque, nos próximos anos, ainda vai ter muito que chorar. Isto só agora é que começou. Ninguém pára o Benfica. Muito menos o choradinho dos túneis e das coincidências. Habitue-se. Vai ter muito tempo para o fazer.

José Marinho disse...

E já agora, meu caro Alex, faça um favor a si próprio. Veja lá quantos pontos o FC Porto tinha desperdiçado até o Hulk ter pontapeado na cabeça - é sempre bom relembrar os factos - um elemento do público - é o que o diz o acordão do CJ -. E estabeleça a média de pontos perdidos pelo FC Porto antes e depois do castigo aplicado ao Hulk, até ao seu regresso. Essas contas podem surpreendê-lo, mas a mim confirmam o que já escrevo há muito tempo. O castigo ao Hulk foi a melhor desculpa que podiam ter arranjado ao seu clube, para tentar diminuir a indiscutível supremacia do Benfica no campeonato português, com Hulk ou sem Hulk. E, em Portugal, apenas uma equipa conseguiu e continua a conseguir oferecer luta - decente e honesta - ao Benfica. E essa equipa é a do Braga.

André Leal disse...

Este Alex anima-me sempre o dia com as suas piadas... O movimento do Falcao seria perfeitamente natural, se estivesse a nadar crawl...

Também gostei de ver a impunidade de que goza o Hulk que fica a dizer tudo ao fiscal de linha (pudemos comprovar na transmissão televisiva) e... nada! Já sei, o fiscal de linha não é agente desportivo e provocou-o de forma vil olhando-o nos olhos.

André Leal disse...

Alguém que saiba, que me esclareça: O jogo no caldeirão da corrupção dá na TV?

PS: José Marinho - não se esqueça que o Liedson podia ainda marcar 13 golos :)

Alex disse...

Bem, dado o sucesso das minhas intervenções, vejo-me obrigado a responder aqui á malta toda.

@ Hélder
Eu não tenho de ficar melindrado pelo caso Maxi Pereira. Isso não me impede de reconhecer que foi obviamente uma injustiça. Claro que se o arbitro inventasse um amarelo para o Miguel Lopes não achava tão estranho como mostrar ao melhor marcador do campeonato que por acaso está em risco de suspensão. Já que recomendas livros, também te dava uma sugestão, conheces um livro que saiu há pouco sobre o caso Calabote?

@ John Billy
Gostei de ver estes últimos meses que sempre que se fala de favorecimento directo ou indirecto ao Benfica, em vez de dizer que não, vêm com as conversas do apito dourado, e das escutas, e bla bla… Obviamente que o Falcao não ia tirar o título ao Benfica, mas a historia do jogo poderia ser muito diferente.

@ Pedro
Antes de falares no Bruno Alves, vai ver o resumo do Benfica-Nacional da taça da Liga e do Benfica-Sporting. Fica atento aos lances onde aparece o Luisão e depois ganha um bocado de vergonha. E quanto ás tuas previsões apocalípticas fazem-me lembrar o ano de 2005…

@ José Marinho
Fico surpreendido por ter lido no seu comentário uma análise ao trabalho do árbitro que não encontrei nos mais benfiquistas dos jornais benfiquistas (A Bola à cabeça). Aliás, relativamente àquele cartão amarelo, vi-o adjectivado com palavras a começar no “absurdo” e a acabar no incompreensível. Claro que nesta altura discutir um amarelo é uma preciosidade. Assim como lembrar os penaltys sofridos por Ruben Micael em Matosinhos e em casa contra o Olhanense, que valeram 4 pontos perdidos, e compara-los ao penalty assinalado em Coimbra contra o fc porto. Até devo gabar a manutenção do mesmo critério ao longo da época.
Relativamente a castigos, não sei se o José Marinho é daqueles que acha que as agressões do Luisão não passaram de simples faltas para amarelo. Se quiserer compara-las ao gesto de falcão, está no seu direito, mas isso não faz de si uma pessoa mais capacitada para julgar o lance do que todos aqueles que viram o que realmente se passou.
Quanto à luta pelo titulo de melhor marcador, é totalmente irrelevante. Até porque para ser justo tinham de atribuir ao Falcao os 3 golos mal anulados, e subtrair um golo marcado com a mão. E quem quer que seja o melhor marcador, nada irá apagar a espectacular época de estreia realizada pelo jogador do fcp. E isso, como adepto, já me satisfaz.
E para finalizar, queria lhe dizer que essa frase sobre a futurologia fica guardada para memórias futuras, na esperança de não ser censurada pelo seu amigo no dia em que ela for lembrada.

@ André Leal
Gosto que falem da impunidade do Hulk, mas talvez seja bom lembrar que têm o jogador que mais berra com os árbitros portugueses, mas com grande destaque. Não é preciso citar nomes pois não?

@ José Marinho
Sobre o segundo comentário, parece-me que não respondeu à minha pergunta. Quantos pontos perdeu o porto desde o regresso do Hulk? Quem tem mais assistências depois do regresso do Hulk? Essas são fáceis, mas eu tenho outra: quantos pontos teria perdido o porto nos 15 jogos que o Hulk cumpriu a mais?

Pedro disse...

Adoro qd um adepto corrupto fala em "vergonha na cara". LOL

Estes gajos estão tão habituados a mentir q já nem dão conta. Ou então nem querem saber...são tão patéticos q ainda pensam que enganam alguem.

Depois de mais uma roubalheira aos coitados de Setubal ainda fala em penaltys? Tiveram q roubar a Académica no Dragão para poderem ir levar três secos ao Algarve e ainda falam de penaltys? LOL. T~em lá caceteiros que até nos treinos aviam os colegas e falam de um único lance numa jogada em q tb ficou por expulsar um adversário?

Este lance do Luisão no SLB-Nacional é a melhor prova de como estes mentecaptos vêem futebol. De tão corruptos q são falam tanto de um lance que envolve duas agressões mas eles só vêem a do jogador do SLB. Pois...só vêem Benfica à frente.

Até podemos ter um jogador que berra com os árbitros, assim de repente não me lembro qual seja, mas não temos NENHUM que tenha o comportamento asqueroso que o Hulk e o Bruno Alves têm. NENHUM. Só de pensar q o Katsouranis levou um simaríssimo por nada e estes arruaceiros passam impunes jogo após jogo...enfim. Mas estes adeptos corruptos gostam de se banhar nesta lama podre e imunda que é o clubeco deles. Por isso é q vai ser lindo vê-los a definhar!!!!

iBenfiquista disse...

Para o Alex:

"Consegue entender-se a amostragem do amarelo a Falcão por este, em queda, ter dado uma CHAPADA em Bruno Ribeiro". Em "Record".

"Ricardo Silva e Bruno Ribeiro entram com dureza sobre Falcão que, em queda, bate com a mão esquerda na face do veterano extremo sadino, num lance APENAS penalizado com cartão amarelo". Em "A Bola".

Portugal é o único país que eu conheço, e eu conheço bastantes, em que os juizes são acusados de não terem "sensibilidade" ( ou o que isso quererá dizer) quando se limitam a aplicar as leis do jogo.

Para além da injustiça do Maxi, aqui vai outra: neste jogo, o Aimar levou um amarelo por a bola lhe ter batido na cara!!

Sobre futurologia, cito aqui algo que escrevi a 12 de Julho de 2009, noutro blogue.

"O Al Capone está a abrir o buraco onde se irá enterrar. A ele e ao fcp
...
O facto é que o Benfica tem vindo a crescer ao longo dos últimos anos. Tem-se reflectido, na consecutiva melhoria de resultados das modalidades amadoras, o aumento e melhoria da sua organização interna. Isto tem tido como consequência o aumento da confiança dos adeptos benfiquistas. E o concomitante desespero e desassossego nos nossos mais próximos concorrentes, reflectido nos artigos de opinião por parte de simpatizantes desses clubes, que proliferam nos meios de CS.

À medida que esta onda cresce, que a BenficaTV cresce, que os blogues benfiquistas crescem, que a consciencialização benfiquista cresce, que a denúncia cresce das ilegalidades que ao longo do tempo conseguiram ajudar o porto a ganhar tanto, a confiança benfiquista cresce, também. Virá a altura em que se atingirá um "tipping point". Quando esse momento chegar.... o porto afunda, sem apelo nem agravo.

E nessa altura, meus amigos, irá ser muito difícil sair do buraco. E não haverá ataques de coração, como o do ano passado, que lhes valha e que irão ser mais frequentes, ao som das gargalhadas desdenhosas dos benfiquistas. Porquê? Porque as ajudas que tinham, e a que estavam habituados, já não existem. A corrupção descarada, as influências nas várias estruturas do futebol, não só em Portugal como no estrangeiro, não irão funcionar como antigamente.

Porque o Benfica se organizou e está cada vez mais forte. O facto de concorrer com dados viciados, como tem acontecido nos últimos anos, tem ajudado a fortificar o Benfica, não só psicologicamente como também em termos operacionais, digamos assim. A equipa de futebol tem vindo a aprender a deitar para trás das costas as injustiças que tem sofrido dentro do campo e, por isso, tem vindo a ficar mais forte.

E temos de agradecer ao porto e ao seu "sistema" a ajuda que tem sido preciosa neste capítulo."

Pedro disse...

"o Aimar levou um amarelo por a bola lhe ter batido na cara"

ibenfiquista, mas isso está bem ou não te lembras dos dois adversários do clube corrupto que foram expulsos por jogarem a bola com a cabeça e com o peito??? Aliás, o Aimar não ter sido expulso é a prova que andamos a ser levados ao colo.

iBenfiquista disse...

Pedro, então não me lembro? Só não me lembro é dos nomes dos adversários, senão tinha mencionado esses lances.

É, de facto andamos a ser levados ao colo. Ainda se fosse uma miúda boa, e forte, que me levasse ao colo...

Helder disse...

Alex

Caso Calabote????? E que tal caso Francisco Guiomar (acho que é assim que se chamava o arbitro do jogo do Porto na altura)???? Sim aquele jogo em que Porto estava a ganhar por 1-0 aos 89 min e que o arbitro inventa um pénalti para o 2-0 e expulsa dois, sim dois, jogadores adversários! Despois o Porto fez o 3-0 já muito para além da hora e com isso foi campeão O Porto é que foi campeão! Só sabem falar do Calabote que é do tempo de arroz de quinze! Irra.......

Já agora lembras-te de há três anos o Miccoli ser expulso na Luz num Benfica-Amadora? Sabes que jogo vinha a seguir? Acho que nem preciso de te dizer.....

José Marinho disse...

Meu caro Alex, gosto destas picardias consigo - será o complexo do "amigo de Alex"? - mas tem de começar a melhorar o seu repertório. Desde logo, "Calabote". Bolas, em mais de cinquenta anos de choradinho, que o Benfica era o clube do regime, que o Salazar isto e aquilo e blá, blá, blá, tudo se resume a Calabote e a uma história mal contada, mesmo que esteja contada em livro? Espere lá, quantos livros quer que escreva sobre os últimos 25 anos. "Calheiros" ,"Pratas", "Isidoro Rodrigues", "Rosa Santos" e tantos e tantos outros, que até me parece injusto enunciá-los todos, sob pena de me esquecer de algum. Meu caro, é muita curta a vossa memória e sobretudo é limitado o vosso argumento.
Sobre o Falcao, o que discuto reflecte o que vi. E vi um estalo do jogador do FC Porto. Se as regras para o FC Porto são diferentes, então é só uma questão de a Liga oficializar aquilo que é oficioso há muito tempo. O de que o FC Porto é um clube que tem direito, em Portugal, a leis diferentes e protectoras.
Sobre o Luisão, nunca escrevi neste espaço que o jogador, no lance que comenta, não devesse ter sido expulso. Mas, para não citar outros exemplos que amiudadamente qualquer adepto de futebol é quase todas as semanas confrontado, acha que o episódio do luisão é muito diferente de outras situações análogas - não um, não dois, mas três situações de cartão vermelho - que o Bruno Alves protagonizou na final da Taça da Liga? Em que é que uma coisa é diferente da outra? Meu caro, tem razão numa coisa, o futebol português, há demasiado tempo anda cheio de coincidências. Que um adepto do Sporting fale delas, tem toda a moral para isso, porque sofreram na carne, como o Benfica, o desgaste sucessivo que essas coincidências provocaram na grandeza e no prestígio do clube. Que hoje pareçam indiferentes a isso, os adeptos do Sporting, é um assunto que lhes diz respeito. Mas que um adepto do FC Porto se possa lamentar dessas coincidências, desculpe, meu caro, mas isso não é um desabafo, é um abuso.
Quanto ao Hulk posso pedir-lhe que faça uma demonstração...Diga-nos em que medida é que o FC Porto teria sido campeão com o Hulk em campo nos jogos em que esteve castigado, se o Benfica, na segunda volta apenas perdeu dois pontos e se o FC Porto, quando o Hulk saiu da equipa, tinha uma desvantagem superior a essa? Faça as contas e divirta-se com a conclusão. Com ou sem Hulk, o Benfica seria sempre campeão, porque é indiscutivelmente a melhor equipa do campeonato. E a única equipa que conseguiu estar à altura de rivalizar com o Benfica foi e continua a ser o Braga.

Manú disse...

José Marinho para além das agressões do Bruno Alves faltam as do Raúl Meireles! Ainda há pouco tempo aos 4min contra o Marítimo no dragão.

Realmente é lindo ver pessoal do Porto queixar-se de injustiças de arbitragem. Têm que admitir que este ano estão mais fracos. E não apenas mais fracos que uma equipa, mas mais fracos que duas! Abram os olhos e deixem-se de teorias bizarras para justificar o injustificável.
Reforçaram-se mal pois achavam que este ano ia ser a mesma palhaçada dos outros anos, que ia ser facílimo devido à fraco qualidade dos outros, mas não. Este ano apareceram duas equipas a jogar mais do vosso dobro! Uma que faz do pragmatismo e da concistencia defensiva o seu forte, e outra que joga enormidades, como há muito nao se via neste país!