blog

quarta-feira, maio 19, 2010

Mantorras


... ou uma nova versão do "Porque no te callas?"

Pedro Mantorras era uma das grande promessas do futebol, não só do Benfica como mundial. Tinha tudo para se tornar num enorme jogador. Infelizmente teve aquela lesão gravíssima. Há quem diga que já a trazia do Alverca, há quem diga que a culpa foi do Benfica.
Mesmo lesionado Mantorras foi importante na conquista do título de 2004/2005, nos anos seguintes ainda jogou alguns jogos, sempre entrando nos minutos finais e quase sempre marcava o seu golito. Quando ia aquecer o estádio vinha abaixo. O Benfica deu-lhe a mão, deixando-o ficar no plantel quando se via que não tinha condições para isso.
Esta época Jorge Jesus preferiu o título a causas sociais. Quanto a mim fez bem.
Mantorras amuou. Abriu a boca. Disse coisas disparatadas.
Poderá ter posto fim a uma ligação que poderia ser por muito anos, não como jogador mas noutro cargo à sua altura. Tenho pena que assim tenha sido porque tinha consideração por ele. Se ele não se cala depressa essa consideração vai-se de uma vez.
É pena...

26 comentários:

John Billy #32 disse...

Agora foi o Mantorras, como já foi o Leo ou o Petit e o Nuno Gomes.
A culpa até não é deles. É dos benfiquistas que gostam mais dos jogadores que do próprio clube e dos treinadores que lhes fazem a vontade e até do Vieira que protege os seus afilhados (ainda não esqueci a resposta que levou o Koeman quando falou em dispensar o Mantorras).
Teve que vir um sportinguista para repor os verdadeiros valores do Benfica.

Pedro disse...

Eu sou daqueles q vibrava qd Mantorras entrava e defendo que mesmo coxo Mantorras fazia mais em 15 minutos q muitos em 90. Desportivamente Jesus fez o que tinha a fazer, sem ter ligações sentimentais ao angolano vendo que ele não tinha condições para disputar um lugar no plantel simplesmente não lhe deu qqr ilusão e, qt a mim, fez bem. Neste momento a equipa do SLB é demasiado competitiva para Mantorras pelo que não fazia sentido alimentar esperanças em que ele fosse jogar. Nada disso apaga o passado precioso que Mantorras conseguiu no clube, na empatia que tinha com adeptos e no rendimento desportivo q, mesmo assim, conseguiu ter em prol do clube.

A lesão deu cabo de uma grande carreira e por isso o SLB sempre cumpriu o seu dever, mais moral do q outra coisa, e nunca largou o jogador. Inclusivê se bem me lembro chegou a renovar com ele.

Com estas recentes declarações Mantorras está a mandar às malvas o relacionamento fantástico q tinha com os benfiquistas, está a cometer o mesmo erro de outros e a apontar o dedo ao clube qd o devia, se é q devia, fazer a algumas pessoas. Está a errar e muito. Temos pena.

Anónimo disse...

o Mantorras, como já referi, é uma boa pessoa! só que ainda tem a ilusão de que a sua carreira ainda não está acabada. e convence-lo disso vai ser o cabo dos diabos! mas alguém terá que o fazer e espero sinceramente, que ele fique com um cargo no Benfica. ele merece!

Hugo disse...

A meu ver,"ofendeu" a Nação Benfiquista e ele sim, é que não teve respeito pelo Clube e Colegas.

Primeiro, deveria ter festejado como todos festejaram (até os que não jogaram) e nunca abondonar o estádio como o fez, até dei o exemplo do Moreira no Post anterior.
Moreira até pode não fazer parte dos planos do Treinador para a próxima época, mas festejou como se não houvesse amanhã. Festejou como Nós que Amamos o Benfica.
Festejou porque faz parte de um Grupo e ajudou directa ou indirectamente para o sucesso.

Segundo, o Mantorras, depois de já ter cometido um erro, ainda fez pior e começou a argumentar algo que não tem fundamento, começou a "cuspir" para o ar...
Agora temo que algus cuspidelas lhe acertem. Uma já acertou, não sendo convocado para a digressão. Jesus não brinca em serviço, pelos vistos o Rui também não.
Agora veremos se o "Padrinho" Vieira o salva.
Julgo que nestas circustâncias, não haverá salvação, pois é um jogador que não deu o real valor ao que o Clube lhe fez em momentos terriveis da vida profissional.
Poucos são os clubes que fizeram isto por um jogador.
Lamento pelo Mantorras.

Anónimo disse...

mas alguém me pode dizer que declarações foram essas? não estou dentro do assunto.

REDAVENGER disse...

On que fizeram com o Mantorras é uma sacanice, agora quero ver como LFV vai fazer para "calar" o Mantorras, ele sabe muito...

Anónimo disse...

REDAVENGER,

queres que te "PARA O" ou "PRO"?

...Vais sozinho ou é preciso empurrar-te em "tarifa 5"?

Alexandre disse...

Boa tarde,

Sobre o caso Mantorras, escrevi ontem noutro blog o seguinte:

"Dada a personalidade que fomos conhecendo do Mantorras, penso que isto seria uma inevitabilidade. Recordem-se que após a CAN também veio cheio de declarações bombásticas sobre a Selecção de Angola, que ia abandonar, enfim. O que sei sobre o Mantorras e que lhe estou agradecido. Ele foi fundamental em um título. O Mantorras tem sido em muitos casos uma aspirina para o clube. O que espero da Direcção é que tenha isto em mente e com a serenidade que o Mantorras não está a ter que procure uma solução que dignifique todas as parte."

Dito isto gostaria de acrescentar duas notas:

- A primeira é que pouco me importa que o Mantorras fale. Se ele quer falar que fale. Não gosto dos clubes que silenciam os seus atletas e acho de uma fragilidade tremenda pensar-se que eventuais críticas do Mantorras colocam em causa a imagem do clube. Os nossos adversários podem usar estas declarações para nos atacar? Que usem. Mesmo quando nada fazemos somos atacados, portanto isto é mais uma coisa no meio de tantas.

Aliás, ainda bem que o Mantorras falou. A primeira reacção que tive foi: será que alguém foi incorrecto com o Mantorras? Depois de o ouvir percebi que não! E fiquei aliviado. Eu não me importo que critiquem o Benfica, importo-me é quando essas críticas têm razão de ser (como, por exemplo, têm as recentes críticas feitas ao Pragal Colaço e ao Pedro Guerra, que até gostaria que tivessem sido mais enfáticas entre a comunidade benfiquista). O Mantorras efectivamente criticou algumas pessoas do Benfica, mas na minha opinião sem razão de ser. Acho que as declarações dele ainda o enterraram mais.

Portanto, se sentir a necessidade de continuar a falar, esteja à vontade. Se depois as pessoas o chamarem de ingrato não fique admirado. Mas isso é com ele.

- A segunda nota tem que ver com o futuro do Mantorras depois do futebol. Não gostaria de o ver a trabalhar no Benfica. Pelo menos, no Benfica em Portugal. Não pensem que digo isto porque estou irritado com ele. Não estou. Simplesmente, se sou grande defensor da integração de antigos atletas nos quadros do clube, também acho que não podem ser só integrados por terem sido atletas. Por exemplo, eu desejo muito que o Nuno Gomes venha a ter um cargo de responsabilidade no futebol do Benfica, mas desejo-o porque me parece ser uma pessoa inteligente, com postura, que tem capacidade discursiva e de relacionamento. Sinceramente, o Mantorras não me parece ter características mínimas. É um tipo mimado que quando não lhe fazem as vontades dispara em todas as direcções, que pensa mais nele do que no colectivo e não lhe reconheço grande capacidade discursiva. Acredito que seja boa pessoa, mas boa pessoa não chega para ter responsabilidades e receber um salário.

Acho que o clube deve reconhecer o que os seus atletas fazem pelo clube. E até penso que isso tem sido feito e pode ser melhorado. Agora isso não significa que todos tenham emprego garantido. Uma coisa é serem atletas outra é serem treinadores ou dirigentes. Antes de mais, os profissionais do Benfica devem ser competentes. Se um ex-atleta tiver essas características - e temos vários, como o Shéu, o Rui Costa, o Diamantino, o Carlos Lisboa, o Henrique Vieira, o André Lima e tantos tantos mais - óptimo!

A única situação em que vejo algum sentido ele estar a trabalhar para o Benfica é em Angola. Admito perfeitamente que ele seja um elemento chave na captação de financiamento angolano e nesse caso o Mantorras poderá ser bastante útil ao clube.

Um abraço à campeão,

Alexandre Calado

MS disse...

Acho que o Benfica (incluo direccao, corpo medico e treinadores) tem muita culpa neste cartorio ao longo dos ultimos anos.
Nunca ninguem esclareceu com clareza qual a situacao de Mantorras, em nome de um nacional porreirismo que nao poderia acabar bem. Os adeptos gostam dele, e protegido do presidente e vai-se mantendo ali. Nao se sabe bem se esta la por caridade, se esta ou nao acabado para o futebol e quais as responsabilidades do Benfica na sua lesao. Sabe-se que quando entrava nao ficava muito abaixo dos colegas que substituia e as vezes era mesmo decisivo.
Pelo meio, o empresario de Mantorras sempre que falou deu a entender que a carreira de Mantorras estava limitada.
Mantorras nao acha isso; quer jogar e sente-se apto. Nao sei se tera bem a nocao das consequencias disso para a sua futura saude, mas isso e com ele e com os seus medicos. O que e certo e que treina, tem contrato que ate ja foi renovado depois da lesao e ninguem o "reformou" por motivos medicos. Como tal nao o posso censurar por pensar que ainda pode ser profissional.
O clube tem desrespeitado Mantorras. Se ele pode ser ainda um futebolista profissional, entao deve ser tratado como um profissional. Por exemlo, nao deve ser enviado a casas do Benfica por esse mundo fora em semana de jogo; deve ter a sua oportunidade se a justificar; nao deve ser tratado como uma mascote bem paga; deve ser aceite a opiniao e treinadores que o nao utilizem, como Koeman, que o quis emprestar para logo ser vetado; nao deve estar epocas a fio com poucos minutos sem a sua dispensa ser seriamente considerada, como com qualqer outro profissional. E deve estar sujeito ao regulamento disciplinar quando mete a pata na poca, como agora por exemplo, ou como ameacou declaracoes bombasticas enquanto estava na CAN.
Se Mantorras nao tem condicoes para ser profissional, devia ter sido dispensado. Ponto final. Nao se pode e te-lo no plantel, pagar-lhe, te-lo a treinar para depois o tratar como um caso especial. Ja foi chamado varias vezes de "caso especial" no plantel. Nao deve ser. Na minha opiniao, isso e humilhante para o jogador. Pior que se reformar sera engolir certos indicios de que la esta por pena. Nao me admira que com tao ma gestao humana este caso se tornasse numa bomba que pudesse explodir a qualquer momento.
Foi este ano. Queria jogar neste campeonato, Jesus tratou-o como um profissional e respeitou-o, escolhendo os melhores; Mantorras reagiu mal, como tantos outros, e deve ser castigado. Percebe-se que Jesus nao conta com ele mas por algum motivo teve na mesma tratamento especial (vejam o que aconteceu com quem Jesus nao contava, Balboa e Jorge Ribeiro, reintegrados apenas por pressao do sindicato).
Alem disso, e independentemente de nao ter razao, Mantorras escolhe terrivelmente mal o momento das suas criticas. No Benfica, nao se pode criticar quem esta na mo de cima. Criticou Jesus quando este foi campeao a jogar bom futebol. Se tivesse criticado Quique no ano passado talvez tivesse o apoio dos socios. Vejam como Leo foi apoiado depois de fazer declaracoes inaceitaveis por Quique ter feito um crime de lesa patria... escolheu o onze que entendeu e do qual Leo nao fazia parte. A mesma coisa, um jogador menos emblematico e claramente na curva descendente, e vejam o que aconteceu.
Timing e muito importante.
Com ou sem declaracoes, espero que Mantorras seja dispensado. O clube deve-lhe isso - um tratamento com respeito. E espero tambbem que Mantorras possa continuar a sua carreira se tiver condicoes para isso, que marque muitos golos e possa provar de vez se ainda tem ou nao valor. Infelizmente essa decisao ja vai com alguns anos de atraso.

José Vieira disse...

Estou à vontade para falar do "dossier" Mantorras, até porque já há muito aflorei neste blog a minha incredulidade por o angolano ainda fazer parte do plantel.
Parecia eu ser dos poucos que não entendia o "circo" em que se transformava o estádio sempre que Mantorras efectuava exercícios de aquecimento. Ao vê-lo "correr" assaltava-me sempre a ideia de estarmos perante mais uma peculiaridade só possível do nosso clube.
O povo amava Mantorras e LFV, ciente disso mesmo, entre papas e bolos impunha Mantorras no plantel.
Pois bem, muitos há que criticam LFV por usar as pessoas e descartá-las quando estas já não têm utilidade.
Aqui sou eu que critico frontalmente LFV por não ter já "descartado" Mantorras.
Nunca colocando em causa a dignidade das pessoas, defendo que todos aqueles que já não servirem os propósitos do clube devem sair. Só assim se constroem estruturas profissionais vencedoras.
O Benfica nada deve a Mantorras pois este foi sempre pago (e bem pago) por aquilo que fez no clube.
O problema é que Mantorras parece auferir mensalmente uma pensão e não um vencimento...

João Bizarro disse...

"O problema é que Mantorras parece auferir mensalmente uma pensão e não um vencimento..."

Uma pensão?!?! Acho que é mais um hotel... 5 estrelas.

André Leal disse...

Por mim, como já disse anteriormente, o Mantorras fica até querer. Não pode é exigir jogar.

João Bizarro:

O Mantorras teve um acidente de trabalho ao serviço do Benfica. Sendo a culpa do clube ou não, acho que só fica bem compensá-lo por isso. Além disso ainda está capaz de jogar, nem que sejam 15 minutos, independentemente do JJ não o ter utilizado.

Além dos aspectos morais, que para mim deveriam ser decisivos e suficientes, acresce a influência positiva que a simples presença do Mantorras no plantel tem junto da comunidade africana, nomeadamente angolana e que, como se sabe, é um dos targets para o crescimento do número de sócios e adeptos.

Acho, sinceramente, que a popularidade do Mantorras, pelo número de adeptos angariados e pelas camisolas vendidas, lhe paga o salário (ou pensão ou hotel de 5*, como lhe queiras chamar).

Pelo contrário, reagir violentamente contra ele, apesar de achar que deve haver repúdio pelo que tenha dito de mal, pode ter um efeito adverso junto dos adeptos angolanos.

Mas, como disse anteriormente, os aspectos morais são suficientes: ele teve um acidente de trabalho e o Benfica, mesmo que não seja responsável, defende o seu trabalhador e o seu contrato.

PS: Alguém sabe como se agiu com o Feher? O seu contrato foi pago na íntegra à família?

Pedro disse...

"ele teve um acidente de trabalho e o Benfica, mesmo que não seja responsável, defende o seu trabalhador e o seu contrato"

E é isso que o SLB tem feito. O problema é, parece, o Mantorras querer mais do q isso e a equipa técnica achar que ele não tem condições para tal. Se ele acha q tem condições para jogar então seria do seu interesse chegar a acordo com o SLB para tentar a sorte noutro clube. Este tipo de declarações só dificulta essa situação.

"o Mantorras fica até querer. Não pode é exigir jogar"

Basicamente o problema é mesmo esse, ele exigir jogar.

"Alguém sabe como se agiu com o Feher? "

Acho, não tenho a certeza, que o clube cumpriu com as suas obrigações até pq nunca se ouviu a família a queixar-se de dinheiros em falta.

Helen Doron disse...

Sim, Pedro, ele exige jogar, no entanto não esteve a época toda a dar entrevistas a dizer que tinha lugar na equipa e similares. Não foi o que aconteceu. O que ele queria, antes de tudo, era ser convocado só para este jogo para poder entrar e ser campeão.

Continuo a achar que ele está à mesma errado ao contrariar publicamente o treinador, ainda mais porque o título se discutiu até à última jornada, mas que é uma falha perdoável, com uma multa claro.

Ou seja, não acho que seja motivo para o mandar embora do Benfica.

Anónimo disse...

Há seis meses atrás Tiago Targino seria, na minha óptica, uma excelente contratação. Depois veio a lesão, grave por sinal, e não sei mais o que dizer, e o que pensar, sobre a notícia hoje avançada desta quarta aquisição do Benfica.

João Bizarro disse...

André, o Mantorras ao pé do Eusébio é ZERO.
O Eusébio também lixou um joelho ao serviço do Benfica.
O Eusébio saiu do Benfica e ainda jogou no Beira-Mar e U. Tomar. E recusou marcar livres directos contra o Benfica.

E eu já aqui critiquei o Eusébio por algumas situações...

O Mantorras pensa que os adeptos estão com ele? Eu não estou. E pelo que vejo e sinto, 90 e tal % não estão com ele.

Dylan disse...

Como já disse noutros locais e, em conformidade do que veio a público, o Departamento Médico do Benfica não fica isento de culpas e - se há coisas que não somos -, é o facto de sermos ingratos.

Anónimo disse...

caro João Bizarro e membros deste blog, esta foto ao ser real (que ainda me custa a acreditar), temos mais alguém que adora o Benfica.

http://2.bp.blogspot.com/_BALpMCOY_xo/SdNbsxapN-I/AAAAAAAAAvQ/4o18iCawx-w/s1600/pinto%2Bda%2Bcosta%2Bbandeira%2Bbenfica%2Bslb.jpg

Pedro Fernandes disse...

O Mantorras tem sido muito bem pago por estar no Benfica.

Qual seria o jogador com a média de jogo jogado do Mantorras que ainda estaria num clube!!!

Acho que depois destas declarações o LFV devia dizer BASTA ao seu afilhado, nomeadamente à sua continuidade.

O jogo com o Rio Ave não era apenas para cumprir calendário, o JJ tinha de escolher os mais aptos para garantir o título!!!

Se ele queria jogar ou ser convocado, devia era estar calado que mais não seja por respeito ao treinador e aos colegas que também queriam ter jogado e não puderam por opção técnica.

Aliás, se o Mantorras acha que está mal, mude-se! A ver se alguém mais o quer... Até nos fazia um grande favor... Não há paciência para ingratos!

Pedro Fernandes disse...

A prova que o Benfica não tem sido ingrato com o jogador é de que o mantém no seu plantel apesar de não fazer falta... E mais o SLB não pode fazer...

Agora se o jogador se arma aos cucos e vem destabilizar, então mais vale correrem com o foco de destabilização/ingratidão!!!

José Marinho disse...

Pouco me interessa se é com papas e bolos que se enganam os tolos. O que me interessa é que Mantorras devia ser um assunto esclarecido e pacífico no Benfica. Por acaso, até sei toda a história do Mantorras, os sacrificios a que foi submetido apenas para jogar em alturas cruciais. Sei o que lhe foi feito e não pelo departamento médico do clube. Também os treinadores tiveram responsabilidade no crime que foi cometido e de que pouca gente, no clube, sai ilibado. O que fizeram a Mantorras foi um crime e se o Benfica, até hoje, se tem comportado com um mínimo de decência, é porque tem dor de consciência. E nisto, de facto, estou muito de acordo com a protecção que lhe é dada pelo presidente do Benfica. Porque Luis Filipe Vieira sabe bem o que fizeram a Mantorras, as vezes em que Mantorras jogou em condições quase sub-humanas de sofrimento, as vezes em que era necessário retirar líquido do joelho de Mantorras, para que ele pudesse jogar. Até que chegou Camacho ao clube e acabou com a tortuta a que semanalmente era submetido o Mantorras. E francamente, duvidar sequer do facto do Benfica ter uma dívida eterna a pagar pela lesão grave do Mantorras, mais do que dizer alguma coisa sobre o estado actual do Benfica, diz sobretudo muito sobre o que é hoje o benfiquismo. Muito diferente do que era há vinte, trinta anos atrás, quando o Benfica e o benfiquismo eram um modelo de comportamento social e desportivo. Porque se havia em Portugal um clube que era mais do que um clube, era o Benfica. Este sempre foi o meu Benfica, um Benfica justo, solidário e sobretudo socialmente brilhante. Agora...

José Vieira disse...

Será certamente por ter conhecimento do calvário por que passou Mantorras que a nação benfiquista lhe dispensa tamanho apoio e carinho. Merecido.
Falar-se de dívida eterna é manifestamente excessivo, dívida eterna, para mal dos nossos pecados, é a divina externa portuguesa.
E a parte da dívida para com Mantorras que podia ser liquidada em dinheiro está já saldada com a renovação contratual que lhe foi concedida.
A outra parte, a mais importante, não pode ser concretizada com a sua manutenção do plantel.
Um Benfica justo e solidário não pode transformar um seu atleta numa "ave rara", que apenas pode rivalizar em espectáculo com a águia vitória. Não é este o conceito que tenha de salvaguarda da dignidade humana.

Hugo disse...

O Mantorras foi sacrificado?
Foi.
Médicos e Treinadores tiveram culpa?
Tiveram.
Benfica Assumiu a culpa?
Sim.
Mantorras também teve culpa?
Sim
Foi enganado?
Talvez.
Está sem clube?
Não.
Tem condições para estar no plantel actual do SLB?
Não.
Então porque ainda continua?
Porque o Benfica assumiu a resposabilidade do Clube e dos erros dos Colaboradores.


Acho que o problema do Mantorras é outro.
O Mantorras quer jogar, mas não pode, porque não tem condições.
Mas se ele acha que pode jogar, pode e deve procurar outras alternativas. O que ele não pode dizer é que lhe faltaram ao respeito porque não jogou.
É um jogador muito respeitado.
Quanto à sua importancia no Benfica é igual a outros do plantel.
Se é ele que não está bem, a porta está aberta.
Se quiser continuar, ficaremos contentes... e faça um favor a Todos (ele incluido), controle os disparates.

André Leal disse...

Concordo totalmente com o José Marinho. Conseguiu exprimir o que eu sinto quanto a este caso.

Só uma nota, José Marinho, o Benfica de há 40 anos atrás foi aquele que tratou um pouco mal o Eusébio, tal como refere o Bizarro.

PS: o "Helen Doron" que comentou anteriormente sou eu, com outra conta.

Anónimo disse...

Mantorras no SLB a jogar até à idade da reforma - 65 anos

Se quer destabilizar, amordacem o coitadinho

MS disse...

Caro Jose Marinho,
Lembro-me de como na epoca de Jesualdo as esperancas de limitar os danos se resumiam a manter Mantorras na equipa a todo o custo. Por exemplo, numa ultima jornada no Estadio dos Barreiros, onde estava claro que o jogador nao tinha condicoes. Perdemos 3-2, epoca 01/02. Mas adiante... Assumindo como verdadeiro todos os factos que refere, nao me parece justificavel que o Benfica tenha adiado ate ao presente a conversa inevitavel a ter com Mantorras.

O clube, certamente que com boas intencoes, tem sido conivente com o diario desgaste a que o joelho do jogador sofre nos treinos e que sem duvida pagara no futuro. O clube, certamente que com boas intencoes, tem contribuido para perpetuar no jogador (e tambem nos adeptos) um sonho de uma recuperacao idealista.

A frustracao no jogador e evidente e as mensagens contraditorias que ele recebe sao desgastantes (em poucas semanas e considerado jogador do plantel, "caso especial" e embaixador em casas do Benfica em dias de jogo...).

Se o Mantorras quer provar que pode ser profissional e render no campo, acho que o clube deveria ter-lhe dado essa oportunidade ao abrigo de um emprestimo, com garantias de restabelecer a ligacao com a casa mae no final dessa epoca, e sem estar sujeito a praticalidades insignificantes face a situacao, como por exemplo questoes de salario. Infelizmente isso nao foi feito ate a data.

Ano apos ano temos tido avancados que fazem tanto ou menos que Mantorras faz num decimo do tempo de jogo que eles tem. Pela qualidade actual de Mantorras nao vejo porque nao pudesse ter lugar no plantel. Acho que se Mantorras tivesse tido o tempo de jogo que teve Keirrison e Eder Luiz (nada contra estes dois jogadores) este ano, por exemplo, teria produzido bem mais.

O Benfica nao deve ser ingrato nem fugir as suas responsabilidades. Mantorras e dos nossos e todos os seus direitos devem ser assegurados, mantendo uma relacao limpa e carinhosa com o clube e adeptos. E isso nao pode passar nunca por manter uma charada, que como todas as farsas um dia e descoberta e pode deixar amargos de boca indesejaveis e desnecessarios.

Peco desculpa pela falta de acentos e cedilhas, escrevo de um teclado ingles - nao e nenhuma tomada de posicao em relacao ao acordo ortografico.