blog

quarta-feira, dezembro 22, 2010

Nem a brincar...



Já me estragaram o Natal...

24 comentários:

Mário Lopes disse...

Acho também que o Coentrão e o David Luiz, estão a mais. Vendam mais esses também!

De resto, até lá continuo a pensar que os jornais desportivos são uns valentes impostores...

Hugo disse...

Só se for por 20 Milhões, que é a Clausula de Rescisão.
Este é o melhor jogador (juntamente com Rui Costa), que vestiu a Nossa camisola nos últimos 10 anos.
Este é o 10. O Nosso 10.

iBenfiquista disse...

Pois pode. Assim como o Roberto, o Saviola, o Salvio, o Cardoso, o Ruben, o Javi, o David Luis, o Luisão, etc., etc. Aliás os jogadores do Benfica podem todos sair em Janeiro.

Mas este tipo de especulação interessa a alguém?

Anónimo disse...

LOl eu penso que era publico que o aimar tinha vontade em terminar a carreira no clube de origem, e se ainda quiser fazer alguma pelo clube e não apenas número(tipo maniche) acho que o timming é perfeito, obrigado e adeus aimar :)

Helder disse...

Espero bem que essa notícia seja fatochada da bola! Por mim renovava já com Aimar e aproveitava o balanço e renovava tb com o seu amigo Saviola.
Para mim Aimar foi o jogador com mais classe que vi jogar no Benfica. O Homem até a caminhar tem classe, ou melhor, ele não caminha.....desliza...!

Anónimo disse...

Meu Deus, vocês acreditam-se em tudo que a comunicação social diz... Hoje o Jogo até diz que o Beckam pode ir para o Benfica...

bailarino disse...

Isto é treta.
1) ninguem paga dinheiro pelo Aimar (31 anos)
2) A sair a custo zero ou semelhante só no final da época, a meio não tem jeito nenhum, ainda para mais quando tem vindo a ser titular.

Isto é para encher chouriços e vender jornais. Até 31 de Janeiro vai haver muito disto.

ABraços

Mr. Shankly disse...

Sai o Aimar (Qatar ou River), o Saviola, o Cardozo (Villareal), o Sálvio (regressa ao Atlético), o Javi (Inter), o Coentrão (aliás, os Coentrões: um para o Milan, outro para o Real, outro para o Barça, outro para o United, outro para o City, outro para o Liverpool, outro para o Chelsea - são mais de 200 milhões a entrar no Benfica só pelos Fábios). Entra o Nolito, o Fernandez, o Mori, o Coelho.

Acho que vamos ter que usar os jogadores das modalidades amadoras no futebol. O que vale é que acumulámos pontos suficientes para não descer de divisão.

Hugo disse...

"ninguem paga dinheiro pelo Aimar (31 anos)"

Eu se estivesse à frente de um clube com dinheiro, era de caras, pagava e bem por ele.
Além de ser o jogador que é, é daqueles que dá sempre o que pode e não pode em jogo, para mim é um exemplo no Benfica e é um exemplo para os mais Novos.
Qual é o jogador que não sonha jogar ao lado do Aimar?
O Benfica deveria aproveitar esta grande contratação do Rui Costa, para renovar o contrato com este Grande Jogador e tê-lo por mais uns anitos, pelo menos mais dois.

Pedro disse...

Para mim há dois jogadores que o SLB devia usar como exemplo: Aimar e Coentrão. Em polos opostos no que a idade e futuro diz respeito mas em tudo iguais no que a qualidade, atitude, e significado do q é jogar no Glorioso. Era renovar esticando ao máximo as possibilidades financeiras do clube para manter estes jogadores.

Se tiver mesmo q sair, q seja no final da época para todos nós nos podermos despedir de um dos melhores jogadores q envergaram o Manto Sagrado.

John Billy #32 disse...

Era muito triste perder um jogador como o Aimar, mas...
Para jogar a nº10 temos o Carlos Martins e podia-se também por a jogar nessa posição o Gaitán que na esquerda tem rendido muito pouco.
se surgir uma boa proposta (entre 3 e 4 milhões de euros) era um assunto a ponderar.

bailarino disse...

Hugo, mas isso é para ir para campeonatos onde já não se vai jogar futebol, vai-se ganhar dinheiro ponto final.
O Aimar daqui ou sai para a Argentina ou sai para um clube que lhe pague uns milhões valentes. Eu até acho esse cenário plausivel no final da época, mas a meio da época, com o jogador a jogar (e bem) era uma parvoice quer ele (pode fazer isso no fim da época, porquê sair assim do Benfica?) para o clube (nem quero pensar que alguem no Benfica equacionou este cenario).

ABraços e boas festas. Carrega Benfica!!!

Anónimo disse...

"(entre 3 e 4 milhões de euros) era um assunto a ponderar."

Para depois estorrarem o guito num deficiente qualquer!!!!

Com 3 ou 4M não se compra nada de jeito, por isso deixem estar este que rende pelo menos mais 2 anitos...

Hugo disse...

3 ou 4 Milhões pelo Aimar!!!
Para sair antes do tempo que seja por aquilo que ele vale.
É o melhor jogador do Benfica juntamente com o Coentrão, estou como o Pedro, esticamos um pouco e damos-lhe mais para ele fazer mais uma época além da do contrato.
O Aimar é um "regalo" para o Nosso campeonato.
O Aimar faz-me pagar para ver futebol.

John Billy #32 disse...

"Com 3 ou 4m não se compra nada de jeito"
Não é bem assim. Quanto custou o Fábio Coentrão? O David Luiz? O Tiago?
Mas a questão não é essa.
De certeza que há contas para pagar, e esses 3 ou 4 milhões eram muito bem-vindos.
Com isto não estou a dizer que temos que vender o Aimar porque acho-o um grande jogador e gosto de o ver no Benfica.
Mas prefiro vender o Aimar por uns 4 milhões do que perder o Coentrão por uns 20.

Anónimo disse...

um nº10 de qualidade nem digo igual, mas próxima do AIMAR, por 3 ou 4M?!...

Diogo C.

Anónimo disse...

"Mas prefiro vender o Aimar por uns 4 milhões do que perder o Coentrão por uns 20."

Eu não perfiro nem um nem outro!!!

Diogo C.

João Bizarro disse...

Há que ver 2 aspectos: Ou se quer ganhar alguma coisa esta época ou não se quer ganhar nada e andam a gozar com o pessoal!!!

Uma equipa que quer ganhar e vende jogadores titulares a meio da época só pode ter dirigentes que querem o mal desse clube... ou então são burros!

Anónimo disse...

Benfica, FC Porto e Sporting, os três maiores clubes do futebol português, devem em conjunto 322,8 milhões de euros em empréstimos bancários e têm que pagar quase metade – 156,2 ME – no prazo de um ano.
A SAD do Benfica é de longe a mais endividada, com um total de 216,6 ME em empréstimos bancários, o que representa mais do dobro do que os rivais devem à banca em conjunto, dos quais 92,2 ME devem ser liquidados no espaço de um ano.
De acordo com os resultados do primeiro trimestre da época desportiva 2010/11, que se concluiu em Setembro, a SAD do Sporting é a que deve menos dinheiro aos bancos (52,2 ME), valor ligeiramente superado pela SAD do FC Porto (54 ME).
A diferença entre os dois clubes está nos empréstimos contraídos a curto prazo: enquanto os lisboetas têm que pagar 27,8 no prazo de um ano, os portuenses estão obrigados a regularizar 39,6 ME durante o mesmo período.
A dificuldade que os bancos estão a ter em financiar-se, em consequência da crise, pode dificultar a vida em 2011 aos três “grandes”, que vivem com crónicas dificuldades de tesouraria e têm por hábito contrair novos empréstimos para pagar os que se vão vencendo.
“Além da diminuição da concessão de crédito, a falta de liquidez dos bancos está a levá-los a aumentar os ‘spreads’. Neste momento, ninguém se financia a menos de sete ou oito por cento a curto prazo. Sobre 322 ME são mais de 20 milhões anuais só de juros”, observou à Agência Lusa o economista Jaime Antunes.
O economista advertiu que “o ano de 2011 será muito complicado”, pois “os três grandes clubes estão fortemente endividados”, a um nível que “não é sustentável” no actual quadro financeiro.
“Os clubes gastam muito mais do que facturam. Até aqui têm vivido de financiamento, mas essa torneira está a fechar-se e não podem continuar com o mesmo volume de despesas, em especial os salários dos jogadores”, defendeu.
O cenário de crise ameaça agravar ainda mais a situação deficitária das SAD dos três habituais candidatos ao título, que apresentam em conjunto um prejuízo de 249,1 ME desde a sua constituição.
O Benfica volta a liderar de forma destacada, com um resultado negativo acumulado de 105,9 ME, quase o dobro dos 53,3 ME do FC Porto, enquanto a SAD do Sporting apresenta um prejuízo de 90,9.
“O Sporting é o que está na situação mais difícil, porque tem um endividamento muito grande e capacidade limitada de gerar receitas. O Benfica é de longe o que está mais endividado, mas também consegue produzir muito mais receitas”, sustentou Jaime Antunes.
O clube de Alvalade procura reestruturar as suas finanças através da segunda “operação harmónio”, que pretende retirar a SAD da situação de “falência técnica” e a adequação dos capitais próprios ao disposto no Código das Sociedades Comerciais.
De acordo com os relatórios referentes ao primeiro trimestre da temporada 2010/11, o FC Porto é o único dos três que cumpre o artigo 35 sobre os capitais próprios (activo menos passivo da sociedade), que devem ser superiores a metade do capital social.
O economista advertiu que à dívida aos bancos é preciso somar a emissão de empréstimos obrigacionistas e os efeitos da política de antecipação de receitas: “É incontornável. Os clubes só podem sobreviver se reduzirem as despesas”
E eu a pensar que tínhamos nos clubes, e no Benfica em especial, génios das finanças. Tal e qual as finanças públicas. Quanto mais se arrecada, mais se gasta. O país está nas mãos de uma canalha miserável que nem um Salazar em cada esquina nos livrava…também porque depois nunca mais nos livrávamos dele(s).
Triste, mais do mesmo…até um dia…

Bola7

Anónimo disse...

Bnoite..
Concordo com algumas coisas que aqui se disseram sobre o pablito,e um prazer ve-lo jogar!! No entanto parece me que tem jogos mt irregulares..e para mim um n10 tem que variar mais o jogo,passes longos..e de rematar mais tb..admito que akele enrendilhar as vezes me irrita! Creio que as vezes o facto da ekipa nao ser mais objectiva passa mt por isso mesmo!
Ele e saviola estao em fase descendente..pq se fossem assim tao desiquilibradores nao se falava tanto de ramireS e di maria.
ATE MORRER!!!!

Pedro disse...

"dos quais 92,2 ME devem ser liquidados no espaço de um ano."

Se isto é verdade...é assustador...

Pedro disse...

Ui...agora é o Martins... LOLOL

Hugo disse...

Bola7, o grande segredo está no gerar das receitas, porque a questão de se "mexer" nos salários dos jogadores, jamais poderá vir de Portugal, nós andamos a reboque da Europa como tudo, e no futebol não fugimos à regra.
O problema dos Financeiros em Portugal, é olhar sempre para o Trabalhador como o problema das crises.
É totalmente o oposto, o Trabalhador é na maior parte quem resolve a crise.

Isto é um pouco como um país em crise, como é que se pode sair de uma crise tirando o poder de compra e subcarregando a maior classe social?
Se não tens dinheiro, consomes menos, investes menos, blá blá blá, logo as Empresas vendem menos, produz-se menos e não saimos disto.

Num clube de futebol é igual, se queres lucro, receitas, etc, além de saberes gerir tens de ter jogadores com qualidade, para levares público ao estádio, para teres patrocinios, para ires à Champions, para teres mais valias nos jogadores que investiste.
O ano passado tinhas 50 mil no minimo na luz, este ano é como vês.
Tens de segurar pelo menos o 2º lugar para ires à Champions e se não tivesses uma equipa que te "assegurasse" que isso era possível, em Janeiro venderias a equipa quase toda.
Não há duvidas que o Benfica vai vender um, dois ou três jogadores até ao fim da época.
Se venderes o David Luiz ou o Coentrão a margem de lucro é gigantesca.
Se venderes o Cardozo será boa, não optima, mas será boa.

Agora, o Benfica não poderá dar-se ao luxo de repente reduzir os ordenados só porque sim...
O mercado é que manda... e o mercado do futebol é um pouco diferente dos outros.

Por isso, essa analise poderia estar correcta se não estivessemos a falar de futebol, ainda assim é tipica do nosso país...
gostaria de o ver a dar a resolução de, alternativas, isso é que o tornava diferente.

Apanhados disse...

Um Santo e Feliz Natal e que 2011 nos traga saúde e sucesso a todos os níveis!!

São os votos do Blogue Apanhados Quânticos