blog

segunda-feira, maio 14, 2012

O poder do Polvo


As notícias de hoje abrem a possibilidade de a nomeação de Proença para a final da Champions ser "cancelada" mas isso não anula o significado de Pedro Proença ter sido a primeira escolha para apitar a final da mais importante competição de clubes da UEFA. Nem o portista mais fanático e faccioso considera que Pedro Proença seja um dos 5 melhores árbitros europeus logo, qualquer adepto de futebol se questiona do porquê desta nomeação? 
A resposta está naquilo que a foto representa. Pedro Proença foi visto a sair do Estádio do Dragão nas vésperas de apitar o SL Benfica-FCPorto, jogo decisivo do campeonato nacional. O fotógrafo que o apanhou e tirou fotos acabou numa cama de hospital. Proença fez a arbitragem que todos sabemos na Luz e acabou por ser o elemento mais saudado na consagração do corrupto campeão. O prémio foi agora tornado público. Pinto da Costa mostra, a todos, que manda nisto tudo e já não há qualquer pudor em o esconder. E num mundo de corruptos como é a UEFA (basta olhar para as tramoias á volta das decisões onde se disputam os campeonatos europeus e tantas e tantas arbitragens em jogos decisivos da Champions e a recusa, sistemática, em utilizar a tecnologia para ajudar à verdade desportiva) é natural que um dos maiores corruptos tenha livre acesso aos corredores de poder da UEFA. Repito o que disse acima, quem é Pedro Proença, no mundo da arbitragem europeu, para ser nomeado para a final da Champions? Isto é um claro exemplo para todos os outros árbitros, "estejam do nosso lado e vão longe". A teia que Pinto da Costa construiu já não vive só de fruta, de violência e de chantagem. Vive destes "prémios". É uma forma de Pinto da Costa continuar a mandar nisto tudo, de ter o beija mão destes vendidos todos. Dinheiro, como se vê no caso de Pereira Cristovão, qualquer um pode oferecer, já apitar finais da Champions e Europeus só está ao alcance do chefão.
Como pode o Sport Lisboa e Benfica lutar contra isto?
Utilizar as mesmas armas: O Sport Lisboa e Benfica é um gigante quando comparado com o Porto. Se fosse utilizar as mesmas armas, a mesma corrupção, o mesmo tráfico de influências tinha tudo para em 5/10 anos destruir o clube azul. O nosso "exército" é muito superior e facilmente espalhado por todo o lado, geramos muito mais dinheiro o que significaria muito mais para distribuir o que traria para o nosso lado todos as sanguessugas do futebol. Pinto da Costa tem um sistema em acção com trinta anos mas ao fim de 10 já estava a ter resultados prácticos. Com a nossa grandeza, em igual período, seríamos imbatíveis. Mas não está no nosso ADN. Ser benfiquista é ser justo, honrado, verdadeiro. Ganhar pelo esforço, pelo trabalho, pela humildade. Esta é, igualmente, uma das razões porque não conseguimos sequer lutar esta batalha, somos honestos. Quando um árbitro que tanto nos prejudica é agredido num centro comercial a reacção é de repúdio quando podia perfeitamente ser de contentamento. Usar as mesmas armas não é nem nunca será opção para o Sport Lisboa e Benfica.
Sermos perfeitos: É uma opção impossível mas podemos e devemos ambicionar estar o mais perto possível da perfeição e isso consegue-se cometendo cada vez menos erros. Principalmente erros facilmente evitáveis tais como enfraquecer o plantel no mercado de Inverno, comprar jogadores por atacado ano após ano, ostracizar jogadores por birra do treinador, fazer uma gestão desequilibrada do plantel, não cometer suicídios tácticos antes e durante um jogo, etc. Sendo o mais forte possível dentro do relvado permite que seja mais fácil concentrar-nos na luta pela verdade desportiva nos bastidores do futebol nacional. Se não dermos o flanco como tem acontecido bastas vezes é mais difícil nos derrubar e mais fácil canalizar as nossas forças para atacar os corruptos. É esta a única opção possível para um clube como o Sport Lisboa e Benfica. Mas para isso é preciso ter aos comandos do clube alguém que perceba de futebol jogado e que perceba do futebol de bastidores, que tenha vontade e benfiquismo suficiente para travar a luta necessária. Não é possível enfrentar este polvo que tudo controla enquanto dermos sucessivos tiros nos pés. Isso faz com que Vitór Pereiras e Villas Boas sejam campeões com relativa facilidade. Não basta dotar o plantel dos melhores jogadores e das melhores opções, é preciso saber o que fazer com tão boa matéria prima, é preciso defendê-los, sempre, dos ataques jornada após jornada, é preciso ensinar certas nuances do nosso futebol, é preciso assumir e explicar que há óbvias dualidades de critérios, etc.
Parem e pensem no que representa a nomeação de Pedro Proença para a final da Champions. Revejam o campeonato todo e percebam o quão descarada foi a roubalheira este ano e olhem, igualmente, para dentro do Glorioso e percebam o que não se fez e o que se fez de mal para chegarmos a este fim. Se no Benfica se conseguir ter a necessária capacidade de perceber os erros cometidos estará dado o primeiro passo rumo ao sucesso.


Os benfiquistas têm que perceber, de uma vez por todas, o que querem para o clube e se o caminho actual é o indicado para levar o clube às conquistas desejadas.



30 comentários:

Ginha disse...

Essa história das fotos e da agressão ao jornalista é verdade?!?!? Já tinha ouvido falar nas ditas fotos e julgo que ainda apareceu uma por aí mas que não dava pra reconhecer o Proença...

Isso é muito grave e apesar de não ser nada de anormal par aqueles lados, é coisa para ser provada e amplamente divulgada!

Pedro disse...

Foi o que malta credível disse. E conhecendo nós as peças a norte não é de surpreender pois não?

Ginha disse...

Não surpreende! Nem é o primeiro...

Diácono Remédios disse...

Para se ganhar de forma séria contra a corrupção é preciso ter uma equipa de grande categoria, uma das melhores da europa, sem dúvida, o que pode ser penoso do ponto de vista financeiro.

Será preciso recuar aos tempos em que o Benfica conseguia reunir e manter numa mesma equipa jogadores como Águas, Paneira, Valdo, Ricardo, Magnusson, Shwartz e Thern, treinados por Ericksson, seguramente uma das melhores equipas da europa, presente em 3 finais europeias para derrotar os corruptos.

É que aí, mesmo que fiquem 1 ou 2 pénalties por assinar, ou foras-de-jogo não marcados, está sempre lá um grande jogador para marcar mais 2 ou 3.

Ou seja, só é preciso que a malta benfiquista se una em torno do clube e mostre o que é este colosso mundial, para tirar esses piratas do caminho.

Disse.

Pedro disse...

Diácono, este ano (e o anterior) tiveste um plantel claramente superior ao clube corrupto. Dava garantias mais que suficientes para disputar TODOS os trofeus nacionais. Ainda para mais com as abébias que eles deram... O problema é que de nada serve ter essa super equipa se depois a mesma é desaproveitada e/ou minada com erros próprios inaceitáveis.

paulo braz disse...

boa tarde

Grande, enorme e brilhante post o teu Pedro!!
Quando soube da noticia da nomeação desse palhaço de arbitro, fiquei completamente espantado!!!E digo sem medos...é um PALHAÇO que se mascara de arbitro!!
Cada vez acredito mais que temos de nos unirmos em torno do nosso clube, criar e procurar opções válidas ao nosso atual presidente, e temos o dever de não ter receio de nos manifestar-mos contra esta corja de gente que nos tem afetado imenso!!
Temos de ser fortes, solidarios e acima de tudo construtivos em prol do SPORT LISBOA E BENFICA!!Infelizmente o atual presidente do nosso clube é conivente com estes palhaços que abundam no nosso futebol, e não vai mudar a linha de orientação!!E isso REVOLTA-ME PROFUNDAMENTE!!!
O SPORT LISBOA E BENFICA PERTENCE AOS SÓCIOS E ADEPTOS ESPALHADOS PELO MUNDO FORA, E NÓS PODEMOS FAZER A DIFERENÇA!!!!BASTA QUERERMOS!!
UM GRANDE ABRAÇO DE UM BENFIQUISTA DA FIGUEIRA DA FOZ

GR1904 disse...

Pedro, gostava de saber a fonte dessa notícia do Proença a sair do dragão e do fotógrafo (onde estão as fotos?) ter ido parar ao hospital.

Não estou a colocar em causa se é ou não verdade. Mas ao referir-se isso, deveria-se colocar alguma prova a acompanhar.

Anónimo disse...

Pedro, explica-me então uma coisa. Se o Pinto da Costa tem esse poder todo na UEFA como explicas a decisão da UEFA em deixar o fcp de fora da Champions depois do apito dourado? Como explicas as declarações do Platini que era e ainda é o presidente da UEFA? Como explicas que essa decisão da UEFA tem sido baseada em "graves atropelos ao direito desportivo", segundo opinião do Tribunal Arbitral do Desporto?

Pedro disse...

"a decisão da UEFA em deixar o fcp de fora da Champions depois do apito dourado?"

Ai sim, o fcp ficou de fora da Champions? Não reparei...☺

Declarações de Platini? Achas que ele publicamente ía dizer algo de diferente? A conversa dele é de combater a corrupção mas depois os actos é que tramam tudo.

GR1904, a fonte não sei quem é, li foi no Blog Cabelo do Aimar que vai de encontro ao muito que foi dito na altura do "acontecimento" e a tudo aquilo que nós conhecemos daquela escumalha azul.

Anónimo disse...

Pedro a UEFA castigou o fcp, que recorreu para o TAS e ganhou o recurso, tendo o TAS arrasado a decisão da UEFA. Agora diz-me, como é que isso era possível se o pinto da costa controlasse a uefa?

Pedro disse...

A UEFA castigou o fcp e pouco depois o Platinni anda de mão dada com o pintinho?
Claro que sim...

André Leal disse...

O anónimo mente!

Os corruptos não recorreram para lado nenhum para se livrarem à punição na UEFA.

Para os mais esquecidos e para os mentirosos aqui vai:

- Corruptos punidos com perda de 6 pontos num campeonato que estava a acabar e em que, mais uma vez empurrados pelas arbitragens, tinham cerca de 20 pontos de vantagem para o segundo.

- Corruptos não recorrerem como clube para que os pontos fossem deduzidos nessa época em que não fazia mossa e não na seguinte. Daí serem chamados "assumidamente corruptos" a partir de então.

- Corrupto-mor recorre individualmente, sendo então totalmente abandonado pela SAD, já que para aqueles lados solidariedade é uma palavra pouco conhecida.

- Pouco depois, já depois do prazo de recurso ter acabado, vêm as notícias de que os corruptos poderiam não jogar a CL por terem sido condenados por corrupção, independentemente da pena.

- Nessa altura a UEFA requer à FPF um parecer para saber se o crime já tinha transitado em julgado. Como não tinha sido apresentado recurso a FPF diz que sim.

- Os corruptos, aflitos, tentam encontrar uma saída para o imbróglio. Lembram-se então que o recurso do corrupto mor lhes poderia servir e obrigam o representante da FPF, provavelmente através de ameaças, quando este é chamado à UEFA, a desdizer o que tinham dito anteriormente, ou seja, que o crime não tinha transitado em julgado porque ainda corria o recurso do corrupto mor.

- Acontece que, estando dois jogos em questão, o recurso do corrupto mor só servia aos corruptos em um dos jogos, já que no outro não tinha havido intervenção directa deste. Ou seja, se a decisão de um dos jogos poderia ainda não ter transitado em julgado, a outra já tinha, o que seria suficiente para a sanção desportiva da UEFA.

- Nessa altura o assunto é enviado para o CJ da FPF onde pululava como presidente um tal Gonçalves Pereira, corrupto dos 4 costados.

- Na reunião em que se teria que decidir se a condenação de corrupção em pelo menos um dos jogos já teria transitado em julgado, tida na véspera do deadline da UEFA para a composição dos participantes, o corrupto Gonçalves Pereira, alegando que um dos participantes do CJ tinha interesses na decisão, tenta expulsá-lo da reunião para que a votação fosse favorável ao seu mui querido clube corrupto.

- Os outros membros do CJ expulsam o então presidente e reiniciam a reunião votando favoravelmente à condenação dos corruptos.

- O abjecto Gonçalves Pereira impugna a decisão da reunião, cujas decisões ficam suspensas, sendo então chamado o jurista Freitas do Amaral para aquilatar da validade da segunda reunião, porém, tal decisão já não viria a tempo do deadline, pelo que os corruptos são aceites na CL.

- Tempos depois Freitas do Amaral decide que a segunda reunião era válida e qualifica como passível de investigação pelo Ministério Público a acção do então presidente do CJ.

- Durante essa época a UEFA decide alterar a lei, que passa a não ter efeitos retroactivos, ficando assim o clube corrupto mais uma vez impune.

Esta é a verdade. Por isso anónimo, não penses que estás a falar com meninos de coro. O teu clube é o mais corrupto do mundo e um cancro em Portugal onde, por causa dele, agora a corrupção é considerada como algo fixe e que só quem é burro é que não a pratica.

Entendidos, aldrabão?

Pedro disse...

Nem mais André. Eles tentam mas com a net tem tido um azar do caraças. Não conseguem impedir que a verdade venha cá para fora. Controlam jornais e tvs mas a net está dificil de controlar.

André Leal disse...

Se não controlam, pelo menos tentam, Pedro. Mas viste este artigo do Delgado n'A Bola?

http://planetabenfica.bloguedesporto.com/124681/Jose-Manuel-Delgado-arrasa-Pinto-da-Costa/

SLB_PMC disse...

Cheira-me que o Delgado tem os dias contados na Bola depois de tal artigo.
Se bem que só diga verdades no mesmo.

1º o sr. lá do norte, tem fugido a todas as perguntas sobre a continuidade do sr. "cadeira de sonho" nº2. Parece que isso é um virus de final de época lá pr'aqueles lados....

2º insiste no JJ e no Benfica para fugir à questão sabendo que basta isso para os seus "seguidores" ceguinhos esquecerem a vergonha de campeonato que fizeram e que só a intervenção divina da arbitragem lhes entregou de bandeja o campeonato, isso e algumas decisões no mínimo "caricatas" do nosso treinador.

Anónimo disse...

quando é que os Benfiquistas do sul dão um banho e uma ensaboadela de pau de marmeleiro ao boi preto que diz ser adepto do Glorioso? è que uma ensaboadela seguida de uns meses a banhos de vinagre e estadia em marquesa articulada, seria um rico exemplo para o resto da manada e o Benfica pasaria finalmente a ter paz.

John Wakefield disse...

Aloísio, director do Gil Vicente

Fernando Couto, treinador do Paços

Nuno Espírito Santo, treinador do Rio Ave

Em termos geoestratégicos, o fcp dá-nos 20-0. Isto não é necessariamente corrupção, mas sim conseguir influências e alianças com 2/3 das equipas que actuam no nosso campeonato.

Assim, nem o Mancini que deseja treinar o Benfica daqui a uns anos, consegue vencer aqui qualquer coisa...

Anónimo disse...

André Leal, não estou a falar para meninos de coro, estou a falr num blog que filtra tudo o que aparece nos comentários. O Pedro diz que temos tido um azar do caraças com a net mas não diz que ainda há dias coloquei aqui um vídeo que desmascara toda a tese das arbitragens... e a merda do vídeo não chegou aos comentários!

Para concluir a tua tese sobre a uefa só te aconselho a pesquisar o passado recente das declarações do platini sobre o fcp. Ainda no ano passado, a proposito da campanha na liga europa, o platini criticou o fcp por ter demasiados estrangeiros, e esqueceu-se que o benfica (que chegou às meias finais da mesma competição que o fcp venceu) tinha mais.

É apenas mais um exemplo do amor que o sr platini tem pelo fcp, e vice versa.

Pedro disse...

Ou seja, aquilo que o André escreveu tu não consegues ripostar. Naturalmente. A verdade tem esse efeito.

Sobre o video...por acaso era cómico de tanta palhaçada q por lá havia mas há dias que não tenho paciência para os vossos disparates.

Telmo disse...

Aqui está a prova que a máfia do norte já há muito que estendeu os seus tentáculos para fora de Portugal. Venham depois dar a desculpa "ah e tal e os títulos europeus também foram corrupção?" Resposta: óbvio que foram, não só por o campeonato português ser comprado no supermercado como haver roubos flagrantes em jogos europeus.

Grande artigo de José Manuel Delgado! É bom ver que de vez em quando alguém tem coragem de engrentar a máfia.

Já os restantes jornalistas e orgãos de comunicação social são uns cobardes.

André Leal disse...

Caro anónimo

Lá por o Platini falar mal do teu clubeco (porque não pode falar também da Juve, onde jogou e ganhou vergonhosamente uma TCE contra o Liverpool) não quer dizer que não seja também ele amigo da corrupção, tal como atestam os factos referidos pelo Pedro anteriormente.

A esses acrescento o facto de preferir falar dos estrangeiros do que falar do jantar com o árbitro do jogo no caldeirão da corrupção contra o Villareal.

Mas lá está. É esta a vossa argumentação: Não se defendem das acusações que vos são feitas (tal como acabaste de fazer comigo), por vezes até as aceitam, dependendo do interesse em jogo (tal como referi no meu primeiro comentário) e, por fim, lançam areia para os olhos com situações menos recomendáveis por parte de outros e que, por vezes, mais não passam do que delírios produzidos única e exclusivamente por mentes corruptas.

Nunca até hoje vi um adepto da corrupção negar o conteúdo das escutas divulgadas, mas apenas o facto de estas serem ou não legais, ou então quererem comparar o GPS corrupto, fruta para dormir e café com leite com um telefonema do Valentim Loureiro para o LFV igual ao que tinha feito a todos os presidentes dos intervenientes das meias finais da Taça.

Nunca vi um adepto da corrupção negar que as vitórias dos últimos anos são baseadas em grande parte em esquemas desonestos, mas apenas acusarem, sem qualquer prova ou indício, os outros de terem iguais comportamentos ou lembrando o caso Calabote dos anos 50, cujos factos estão já sobejamente desmentidos, num ano em que até foram campeões.

Nunca vi um adepto da corrupção desmentir o seu presidente corrupto mor quanto à data de fundação do clube que, até 1987, era 1906 e que, a partir daí passou a ser 1893, glorificando alguém que apenas reuniu um conjunto de rapazes do Porto para jogar um jogo em Lisboa e ignorando os verdadeiros fundadores do clube.

Nunca vi um adepto da corrupção insurgir-se contra o facto de, nas vossas imundas vitórias, o cântico favorito ser relativo ao Glorioso.

Nunca vi um adepto da corrupção lembrar que alguns dos seus dirigentes tiveram que fugir à pressa para o Brasil após o 25 de Abril, ao contrário dos do Benfica, bem como o facto do vosso estádio ter sido inaugurado a um 28 de Maio (dia do golpe de estado que impôs uma ditadura de quase 70 anos em Portugal) num jogo em que levaram 8-2 do Benfica que, por sua vez, inaugurou o seu estádio num dia 5 de Outubro.

Nunca vi um adepto da corrupção lembrar que no vosso clubeco os dirigentes máximos eram, tal como no sporting, designados por uma comissão de notáveis ligados ao regime, ao contrário do Benfica, que tinha e sempre teve eleições democráticas e universais, o que incomodava sobremaneira o regime.

E, pronto, ser adepto da corrupção é isto.

Pedro disse...

PUM. KO.

Anónimo disse...

"Nota aberta a Rui Gomes da Silva,

Evitando entrar na discussão do péssimo e lamentável princípio de ver um dirigente do Benfica num programa de debate televisivo, queria deixar-lhe três notas:

1) As suas intervenções provam as deficiências da estrutura profissional do futebol. As suas intervenções são sistematicamente fracas e sem qualquer tipo de conteúdo. São vazias de conhecimento. O senhor não têm a mínima ideia do que é o Benfica, nem tão pouco o que é necessário para gerir uma equipa profissional de futebol que possa atingir a desejada hegemonia desportiva. Está convencido que é através de ataques públicos à arbitragem que vão impedir que o Benfica continue a ser prejudicado. Mas afinal quem deu o apoio incondicional a Vitor Pereira? Que trabalho está a ser feito no interface com outros clubes que possa impedir que por exemplo Sérgio Conceição, Pedro Emanuel, Nuno Espírito Santo e Fernando Couto, sejam treinadores na primeira Liga? Como explicar o caso Manuel Sérgio? Como explicar o escandaloso abandono da equipa de futebol e do seu treinador em Vila do Conde? Em alternativa a colocar nos media o Director de Comunicação e o treinador a defenderem o indefensável, não teria sido melhor actuar na prevenção e verdadeiramente actuar numa plataforma de unidade? Quem encomendou as críticas públicas ao treinador Jorge Jesus que sistematicamente colocavam em causa a sua continuidade? Será que é o único culpado? António Carraça afirmou que é melhor ficar em segundo do que em primeiro com batota. Eu diria que é melhor ficar em primeiro e impedir que os outros façam batota. É isto que eu espero de uma retaguarda profissional. Com esta estratégia de propaganda o Benfica vai continuar a perder. O Benfica não ataca a verdadeira razão, ie a liderança ou a falta dela. O que me assusta nas suas intervenções é a incapacidade de reconhecer o verdadeiro problema. O seu ciclo terminou...o vosso ciclo terminou.

2) Afirma conhecer o Senhor José Veiga. Conhece mal. José Veiga não está a por detrás de nenhum movimento de oposição. José Veiga tem ideias claras em relação ao futebol do Benfica e está disponível para um dia voltar. Não está obcecado pelo poder. O senhor é que está obcecado em atacar uma pessoa que serviu o Benfica com jogo rasteiro. Já que fez uma referência a José Veiga podia ter referido que em 2009 não descansou enquanto não conversou com ele sobre a necessidade de trabalhar uma alternativa a LFV. O senhor mudou de casaca por amor ao poder. Vê o Benfica perder e continua agarrado ao poder. Não fale do que não sabe nem fale pelos outros. Aqui não há testas de ferro. Há pessoas que sentem e conhecem o Benfica. Os senhores querem destruir o espírito democrático que sempre imperou no nosso clube. Tenho que reconhecer que estiveram perto. Fico satisfeito por verificar que jovens benfiquistas não se conformam. Regateiam e desmontam teses como a do milagre financeiro. Eles sim representam o verdadeiro espírito benfiquista. Não se conformam com a destruição dos valores do Benfica nem com um clube perdedor. O senhor em vez de substimar devia respeitar e refletir.

3) Permita-me que eu lhe dê uma lição de estratégia. O problema do Benfica para além da liderança prende-se com uma estratégia errada. Enquanto o nosso principal rival tem uma estratégia de produto, ou seja, focada no futebol o Benfica pela mão do Sportinguista Soares de Oliveira tem uma estratégia de marca. Os senhores estão convencidos que a marca resolve tudo. Como dizia bem Manuel Sérgio, como é possível construir uma marca sem ganhar? Enquanto outros estão focados na equipa de futebol nós anunciamos protocolos com agências funerárias. Talvez este seja o vosso enterro.

Saudações Benfiquistas
Fernando Tavares "

Subscrevo as palavras deste grande Benfiquista!!!!

Daniel

J.P. disse...

Nota aberta a Rui Gomes da Silva,

Evitando entrar na discussão do péssimo e lamentável princípio de ver um dirigente do Benfica num programa de debate televisivo, queria deixar-lhe três notas:

1) As suas intervenções provam as deficiências da estrutura profissional do futebol. As suas intervenções são sistematicamente fracas e sem qualquer tipo de conteúdo. São vazias de conhecimento. O senhor não têm a mínima ideia do que é o Benfica, nem tão pouco o que é necessário para gerir uma equipa profissional de futebol que possa atingir a desejada hegemonia desportiva. Está convencido que é através de ataques públicos à arbitragem que vão impedir que o Benfica continue a ser prejudicado. Mas afinal quem deu o apoio incondicional a Vitor Pereira? Que trabalho está a ser feito no interface com outros clubes que possa impedir que por exemplo Sérgio Conceição, Pedro Emanuel, Nuno Espírito Santo e Fernando Couto, sejam treinadores na primeira Liga? Como explicar o caso Manuel Sérgio? Como explicar o escandaloso abandono da equipa de futebol e do seu treinador em Vila do Conde? Em alternativa a colocar nos media o Director de Comunicação e o treinador a defenderem o indefensável, não teria sido melhor actuar na prevenção e verdadeiramente actuar numa plataforma de unidade? Quem encomendou as críticas públicas ao treinador Jorge Jesus que sistematicamente colocavam em causa a sua continuidade? Será que é o único culpado? António Carraça afirmou que é melhor ficar em segundo do que em primeiro com batota. Eu diria que é melhor ficar em primeiro e impedir que os outros façam batota. É isto que eu espero de uma retaguarda profissional. Com esta estratégia de propaganda o Benfica vai continuar a perder. O Benfica não ataca a verdadeira razão, ie a liderança ou a falta dela. O que me assusta nas suas intervenções é a incapacidade de reconhecer o verdadeiro problema. O seu ciclo terminou...o vosso ciclo terminou.

2) Afirma conhecer o Senhor José Veiga. Conhece mal. José Veiga não está a por detrás de nenhum movimento de oposição. José Veiga tem ideias claras em relação ao futebol do Benfica e está disponível para um dia voltar. Não está obcecado pelo poder. O senhor é que está obcecado em atacar uma pessoa que serviu o Benfica com jogo rasteiro. Já que fez uma referência a José Veiga podia ter referido que em 2009 não descansou enquanto não conversou com ele sobre a necessidade de trabalhar uma alternativa a LFV. O senhor mudou de casaca por amor ao poder. Vê o Benfica perder e continua agarrado ao poder. Não fale do que não sabe nem fale pelos outros. Aqui não há testas de ferro. Há pessoas que sentem e conhecem o Benfica. Os senhores querem destruir o espírito democrático que sempre imperou no nosso clube. Tenho que reconhecer que estiveram perto. Fico satisfeito por verificar que jovens benfiquistas não se conformam. Regateiam e desmontam teses como a do milagre financeiro. Eles sim representam o verdadeiro espírito benfiquista. Não se conformam com a destruição dos valores do Benfica nem com um clube perdedor. O senhor em vez de substimar devia respeitar e refletir.

3) Permita-me que eu lhe dê uma lição de estratégia. O problema do Benfica para além da liderança prende-se com uma estratégia errada. Enquanto o nosso principal rival tem uma estratégia de produto, ou seja, focada no futebol o Benfica pela mão do Sportinguista Soares de Oliveira tem uma estratégia de marca. Os senhores estão convencidos que a marca resolve tudo. Como dizia bem Manuel Sérgio, como é possível construir uma marca sem ganhar? Enquanto outros estão focados na equipa de futebol nós anunciamos protocolos com agências funerárias. Talvez este seja o vosso enterro.

Saudações Benfiquistas
Fernando Tavares

Grande texto do Fernando Tavares ex-vice das modalidades. A ler, reler e partilhar. Pelo Benfica!!!

MS disse...

Eu nao tenho problemas em reconhecer que Pedro Proenca tem qualidade para arbitrar bem. Esse facto apenas tona mais grave as arbitragens nos jogos do Benfica - se a qualidade tecnica esta la, o que falta e a honestidade.

Anónimo disse...

André Leal, também nunca vi nenhum adepto do Benfica insurgir-se contra a data de fndação do clube. Também desrespeitam os verdadeiros fundadores do clube. Mais um ponto em comum com aqueles que vocês chamam corruptos.
Também nunca vi nenhum adepto do Benfica insurgir-se contra as suas claques. Mais um ponto em comum com aqueles que vocês chamam corruptos.
Nunca vi um adepto do Benfica reconhecer que num número avultado de jogos é ajudado pelos arbitros(tal como qualquer dos outros 2)mas já vi acusar quando é prejudicado, mas por norma esquece-se que quando é prejudicado o arbitro é incompetente e errou para ambos os lados. Aqui não têm apenas um ponto em comum com aqueles que vocês chamam corrptos, têm também com o zbording.
Nunca vi nenhum adepto do Benfica reconhecer que a final da CL de 1963 contra o Barcelona foi uma enorme mentira em que os jogadores do Barcelona tiveram ameaças à sua vida e houve ainda um auto-golo que gerou e ainda gera muita discussão em relação à sua intenção. Mais um ponto em comum com os adeptos que chamam corruptos.

E podia continuar... Mas já cheguei onde queria. Vocês são todos iguais, não melhores, não são piores, são igualmente corruptos e igualmente só olham e falam do que vos interessa.
Continuação de um bom dia

Pedro disse...

HAHAHAHA

Data de Fundação? Só aqui já mostra ao que vens...adiante. LOL

"Também nunca vi nenhum adepto do Benfica insurgir-se contra as suas claques."

Tens estado numa gruta sem Wi-Fi é? Chegaste agora à civilização?? Mas, já agora, pq raio os adeptos deviam insurgir-se contra as suas claques? É alguma norma mandatória? Há alguma lei que a isso obrigue? Insurgimo-nos pq sim?

"Nunca vi um adepto do Benfica reconhecer que num número avultado de jogos é ajudado pelos arbitros"

Lá está...o tal mito que Pinto da Costa conseguiu fazer vingar no futebol nacional. Dá-lhe jeito esta teoria que os "grandes" são todos beneficiados. MENTIRA. Somos beneficiados num número avultado de jogos? Prova! Eu provo-te claramente e factualmente que somos prejudicados numa quantidade ENORME de jogos. E que o saldo é claramente prejudical ao Glorioso.

Final da TCE contra o Barça foi o quê??? Ameaças de morte?!?!? Auto golos? As coisas que estes gajos vão buscar... LOL

Bom dia para ti tb...

André Leal disse...

Pedro:

Será que esta criatura não percebe que está exactamente a cometer aquilo que referimos sobre os adeptos da corrupção, dando-nos assim total razão?

De qualquer forma não perdendo mais tempo com as outras baboseiras, apenas deixo este texto do Redpass sobre a opinião do Barcelona relativamente ao Benfica depois tal final, que foi em 62 e não 63, para matar pela raiz este novo delírio:

"Respeito pelo Benfica no Museu do Barça

Desta vez fiz a visita ao Camp Nou e ao seu Museu.

A experiência custa 19€ e é parecida com o que já tinha feito no Santiago Bernabeu há 3 anos ou com o que se faz na Luz. A diferença está no conteúdo e na maneira como nos é apresentado.

A passagem pelo corredor dos troféus ganhos é incrível, aproveitei para me concentrar junto da Supertaça Europeia e deixo aqui a foto acreditando que também a vamos ter em Agosto no nosso Museu.

O grande trunfo deste espaço são as paredes e as mesas multimédia interactivas. Podemos tocar no mosaico que mais nos interessa para ver detalhes, fotos e até vídeos da chegada de Cruyff ou Maradona, de noites inesquecíveis de Lineker, Stoitchkov ou de conquistas imortais desde as mais antigas às mais recentes. É um regalo para os olhos e para a memória desfilar tantos momentos marcantes da história do futebol.

No meio de tanta conquista esmagadora a minha alma enche-se de emoção e orgulho ao perceber que a única final europeia que o Barcelona não venceu e tem direito a fotografia em destaque é a de Berna. Uma final a que eles chamam de Final dos Postes! Não dá para acreditar que no meio daqueles craques todos que fizeram a história do Barça está a imagem do grande José Águas a levantar a Taça dos Campeões Europeus. Está numa mesa dedicada às finais e basta um toque na imagem para aparecer uma janela maximizada com a história do jogo que eles lamentam ter perdido pela falta de sorte mas que nunca metem em causa a justeza da vitória do Benfica de Coluna, Águas, Simões, Costa Pereira... Eu fico eufórico e vejo várias vezes o vídeo e desabafo alto: Muito grandes, muito ganhadores mas o meu Benfica ganhou-lhes a Taça dos Campeões!

Um senhor italiano que estava por perto sorriu e apontou para a foto de Águas e disse qualquer coisa como: que grande equipa esse Benfica, meu deus!

Depois citou mais de meia equipa para meu espanto e com delicadeza deu-me uma palmada enquanto me dizia ser do AC Milan. Tudo isto para acalmar a minha alegria e explicar que podemos ter vencido o Barça mas com o Milan dele nunca lhes demos a volta. Verdade. Mas em compensação em não sei o nome de metade do Milan dele dos anos 60 e ele sabe do meu Benfica.

O respeito com que é tratado esta conquista do Benfica é impressionante. Depois há mais uns sinais ao longo do Museu como o gabinete Presidencial ter um galhardete com o emblema do Benfica e Eusébio estar homenageado junto ao autocarro antigo do clube."

Pedro disse...

E, André, novamente , KO.

Pedro Vieira disse...

Ai o que o álcool faz...