blog

quarta-feira, setembro 01, 2010

Um defeso de doidos

Finalmente encerrou o mercado de transferências, oficialmente acabou o defeso e agora os benfiquistas terão algum descanso até meados de Dezembro no que diz respeito a contratações.

Depois da época que findou pensei que teríamos o mais tranquilo defeso que há memória porque sabia que não havia interesse em vender muito e que as contratações seriam cirurgicas tendo já o clube se precavido/reforçado atempadamente com Airton, Kardec, Jara e Gaitan a pensar nesta época. Mas, infelizmente, tudo isto foi sol de pouca dura porque de repente se instalou o caos na pré-época com saídas esperadas mas não cobertas, com aquisições estranhas e dificuldade em satisfazer desejos do treinador. Muito já foi discutido sobre isto pelo que não vale a pena voltar a remoer o assunto mas não posso deixar de falar de um ponto que me faz impressão: a resolução dos casos de jogadores que Jesus não quer no plantel. Principalmente Makukula. Um jogador que tinha, pelo menos, dois clubes interessados, acaba por não ir para nenhum deles e ficará a treinar à parte no Benfica. Como é que esta situação não foi resolvida de uma outra forma? Que ganha o clube em pagar a um jogador para se treinar à parte? Pagar por pagar ao menos estava a jogar e a mostrar-se. Não compreendo e gostava de saber pormenores de tudo isto.

Fechada a janela de oportunidades resta aos jogadores centrarem-se naquilo para que são pagos, jogar à bola, e aos adeptos a comentar os jogos e exibição deixando as possíveis lacunas do plantel para quando reabrir o mercado porque agora não há nada a fazer. Fechado o plantel considero que temos uma belíssima equipa, forte o suficiente para renovar o título e nos dignificar na Champions. Perdemos dois jogadores de real mais valia mas contratámos outros que, apesar de diferentes, a sua mais valia é inegável. No seu todo, julgo que o plantel está mais equilibrado. Se Di Maria era um jogador super desiquilibrador temos Gaitan e Sálvio que também desiquilibram sendo o primeiro capaz de dar um jogo colectivo superior a Di Maria. Ramires apesar de ser um fantástico jogador é, na minha opinião uma falsa questão, pois o ano passado muitas vezes foi substituído por Amorim ou mesmo Martins mantendo a equipa o elevado rendimento. Se a equipa voltar, como esperamos, ao ritmo do ano passado as ausências destes dois jogadores não farão qualquer mossa porque o colectivo está lá todo e, tendencialmente mais forte, pois terão mais jogos e treinos para rotinarem os mecanismos, jogadores como Coentrão e David Luiz terão mais jogos e mais crescimento, serão mais fortes hoje do que eram o ano passado logo estaremos mais fortes. Temos um problema na baliza mas isso não significa que estamos mais fracos, não estamos. Moreira e Júlio César dão tantas (ou mais) garantias que Quim pelo que não há aqui uma quebra de qualidade, Roberto é uma incognita que se mostrar valor aumentará a qualidade do ano anterior, se não mostrar cabe ao treinador fazer a opção correcta para não prejudicar a equipa. No pior cenário ficamos igual ao ano passado.

Dos 114 nomes apontados ao Benfica neste defeso havia dois ou três que gostava que tivessem chegado ao clube, pelo que me falaram Wesley era mesmo bom e tinha esperança num regresso de Simão Sabrosa que como todos podemos ver na Supertaça está acabadíssimo para o futebol. Mas não vieram. São estes que temos e são estes que irão envergar o Manto Sagrado com as quinas de campeão e irão lutar, contra tudo e todos, pela revalidação do título.

Se vamos ganhar? Se vamos perder? Não sou adivinho mas sei que iremos enfrentar adversários muito perigosos que irão para lá das 15 equipas adversárias na Liga Zon Sagres ou das primeiras três (esperemos que mais) da Champions. Mais do que críticas a possíveis futuros erros dos nossos jogadores gostava que os benfiquistas não perdoassem erros de outros com muito mais influência nos resultados finais.

Em resumo e pluribus unum, força Benfica.

34 comentários:

John Billy #32 disse...

Pedro, discordo completamente do teu post.
Como já comentei anteriormente, este plantel é muito mais fraco que o anterior e é demasiado desequilibrado.

BT26 disse...

Grande texto. Concordo contigo em todos os aspectos. Rumo ao 33º.

Benfica sempre.

JNF disse...

Bom posto, só duas correcções: não foram 144 nomes apontados, mas 114, como publiquei. E o nosso lema é E pluribus unum, não "Et".

Helder disse...

Faço minhas as palavras do John Billy!
Também digo que o Benfica anda a dormir nos bastidores e com isso vai sofrer na pele esse adormecimento.

Supp disse...

Eu não acho que a qualidade média do plantel tenha subido. E acho que tu, Pedro, escreveste este post para te convenceres disso mesmo, pq tb sentes que estamos mais fracos do que o ano passado. Pq uma equipa não é so os jogadores. É tudo o que se passa à sua volta tb e este ano tens visto o que se passou desde a pré-época.

Rearviewmirror disse...

Acho que (sinceramente) a equipa base está mais fraca e o plantel mais forte.

Perdemos 2 jogadores importantes na nossa equipa (para mim mais o Di Maria que o Ramires) e fomos buscar duas jovens promessas para os seus lugares, Salvio e Gaitan (mais Jara para avançado).
Nesse aspecto estamos mais fracos, mas acredito que com o tempo, esses 2 argentinos internacionais A vão contribuir com a sua imensa qualidade para a subida de rendimento da equipa.

Enquanto isso, a "velha guarda" tem que sacar dos galões, e por a equipa a jogar á bola. Neste ultimo jogo já vi Aimar e Luisão mais próximos daquilo que fizeram a época passada, mas continuo a ver um cardozo desplicente e amorfo. Vamos ver se com o fecho de mercado, o melhor marcador da liga passada acorda para a vida e passa a ser o avançado que precisamos.

Nota: Nós temos os 2 melhores suplentes do país, R.Amorim e Carlos MArtins. São eles que permitem que a ultima meia hora do Benfica seja sempre feita a grande ritmo, por estarem ambientados ao futebol português, e serem 2 jogadores inteligentes, que sabem pautar o ritmo do jogo.
O ano passado tinhamos 12 titulares de campo. Este ano temos só ainda temos 10, o que infelizmente ainda é manifestamente pouco.

Nota 2: Se os penaltys que nos foram espoliados, quer na Supertaça (F.Coentrão), quer contra a Académica (Javi), quer na choupana (F.Coentrão) tivessem sido marcados, se calhar a esta hora não estávamos a dizer que está tudo mal e que a equipa está mais fraca. Se calhar estávamos a dizer que o JJ é um génio por ter acertado em cheio nas contratações.

Continuamos a ser os campeões nacionais e isso ninguem nos tira, mas também somos a equipa que é mais castigada pelas arbitragens.

Anónimo disse...

01/09/2010
Comunicado
Processo judicial
O Sport Lisboa e Benfica informa que o seu atleta José da Silva Moreira (Moreira) irá avançar com um processo judicial, por difamação, contra o diário generalista Correio da Manhã e o jornalista António Pereira pela notícia hoje publicada e que atenta contra a sua honorabilidade e bom nome.

João Bizarro disse...

Continuamos com falta de um lateral direito e de um lateral esquerdo.

Isto não basta ter boa equipa e bom treinador, há que ter uma boa estrutura por trás, coisa que está a anos-luz de acontecer.
Neste momento temos o presidente a "mandar" no futebol, coisa que ele percebe pouco ou nada (como o próprio já afirmou) e o Rui Costa como figura decorativa, a apresentar jogadores e a aparecer ao lado do presidente quando a este lhe convém.

Foram feitas algumas contratações estapafurdias e ficaram por colmatar alguns sectores em défice. Além disso ficamos no clube com alguns jogadores que não contam tendo dispensado outros, como o Urreta o que não lembra a ninguém.
Para finalizar uma politica para a formação que é ZERO. Aproveitou-se o Roderick e é para jogar um minuto aqui e outro ali.
Emprestamos jogadores que poderiam ser úteis (David Simão). Desligamo-nos de outros que podiam ter futuro no clube (Danilo Pereira e Rúben Lima, por ex.) E mantemos Luis Filipe, Peixoto ou Felipe Menezes.
Enquanto isso mais um jovem saído do nosso contentor do lixo dá cartas no futebol português tendo já sido reservado pelo fcp.

A época passada em 30 jogos perdemos os mesmos que já perdemos esta época em 3. Se juntarmos a isto o regresso em alta da fruta e do chocolate (com o alto patrocínio do nosso inenarrável presidente) então deve ser razão para ficarmos preocupados.

Força Benfica? Claro que sim. Mas as reservas são grandes.

Pedro disse...

JNF, corrigido. :)

Supp, em termos qualitativos, no papel, acho que temos um excelente plantel, possivelmente mais forte que o anterior mas isso não significa que iremos jogar mais e melhor, depende de outros factores e sobre isso apenas podemos especular. Teremos que esperar para ver. Começamos mal é verdade, esperemos para ver como vamos acabar. Estou muito mais preocupado com a nossa passividade em relação ao q se passa nos bastidores do q à qualidade do plantel diz respeito.

Entretanto parece q o Makukula foi vendido para a Turquia...

Supp disse...

Nao colmatamos, de maneira alguma, o lugar de Ramires. Gaitan e Salvio não são interpretes do mesmo papel do antigo jogador do Benfica e essa é a principal pecha deste defeso (a juntar ao guarda-redes...). São duas posições tão importantes que não pressuponho, de modo algum, que haja uma maior qualidade do plantel.

Mentiroso disse...

"Enquanto isso mais um jovem saído do nosso contentor do lixo dá cartas no futebol português tendo já sido reservado pelo fcp."


Há uma ou duas semanas atrás quando levantei a questão do custo do Sílvio (a par de Lima e Leandro Salino) houve logo quem se insurgisse com o argumento que nenhum deles tem qualidade para integrar o plantel do Benfica. O tempo vai-me dando razão, como (quase) sempre acontece.

Jornaleiro disse...

Rearviewmirror, se as agressões também contassem, talvez o benfica ainda não tivesse jogado com os seus habituais titulares até agora.

Pedro Vagos disse...

Sinceramente, e fazendo uma comparação entre realidades económicas muito distintas, o Benfica deste mercado de transferências pareceu-se muito com o Real Madrid dos Zidanes e Pavones.
Onde é que nos reforçámos melhor e com mais qualidade? No ataque. Onde é que precisávamos de reforços e de mais opções? Na defesa e no meio campo.

A falta de alternativas nas laterais defensivas é gritante e transita da época passada. Com a saída do Ramires e a ausência de uma contratação para o seu lugar, Ruben Amorim tende a tornar-se no seu natural substituto. É mau? Não, pelo contrário (e até é dos nossos desde pequenino), só que era a alternativa para lateral direito... ou seja, o plantel acabou mesmo por se ver reduzido nas alternativas.
Esperemos que dê para chegar a Janeiro...

Anónimo disse...

oh mentiroso, aposto que disseste o mesmo do miguel lopes...

Edson Arantes do Nascimento disse...

ahhaahahahahahhahahahahahahaah

"O tempo vai-me dando razão, como (quase) sempre acontece."

ahaahahahahahahhahahaahhahahah

(isto há aqui cada ego, caramba!)

O que vale é que o próprio se assume como... Mentiroso!

aahaahahahahahahahahahhahaahahh

Jornaleiro disse...

Ainda vamos na terceira jornada e já paira a ameaça de perde de 3 pontos sobre o fcp. O sistema não dorme, e este ano começa a atacar cedo.

José Marinho disse...

Caro Mentiroso, essa discussão é inútil, porque já se percebeu que a estratégia do Benfica não passa por dar oportunidades aos jovens jogadores que vai formando. Mas é uma estratégia. Eu, pessoalmente, discordo, mas quem é eleito pelos sócios é sobretudo para definir o modelo de governo do clube e a estratégia desportiva. Sobre as duas, acho que todos - ou quase todos - conhecem a minha opinião. Porém, em relação ao caso do Sílvio, talvez possamos atentar ao que se passou com Miguel Lopes. Sim senhor, o FC Porto contratou o lateral ao Rio Ave e um ano depois empresta-o ao Bétis, clube da segunda divisão espanhola. E, aos que gostam de lembrar os casos do Deco e do Maniche, é bom recordar todos os incriveis flopes do FC Porto, desde que inventou este brinquedo de contratar jogadores que o Benfica não aproveita. Aliás, ao contrário da ideia que persistentemente alguma comunicação social projecta nos benfiquistas, esta tem sido uma tentação que tem saido muito cara ao FC Porto, que continua a viver dos rendimentos de uma ou duas contratações bem sucedidas, como foram os casos de Deco - que Filipe Vieira conhece bem, ainda como presidente do Alverca - e Maniche. Porque, tudo o resto, tem sido um dispendio de dinheiro, que, julgo, se fosse o Benfica a despedirçar, eu faço uma pequena ideia do pé de vento que não se faria. Concluindo, podemos discordar desta opção de não aproveitar melhor os talentos que saem da Caixa Campus, mas não podemos olhar para o FC Porto como um modelo a seguir. Porque não são.

Hugo disse...

Bom Post Pedro, na mouche.

E lá está, como o Silvio foi à selecção, agora já é muito bom e foi uma perda, andamos a dormir, blá blá blá. Até lá ninguém o conhecia.
Esta história é igual à outra do lateral quer era nosso e foi para os corruptos e que afinal foi emprestado para espanha.
O unico lateral que eu lamento está em alvalade.
Não entendo, temos a melhor dupla de Centrais do Campeonato Português, temos o melhor lateral esquerdo do Mundo, temos o melhor lateral direito do Campeonato e não estamos satisfeitos?
Queriam que os suplentes tivessem o mesmo nível?
Para dar um exemplo, neste caso três, tanto o Amorim como o Martins e o Airton, eram titulares em qualquer equipa do nosso campeonato, no entanto no Benfica jogam muitas vezes a suplentes, podia também referir o Jara que já demonstrou ser um bom jogador e tem o seu lugar tapado pelo Saviola.
Qual é o plantel que tem 20 jogadores ao mesmo nível?
Não conheço.
O Nosso problema, foi o mau começo e a roubalheira que nos fizeram, porque mesmo jogando mal, podiamos ter mais pontos e muito provavelmente não haviam tantas dúvidas.
Antes do jogo da supertaça, e por aquilo que tinhamos visto, quem era o favorito? Quem tinha o melhor plantel, mesmo sem uma porrada de jogadores? Quem tinha demonstrado melhor futebol na pré-época?
A única dúvida era saber por quantos é que o Benfica ganhava, até os tripeiros pensavam assim, o exemplo foi o fanático MST, numa crónica de um jornal a dizer que este porto não estava preparado para jogar com o Benfica.
Como eles o sabiam, prepararam melhor que ninguém este jogo e nós não.
Era o jogo da vida deles, pois sabiam que o futuro dependia disso e Nós não soubemos aproveitar, neste caso o Jesus. Inventou e perdeu.
A equipa perdeu confiança, aconteceram erros que não são normais, principalmente na defesa, contra a académica fomos superiores, podiamos ter ganho, fomos roubados e a académica teve sorte no fim.
Foram vários factores negativos que conjugados, levaram a estas dúvidas.

Só temos é que acreditar, pois somos o Benfica e é Connosco (os adeptos) que o Benfica vai dar a volta. Foi assim no ano passado e é assim este ano, vamos apoiar e encher o Estádio, quer na liga quer na Champions, quer nas Taças, o Inferno da Luz está em chamas e pronto para a explosão.
Só temos é de receber mal quem nos recebe mal.

A Direcção do SLB terá de intervir mais, pois o silêncio não é benéfico para o Benfica, pois dá a sensação que estão satisfeitos com o que se passa.

Pedro disse...

Bons tempos em q o clube corrupto aliciava tudo e todos a seu bel prazer...onde já se viu ser punido por cometer ilegalidades??? Não se faz...

LOLOL

São corruptos e não o negam!!

Mentiroso, o Silvio é bom pq o clube corrupto tem direito de preferência??? LOLOLOL..essa é boa!!!

Mr. Shankly disse...

Mentiroso, eu percebo. Assim ganhas sempre. Se formos campeões vais para o Marquês e gritas que somos os maiores. Se não, chateias toda a gente a dizer que tinhas razão como de costume. Eu percebo, mas acho uma triste forma de viver o futebol.

Luís A. disse...

"Mais do que críticas a possíveis futuros erros dos nossos jogadores gostava que os benfiquistas não perdoassem erros de outros com muito mais influência nos resultados finais."

Na mouche Pedro. O segredo é apoiar incondicionalmente a equipa e ao mesmo tempo denunciar ferozmente os corruptos e os seus lacaios sempre que isso seja preciso. Ja que a nossa direcção parece estar acomodada, temos de ser nós a demonstrar inconformismo com o estado da nossa liga.

Ps- que bem que o JJ fica na fotografia dos treinadores da elite europeia.

jornaleiro disse...

Luis A.,

o estado da nossa liga é que o teu clube começou a época com 5 jogadores que deviam estar castigados. E um deles voltou a agredir na primeira jornada e estava em campo na segunda. Por isso se querem abrir os olhos, não abram só quando vos interessa.

Pedro,

e aliciar treinadores de outras equipas, é normal? só não vale aliciar jogadores?

José Marinho disse...

O Benfica não tem um plantel de inferior qualidade ao da época passada. O Benfica foi obrigado a fazer uma preparação diferente da época passada. O Benfica falhou algumas contratações, como todos os clubes falham. Acho que não preciso de lhe recordar que o FC Porto fechou o seu plantel sem contratar o terceiro avançado que pretendiam, ou que o próprio Real Madrid mostrou contenção nas aquisições, não chegando ao Gerrard, ao David Luiz e até ao avançado que Mourinho pretendia e não teve. E, claro, podia restar ao Benfica uma última alternativa de contratar jogadores no desemprego, mas salvo raras excepções, é um mercado que não serve ao Benfica. O plantel do Benfica tem qualidade suficiente para revalidar o título, tem soluções diferentes da época passda, mas são diferentes, não são melhores nem piores. Tenho fundadas expectativas em Gaitán, acho que Jara será utílissimo,acredito que Salvio pode ser dos jogadores mais excitantes do campeonato e claro, mantemos tudo o resto que nos fez campeões. Onde as coisas verdadeiramente mudaram, não foi no Benfica, foi na Liga de Clubes. Acho que as primeiras três jornadas foram elucidativas. Sempre defendi que o Benfica não deve agarrar-se ao choradinho das arbitragens e do sistema, porém, não temos de ficar calados, quando na mesma jornada, Sporting, FC Porto e Braga são clamorosamente ajudados por erros da arbitragem, apenas porque é politicamente correcto. A grande diferença está no plantel da Liga de Clubes, não está no plantel do Benfica.

Luís A. disse...

Jornaleiro,

escusas de vir para aqui vender o Jogo. O teu presidente é o mafioso, com metade dos clubes da liga e arbitros no bolso, pagos com fruta e cafezinho. Vai ver os lances dos 3 jogos das 3 jornadas deste campeonato em que foste levado ao colo de forma escabrosa. Aproveita e mandem fruta ao apintador ex-super-dragay.

Luís A. disse...

"A grande diferença está no plantel da Liga de Clubes, não está no plantel do Benfica."

Aos quais ha a acrescentar que em caso de fogo, há ainda o plantel da FPF para ajudar.

Mr. Shankly disse...

"e aliciar treinadores de outras equipas, é normal? só não vale aliciar jogadores?"

Não sei o que dizem os regulamentos...querias tirar mais 3 ao Porto por ter aliciado o Jesus, é essa a ideia?

Pedro Veloso disse...

"Não sei o que dizem os regulamentos...querias tirar mais 3 ao Porto por ter aliciado o Jesus, é essa a ideia?"

Haha bem respondido...

Dylan disse...

Jornaleiro,

Aqui ninguém lê "O Jogo".

Se és tão injustiçado vai ver os lances de Vila do Conde onde a equipa da casa foi claramente prejudicada e o teu clube lá ganhou sem saber como ( ou pergunta ao ex-SD Sousa)...
Aproveita a rota das praias e vai à Figueira da Foz - também têm lá umas estórias engraçadas...

Mentiroso disse...

Caro José Marinho

Parece haver por aqui uma enorme confusão com o sentido que dei ao meu anterior comentário e a forma como fui interpretado, nomeadamente por si, o que me surpreende.

Vejamos, no meu anterior comentário, fiz uma curta citação do que o João Bizarro tinha escrito três andares acima, sobre a notícia que correu ontem relacionada com o alegado compromisso firmado pelo Sílvio com o clube do Porto para a próxima época.

Talvez não ficasse suficientemente claro no meu comentário que a minha “acusação” aos dirigentes do Benfica passava unicamente pela não descoberta atempada (no final da época anterior) da qualidade do jogador, quando já havia um consenso generalizado que o Sílvio era algo mais do que uma promessa. Além do mais continuam a faltar-nos boas alternativas a Maxi e Coentrão e hoje nenhum clube “grande” recusaria Sílvio pelo dinheiro que foi vendido.

Não me referi em momento algum à sua anterior dispensa pelo Benfica, nem isso fazia sentido. Não podemos ficar com todos os juniores que passam pelo clube. O erro não esteve na sua dispensa há três ou quatro anos atrás mas sim há poucos meses, quando não se avançou para a sua contratação.

Anónimo disse...

Citando “Geração Benfica”

Onde está o Alípio?

No dia 12 de Agosto diziam que já treinava "em segredo", passou de emprestado a um clube a Liga para jogador dos juniores, mas... o SLBenfica não anuncia no plantel de juniores no site oficial, o jogador não aparece nas convocatórias à 4a jornada dos juniores, mas que ele veio, veio... (até fez exames nos Lusíadas!). É caso para perguntar: Onde está o Alípio? (Já nem pergunto quanto custou este reforço para os juniores).

Sobre o outro ex-Real Madrid, Rodrigo, um dado interessante na apresentação dele no Bolton: "He went to Benfica as part of the Angel di Maria deal but we still chased his signature and now we are delighted to eventually get him to our football club." Assistant boss Sandy Stewart in BBC.

Mentiroso disse...

Se é verdade que Jesus se mostrou desapontado por deixarmos fugir Quaresma por sete milhões, fica mais difícil de perceber a disponibilidade de seis milhões para uma compra surreal de um jogador para emprestar.

Anónimo disse...

Querem apostar que este Sarabia é muito melhor jogador que o Alípio, independentemente de ser mais barato?


"Os vice-campeões nacionais já garantiram o primeiro reforço de inverno. Em Janeiro chegará ao plantel minhoto o jovem Pablo Sarabia, de 18 anos, do Real Madrid.

A notícia é avançada pelo jornal espanhol AS, que refere ainda que o médio ofensivo custará três milhões de euros aos cofres bracarenses e terá uma opção de recompra para as duas primeiras épocas. O jornal desportivo diz ainda que Sporting também entrou na corrida pelo jovem de 18 anos. Os responsáveis do Real Madrid acreditam que o internacional sub-19 por Espanha poderá evoluir em Portugal para depois efectuar a recompra até 2012."


Ah pois é!

Miguel Lopes disse...

Mentiroso, Rodrigo custou 3,5 milhões e não 6. Vem na bola de hoje. E quanto a Quaresma, o jogador é que não quis baixar o ordenado para vir para o Benfica. É normal, só as crianças que jogam os cms e os fms é que parecem não entender isto de um profissional não abdicar de ganhar dezenas de milhares de euros por mês. Quaresma ganha perto de três milhões de euros por ano. No Benfica o tecto é inferior a dois. Abdicar de dinheiro por amor ao clube, só o Rui Costa. Esse sim, abdicou de um ano de contrato no Milan para regressar ao Benfica e mesmo assim jogou dois anos e continuou a carreira como dirigente.

Anónimo disse...

«Rodrigo é uma aposta de futuro e sempre o dissemos. O Benfica tem sete atacantes, não estaríamos a apostar na sua progressão se ficasse. Tem grande potencial e vai para uma liga muito competitiva. Custou seis milhões, mas, por exemplo, ainda agora o Barcelona emprestou um avançado que custou 70 milhões.»

Rui Costa, in A Bola, 3 de Setembro de 2010