blog

sábado, abril 14, 2012

SL Benfica - Gil Vicente: 2-1

Quarta final, quarta vitória, quarta Taça da Liga para o nosso Museu. É esta hegemonia que o SL Benfica tem obrigação de passar para o resto das competições nacionais.


O Gil Vicente foi um valoroso adversário e dignificou muito a nossa vitória que foi merecida pelo que jogámos e pela aplicação dos jogadores do Benfica que quiseram conquistar esta Taça. Não salva a época mas é sempre bom vencer e conquistar troféus oficiais. Jorge Jesus mexeu bastante na equipa, não só pela ausência de Luisão e pelo regresso de Aimar. Deu a titularidade a Rodrigo e Nélson Oliveira como dupla atacante e Matic no lugar de Javi Garcia e o SLB desde cedo pegou no jogo e não deixou o Gil ter espaços para jogar. Fomos mais fortes, mais rápidos, mais ofensivos o que é perfeitamente natural dado a qualidade obviamente superior dos nossos jogadores. Mesmo assim ao não matarmos o jogo fomos dando crença ao Gil que acreditou sempre e numa das nossas típicas falhas consegue um empate perto do fim. Jesus mete o proscrito Saviola em campo e é El Conejo que marca o golo que nos permite levantar a quarta Taça consecutiva.


Matic fez um jogo do caraças e Witsel é craquíssimo como poucos. Rodrigo a soltar-se e a espaços a mostrar o grande Rodrigo que já vimos esta época. De resto equipa equilibrada e coesa com exibição bem agradável. Não posso deixar de referir a tranquilidade que Capdevilla dá ao lado esquerdo e a forma como a equipa joga com mais confiança por aquele lado. 


Jorge "super dragão" Sousa entrou num jogo com um critério largo na questão dos amarelos e não vejo mal nenhum nisso se o árbitro for coerente e, parece-me, que o foi. Alguns erros de análise a faltas e alguns erros nos foras de jogo assinalado mas sem qualquer influência no resultado. O amarelo ao Gaitan foi escusado mas o a Saviola acertado. Tenho algumas dúvidas na posição do jogador do Gil que faz o golo mas as repetições incidiram sempre no jogador que faz o passe e não nele que marca. 


Nota-se alegria nos nossos jogadores mas nota-se que é a alegria na medida certa dada a importância da competição e o contexto do clube no campeonto nacional. Gosto disso. Eu quero sempre ganhar e estou satisfeito por ver o clube conquistar mais um troféu mas também sinto uma enorme frustração em mais uma época (e que época!!!) com apenas esta conquista.


Chamem-na como quiserem mas é nossa. CARREGA BENFICA!

5 comentários:

John Wakefield disse...

Era pior quando terminávamos épocas sem qualquer título! Mas, verdade seja dita, este troféu, pela sua importância secundária, não salva a época. Quem pensar o contrário, não está seguramente a par da grandeza do Benfica.
Eu quero um campeonato ou uma taça de Portugal, na próxima época! Essas sim, são as competições de topo que devemos almejar!

Quanto ao jogo, o Benfica fez uma exibição pálida mas que bastou para justificar o triunfo. A equipa não quis matar o jogo, ou melhor raramente procurou e preferiu antes conservar a vantagem o que não conseguiu, podendo o jogo ter ido à lotaria da sorte, o que poderia contrariar o favoritismo benfiquista.
Do lado do Gil Vicente, concordo com a tua avaliação! Foram lutadores, coesos e humildes e mostraram que não chegaram à final por acaso. Têm um treinador muito competente que sabe mexer na equipa!

Agora é concentrar baterias no que resta do campeonato para que consigamos, pelo menos, segurar o segundo lugar que dá entrada directa na Champions...

Pedro Vieira disse...

Sim senhor. Comentário coerente.

Parabéns Azuis e Brancos,
Pedro Vieira

RockDaLinha disse...

Se o JJ não fosse um burro teimoso, há muito que o Matic e Cape jogavam e talvez mais minutos a Saviola. Tenho a certeza que estávamos em primeiro. Havia jogadores com a lingua de fora e aquele burro continuava a apostar neles.
Ontem parecia que estava a ver um jogo de treino, esta taça não me diz nada. Importante era vencer o campeonato. Já o tivemos na mão e só aquela ave rara é que fez com que ficássemos mais um ano a arder.
Sabe me a pouco isto, quase nada....

Dos 32 campeonatos só 3 treinadores eram portugueses. 3 em 32... aquele orelhas que abra a pestana e vá buscar um treinador a serio. Se não, que faça as malinhas e dê o fora, são muitos anos à frente do Benfica para tão poucos títulos...impensável!!!

Anónimo disse...

pois é. mas o jorge sousa avisou CINCO VEZES os jogadores do gil que a proxima era amarelo.

Jotas disse...

Pessoalmente estou muito satisfeito com mais uma conquista do meu clube e acho ridículo da parte de alguns benfiquistas que não valorizem esta conquista como outros fariam se fossem eles a ganhar, obviamente não é motivo para invadir o Marquês de Pombal, mas é motivo de regozijo, daí eu chamar de otários, aqueles energúmenos que depois de uma prova conquistada, ainda se entreteram a ofenderem jogadores e treinadores, sinceramente, atitudes destas, só podem ser obra de uns autênticos palhaços, uns burros sem igual, sem desprimor para o animal.