blog

domingo, fevereiro 14, 2010

SL Benfica - Belenenses: 1-0

Uma vitória curta mas totalmente justa.

No regresso à Liga Sagres o Glorioso regressou às vitórias num jogo de extrema importância porque antecede uma jornada onde os nossos principais adversários se irão defrontar permitindo, obrigatoriamente, que conquistemos mais pontos a, pelo menos, um deles. Não foi um dos melhores jogos do Benfica mas também não foi tão mau como alguns comentadores opinaram, jogámos o suficiente para vencer e manter a nossa onda de vitórias gordas mas Weldon não quis brilhar e conforme o tempo ía passando e a vantagem mínima ía persistindo foi nascendo alguma intranquilidade, quiçá mais nas bancadas do que no relvado, com o risco de um golo fortuito do Belém a nos estragar o dia. Verdade seja dita, o clube do Restelo não trouxe o autocarro mas também é verdade que pouco arriscou no ataque. Teve uma oportunidade clara de golo na primeira parte e um remate perigoso em cima dos 90 minutos. De resto só em lances de bola parada é que fazia a bola chegar à nossa baliza e nunca com perigo relevante. Já o Benfica teve um caudal ofensivo que permitiu criar inúmeras oportunidades de golo que bastaria a Luisão e a Weldon terem feito o que Cardozo fez, cabecear na direcção da baliza, que o resultado seria uns confortáveis quatro a zero e não apenas o solitário tento de Tacuara. Weldon ainda falhou um lance na cara de Bruno Vale e Coentrão, na primeira parte, não conseguiu finalizar da melhor maneira uma excelente jogada colectiva. Controlamos sempre o jogo mas, como o treinador mencionou, acusamos um pouco o desgaste destes jogos todos consecutivos e não fomos capazes de efectuar a pressão e intensidade de jogo habitual a este Benfica de Jorge Jesus.

Cardozo voltou aos golos mas não sei se este poderá ser considerado dado que foi só encostar. Nunca sei que tipo de golo conta para Tacuara na opnião de alguns entendidos mas, tal como Luisão e Weldon demonstraram nos falhanços na segunda parte, um golo fácil só o é quando a bola entra. O melhor marcador da Liga não marcou o segundo porque Bruno Vale pensava que ainda jogava no crac e que podia defender com a mão fora da área. Ramires e Javi Garcia foram muito fortes no meio campo enquanto que Aimar e Saviola estoiraram cedo na segunda parte. Coentrão em mais uma boa exibição tal como a dupla de centrais Luisão e David Luiz. Maxi seguro como costume e Coentrão menos certeiro do que no jogo de Alvalade. Quim com pouco trabalho. Weldon acusou claramente a pressão das novas aquisições e terá dado um tiro no pé no que diz respeito à sua continuidade no Glorioso. Três falhanços de golo fácil que lhe deram cabo da moral e da paciência do público. Martins entrou bem mas abusou do remate espatafurdio e Amorim entrou para ajudar na luta do meio campo.

Xistra não esteve mal. Alguma demora em amarelar alguns jogadores do Belem mas nada de muito relevante. Já um dos seus fiscais de linha estava completamente alucinado ao ignorar duas faltas a um metro de distância onde até na bancada se ouviu o barulho da pancada...

Vencemos o jogo e até conseguimos recuperar os pontos perdidos no Bonfim para o clube corrupto. Agora descansamos para a Liga enquanto que segundo e terceiro classificado se degladiam. Vai haver sangue e vai ser giro de ver.

Agora venha o Hertha.

"Faz o golo Allez, Allez, Allez"

16 comentários:

BT26 disse...

Concordo com quase tudo, a unica excepção é o facto do xistra não teve mal... aos 20 minutos um gajo do belem devia ter sido expulso por falta sobre Ramires;mais dois penaltis:sobre o Aimar que é empurrado e depois leva com um gajo em cima que até ficou a sangrar;e um sobre o Weldon.

Benfica sempre

Anónimo disse...

Melhor o resultado que a exibição. Venceu mas não convenceu mesmo nada! o cardozo na 2ª parte mal apareceu, até pensei que tivesse sido substituído pelo weldon, aimar também fez pouco ou nada, carlos martins é o egoísta do costume, ruben amorim também não sei porque encontrou se tocou 2 vezes na bola foi muito. E que raio de substituições foram aquelas jesus?? tirar um ponta de lança para meter um médio?? mas o Benfica agora é o Pinhalnovense??
Weldon é um verdadeiro cepo, que trapalhão, já não me lembrava porque é que ele jogava poucas vezes.
Mas o jogo foi uma miséria, marcaram um golo e encostaram-se à sombra da bananeira, tivemos sorte que o belenenses não quis arriscar muito, já com o vitória de Setúbal fizeram a mesma merda, fds que nojo, apáticos, não correm, não acertam passes, nada! façam mais jogos assim, e quero ver se acabamos em 1º em Maio.

iBenfiquista disse...

Em relação a este jogo penso que está quase tudo dito.

No entanto, tenho de referir um lance que mostra a atitude que (alguns) jogadores em Portugal mostram, denunciando toda uma filosofia de vida que se tem vindo a implantar na sociedade portuguesa. Com relevância, aqui, para o futebol.

Na altura em que o guarda redes do Belenenses, Bruno Vale, defende com a mão fora da área, qual foi a sua primeira reacção? Precisamente, colocar a mão na cara, TENTANDO ASSIM ENGANAR O ÁRBITRO!. E esta reacção não é mentira, pois não passa de um reflexo espontâneo, condicionado. No entanto, honra que lhe seja feita, no fim do jogo afirmou que foi bem expulso.

Este tipo de reacção que raramente se vê noutros paises da Europa. Porquê? Porque o chico-espertismo está tão entranhado nos portugueses, e é tão aceite socialmente - que até é elogiado - com especial relevância no futebol, que a PRIMEIRA reacção das pessoas, neste caso jovens jogadores de futebol, É ENGANAR. Podem ser os árbitros, a legislação, a polícia ou, nas escolas - copiando - os professores.

É esta mentalidade que tem de ser erradicada da sociedade portuguesa. O Benfica e os benfiquistas irão tentar fazê-lo no futebol. Como contrapeso aos andrades que têm andado a espalhar este tipo de mentalidade por tudo o que é país. Preenchendo assim a sua quota parte de responsabilização social na luta pelo "fair-play" na sociedade portuguesa.

Saudações Benfiquistas

Anónimo disse...

achei piada ao redes do belem a fingir que tinha levado com a bola na cara... palhaço!

Johnny disse...

Gostei especialmente do Bruno Vale agarrado à cara para ver se disfarçava...

MS disse...

Discordo da apreciacao a Weldon. Mostrou ser uil e ter um belo poder de desmarcacao. Esteve no sitio certo varias vezes. Pareceu-me estar com pujanca fisica. Claramente mau na finalizacao, mas ja o vi a marcar varios golos. Precisa de marcar para reconquistar a confianca e nao de adeptos que o minorizem.
Relembro que Weldon nao encostou nenhuma arma a cabeca de ninguem para ir para o Benfica. Se la esta foi porque alguem o quis e o foi buscar.

Anónimo disse...

"o chico-espertismo está tão entranhado nos portugueses, e é tão aceite socialmente - que até é elogiado - com especial relevância no futebol, que a PRIMEIRA reacção das pessoas, neste caso jovens jogadores de futebol, É ENGANAR. Podem ser os árbitros, a legislação, a polícia ou, nas escolas - copiando - os professores"


Pela segunda vez, em poucos dias, "iBenfiquista" trouxe uma aragem fresca a este blogue, com comentários dignos, oportunos e perspicazes. Um exemplo a reter e a seguir.

Fiquei fã do iBenfiquista.

Anónimo disse...

Luís Filipe Vieira, este sábado, na inauguração da nova casa do Benfica de Avis, no Alentejo:


«O futebol é emoção, é talento, é génio, mas também é decência, também é verdade, também é razão. Há quem saiba viver dentro deste padrão de valores, mas também há aqueles que só por obrigação e a muito custo conseguem orientar-se dentro deste quadro de referências».

Pedro disse...

MS, não irei crucificar o Weldon até pq gosto bastante dele e acho q tem sido útil ao longo da época mas ontem esteve mal, muito mal. Falhar um golo acontece a qqr um falhar três já é mais complicado e depois deixou-se ir abaixo com isso e tal ficou bem demonstrado num lance em q ele nem sequer correr para apanhar uma bola q seria alcançável. Esse momento é o q gerou os tais assobios, sempre criticáveis.

MS disse...

Pedro,
Nao discuto que o Weldon esteve desastrado na finalizacao. Acho que e altura de engolir sapos, quanto mais assobios!
Uma coisa que apreciei ontem: jogamos qb e ganhamos. Ja sabemos que se jogarmos a grande nivel, vencemos. Sabemos que jogando menos, podemos perder pontos (vide Setubal). Ontem vmos que tambem podemos ganhar, cumprindo a obrigacao pontual, quando as coisas nem estao a correr bem.
Importante, quando se quer ser campeao.

Pedro disse...

Sou totalmente contra os assobios, seja em q situação for, durante um jogo. Não se ganha absolutamente nada com isso.

Jorge de Gaia disse...

Acho que a equipa fez bem em descansar à sombra da bananeira. São 10 jogos em menos de mês e meio. Tinha ficado mais descansado com o 2-0 mas os três pontos deixam-me satisfeito.

João Bizarro disse...

E depois o Benfica é que é levado ao colo: http://img15.imageshack.us/img15/5070/braguinha.jpg

Anónimo disse...

A importância de ter um grande cu

Se repararem melhor o ângulo de visão do árbitro auxiliar ficou prejudicado pelo enorme cu do Filipe Oliveira. Os entendidos chamam eclipse ao fenómeno e serve para justificar muitos erros dos árbitros. Imaginem o que teria acontecido se o protagonista fosse o Miguel Veloso. Muito provavelmente far-se-ia noite.

André Leal disse...

Eh pá, eu também sou daqueles que nunca assobia, mas é bom que existam os assobiadores já que mantém sempre alguma pressão sobre os jogadores e tal é necessário num clube que se quer grande.

Quanto à bola fora do Braga, apesar de ser um fora escandaloso, acaba por ser como no lance do Benfica Porto, pois a bola acaba por até estar na posse do Marítimo entretanto. Ou seja, não é um erro de golo iminente. Mas é bom que tenha acontecido.

António Pista disse...

Rumo ao título!

Força Benfica!

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/