blog

terça-feira, julho 20, 2010

Jogo de apresentação

Ligar para o serviço de apoio aos sócios do Glorioso está a ser quase tão difícil como Postiga marcar um golo ou o clube corrupto vencer um jogo honestamente...xiça!!! Caso algum dos orgulhosos trabalhadores do departamento de sócios do campeão nacional seja leitor deste fantástico blog fica aqui a pergunta: Como os novos RED PASS ainda não chegaram para entrar no Estádio da Luz para o jogo de apresentação no próximo sábado basta o cartão de sócio e o RED PASS antigo?

66 comentários:

Anónimo disse...

Pedro se renovaste o redpass é com esse cartão que vais entrar no estadio no sabado...o cartão é o mesmo...

pv disse...

http://www.slbenfica.pt/Servicos/LugaresCativos/redpass_hp.asp


» Os Sócios que já eram detentores de Red Pass na época 2009/2010 e que efectuem a renovação do respectivo lugar devem utilizar o cartão Red Pass que já tinham da época 2009/2010.

Saddam disse...

Só espero que a águia não goste de frango, senão em vez de aterrar no palanque do bife ainda aterra nos ombros do Mr. 8.5

Éter disse...

Julgo que só quem muda de lugar é que precisa de um Red Pass novo.

magalhães.Sad.SLB disse...

Saddam, essa é fortíssima...

saudações gloriosas.

Pedro Fernandes disse...

«Drenthe é agora prioritário para a Juventus»

«At. Madrid na corrida por Giovinco»

Quererá isto dizer alguma coisa que envolva o SLB ;)

falsolento disse...

O Red Pass não muda para quem renovou o lugar, usas o mesmo.

Pedro Fernandes disse...

«Jorge Jesus travou o empréstimo de Roderick ao Rio Ave, e as possibilidades de o jovem central permanecer no plantel ganham força.»

CM

Ricardo disse...

Pedro Fernandes,

Espero que uma (vinda de Simão) seja mentira e outra (cotinuidade de Roderick) seja verdade.

O Simão não é necessário ao Benfica, neste momento. Em primeiro lugar, porque não seria titular indiscutível; depois, sim, os problemas que poderia originar num balneário jovem e unido que tem ambição e sede de títulos, enquanto se Simão viesse vinha para a pré-reforma, julgando vir encontrar as mesmas regalias que deixou quando saiu.

Roderick é melhor central do que Sidnei e do que Faria. Mas se é para não lhe darem oportunidades, emprestem-no a um clube onde possa jogar com regularidade.

Vermelhusco disse...

Discordo. Acho que o Simao sera muito util ao Benfica! Tem experiencia e joga como extremo. E o Benfica precisa de extremos!

Quanto ao mau ambiente no balneario, acho que ele percebe que o balneario e outro e por isso nao havera problemas.

Pedro Fernandes disse...

Pois é Ricardo, sou capaz de condordar com ambas as coisas que disseste... Mas parece que tudo se perfila no mesmo sentido...

«At. Madrid pensa em Cazorla para render Simão» (A BOLA)

...E desde que o que acontecer seja o melhor para o SLB....

Pedro disse...

"enquanto se Simão viesse vinha para a pré-reforma"

Ricardo, tás a gozar não tás? É uma frase que não pensava vir da tua pessoa.
:)

Claro que Simão ou outro qqr não pode vir a pensar q vai ser titular indiscutível...com Jesus isso não existe. Futebolisticamente falando Simão seria uma aquisição de luxo!!!!!!

Pedro Veloso disse...

Saddam, isso tem uma piada...está morto por ver o Roberto enterrar não está? Um adepto com classe, sem dúvida.

Ricardo, discordo que o Simão não tivesse ambição se voltasse, ele no Benfica (e na carreira, ao fim e ao cabo) não ganhou nada em comparação com o que poderia ter ganho (vá lá, o ano passado lá caiu uma Liga Europa do céu), pelo que acho que viria motivadíssimo. Tem 30 anos, não está acabado. E isto é como diz o Jesus, quando os jogadores são bons é sempre fácil trabalhar com eles, o pior são os que não o são verdadeiramente mas se acham craques.

John Billy #32 disse...

31 anos?
Já está velho, cheio de varizes, artrite...
Quem me dera ver no Benfica o Drogba com 32 anos ou o Forlán que tem a mesma idade que o Simão.
Problemas no balneário? Com o Jesus? Estamos a brincar não?

Pedro Veloso, de certeza absoluta o Roberto anda a frangar por culpa do Saddam.
Se o gajo quer o respeito dos adeptos, que se ponha fino e que comece a defender como deve ser.

João Bizarro disse...

Deixem lá o Roberto em paz, sff.

A sua contratação foi pensada ao pormenor por JJ. O objectivo é moralizar os nossos avançados e obrigá-los a fazer mais golos.

Ricardo disse...

A minha ideia de "pré-reforma" do Simão, caso viesse para o Benfica, não está apenas ligada ao que faria em campo. Não considero que Simão esteja velho, como não considero Aimar ou outro qualquer com 30 e poucos anos - aliás, admiro a estratégia adoptada pelos italianos de apostarem em jogadores experientes, muitas vezes com 35, 36 anos.

Mas temos de ver o perfil e a história do jogador. Simão sai da Liga Espanhola, depois de vencer uma Liga Europa, numa equipa onde é titular indiscutível e muitas vezes capitão de equipa, onde tem um ordenado milionário para vir para o campeonato português, para o Benfica, ter um papel secundário (além de que volta a uma equipa onde já teve todas as regalias)?

A questão é: Porquê?

E não me digam que é por benfiquismo...

Pedro disse...

Se é essa a tua dúvida é de fácil resposta: O Simão detestou a experiência espanhola, nunca se adaptou à vida que lá tinha e desde cedo que pediu a Vieira para regressar ao SLB. No Benfica sente-se bem, em Madrid não.
Simples.
:)

Ricardo disse...

Esperemos que sim, Pedro. :)

É uma contratação que não me deixa tranquilo, pelo peso que o Simão já teve no Benfica.

Em termo práticos: com os jogadores que temos, Simão não seria titular. Isto não poderia criar nele alguma frustração e consequente indisciplina? É que ele já deu provas de não ser um jogador que aceita bem todas as decisões dos técnicos.

Mas, se vier, espero que vocês tenham razão. E, sim, futebolisticamente falando, seria uma mais-valia termos um extremo mais vertical que o Gaitán.

E ao mesmo tempo compreenderíamos todos a razão (ainda que absurda) pela qual Roberto veio por inacreditáveis 8,5 milhões de euros...

José Marinho disse...

Pedro, por favor, nénhum jogador sai da Liga Espanhola para regressar à Liga portuguesa só porque detestou a liga espanhola...Acha mesmo que o Simão regressa, porque foi acometido de um ataque súbito de saudades da liga portuguesa. Estou de acordo com o Ricardo, o eventual regresso de Simão ao Benfica deve ser cuidadosamente pensado, porque as coisas mudaram muito. O Benfica e o Simão. Já nada será como dantes. E Pedro Vagos, eu não discuto o benfiquismo de Simão, discuto é a sua utilidade, neste momento. Para a equipa e para o balneário.

Anónimo disse...

Mas alg de bom senso acha que o Gaitan vai pegar de estaca no imediato?!

Simão é uma optima solução e vai dar maior margem a Gaitan para poder crescer e ser no futuro o dono do lugar. Por outro lado, Gaitan pode tambem fazer a posição de Aimar...que como sabemos não vai fazer os jogos todos.

Ter Simão e não deixar sair mais ninguem é um luxo e espero que nâo saia mesmo mais ninguem...pk quanto ao Simão é certo que virá.
E veremos se não será já no próximo Sabado a sua apresentação...

Abraço
Daniel

Helder disse...

"O Simão detestou a experiência espanhola, nunca se adaptou à vida que lá tinha e desde cedo que pediu a Vieira para regressar ao SLB"

Como sabes disto Pedro?

Simão a vir para o Benfica seria indiscutivelmente uma mais valia para o plantel do Benfica. E acho que se com o Jesus nem tempo tem para fazer amuos:)

Pedro disse...

Foi dito numa conversa q tive há uns tempos com alguem q estava bem informado...

M disse...

ter simao e gaitan parece-me mt bem....experiencia e irreverencia, entra um e entra outro, consuante altura e tipo de exigencia do jogo em si...

isso da idade, ele nao fez 67 jogos oficiais ano passado?

isso do ego...acham que jesus nao é gajo à altura?

e alem disso, eu aprendi a respeitar o simao pelo respeito que sempre teve pelo Benfica, vindo ele dos lagartos,foi sempre uma optima surpresa....vamso ver no que da.

tanta especulaçao, tanta especulaçao....:)

Mentiroso disse...

Sobre o hipotético regresso de Simão nada mais vou acrescentar às posições expressas pelo Ricardo e José Marinho. Não está em causa o anterior percurso de Simão no Benfica mas neste momento tenho sérias dúvidas sobre a sua plena integração neste plantel.

Voto contra.

Pedro Vagos disse...

Continuo na minha... enquanto extremo, esquerdo ou direito, Simão entra DE CARAS no 11 titular do Benfica. Ou por acaso está lá mais algum extremo que eu ainda não me tenha apercebido?
Gaitan não é extremo esquerdo... é médio ofensivo e joga com o pé esquerdo, daí a tentação de o fazer derivar para o lado esquerdo... à falta de um jogador de raiz para a posição. Aliás, não é por Jesus dizer que o homem é o substituto de Di Maria que ele se transforma num extremo esquerdo de raiz. E se perderem um bocado a ver alguns videos do youtube, vêm que ele aparece muito mais na posição de 2º avançado ou até de 10, do que agarrado ao flanco esquerdo... e relembro, não estou a questionar o valor do Gaitan, de quem espero muito... estou só a refutar essa ideia de que Simão não tem lugar na equipa. Meus caros, neste momento, com estes jogadores... não há nenhum jogador melhor do que Simão para a posição de extremo no nosso plantel.
José Marinho... ainda ninguém discutiu a utilidade do Luisão para o balneário e para a equipa, apesar dele constantemente "botar a boca no trombone" em relação a uma eventual saída... o único ano em que isso não aconteceu foi no defeso seguinte à época do Kike... porque realmente foi uma época má demais, e onde ninguém olhava para os nossos jogadores.
Agora, garanto-vos que me desilude ouvir dizer que um dos jogadores que mais envergou aquela braçadeira, que foi titular em todos os jogos durante a conquista do 31º título e que sempre disse que quer voltar ao Benfica seja, aos 30 anos, considerado problemático. É pá... onde estavam vocês quando o Rui Costa regressou ao clube??? Há jogadores que se confundem com os clubes, e para esses há sempre lugar!

John Billy #32 disse...

José Marinho, o Saviola trocou o Real pelo Benfica e não veio aqui passar férias.
Desportivamente o Simão é uma mais-valia para o Benfica.
Joga em posições deficitárias no Benfica e principalmente tem qualidade para ser titular.
Sinceramente prefiro que os problemas do Jesus e do Benfica sejam "é pá vai jogar o Gaitan ou o Simão?" ou "vai jogar o Cardozo ou o Kardec?" do que "vai jogar o Luis Filipe ou o Balboa?".

O mesmo não posso dizer da provável contratação do Rodrigo.
Para duas vagas, temos o Cardozo (melhor marcador nacional e europeu), um craque como o Saviola, o Jara que foi contratado este ano, o Kardec que tem mostrado muita coisa boa e ainda temos o Weldon que se tem revelado como um joker de luxo e o Nuno Gomes para jogar os minutos finais.
Não acredito que é o Jesus que fez questão de contratar mais um avançado.

João Bizarro disse...

John, mas o Saviola não tinha saído do Benfica, onde tinha uma posição de destaque para ir jogar para Espanha.
O Simão se vier é para ser mais um jogador e não "o" jogador (coisa que era na altura em que saiu).

dezazucr disse...

Apenas concebo o Simão confirmando-se a saída do Ramires. De outra forma não entra de caras, até porque pelos testes feitos, Jesus aposta mesmo em Gaitan a titular, independentemente de ser extremo ou não.

Se sair Ramires, abre-se a porta a Simão, senão, não estou a ver quem irá tirar para ser titular e, repito, o Jesus tem dado todas as indicações que apostará em Gaitan.

Anónimo disse...

Portices, javardices & e métodos à FC Porco:

«Carlos Pereira, presidente do Marítimo, fala em «ameaças» e «aliciamento» no caso de Kléber. O dirigente deixa críticas ao F.C. Porto e à forma como o jogador abandonou a Madeira e reclama o direito a uma compensação pela saída.»


Pedro Fernandes

John Billy #32 disse...

João, acha que o pessoal anda a passar um atestado de atrasado mental ao Simão.
O Simão sabe quem é o Aimar, o Saviola, o Ramires, o Fábio Coentrão... De certeza que sabe que não será a estrela maior.
A questão é se o Benfica precisa de um extremo versátil. Penso que sim e por isso acho uma boa contratação.

Dezazucr, espero que o Ramires não saia. Para mim é um dos melhores jogadores do Benfica. Mas se sair não vejo como o Simão possa substitui-lo. São jogadores completamente diferentes.

Anónimo disse...

Rodrigo, para ver na Eurosport, às 14H00 de hoje.

Pedro disse...

Deza, ter Simão no banco era um luxo brutal. Isso sim era ter um plantel rico..O Aimar já teve muitas vezes no banco, não é por aí o problema mas sim saber se o Simão aceita essa posição, se aceita a ideia de não ser titular indiscutível. É o unico senão q tenho na questão do seu regresso.

Simão ao fazer bem o lado direito e de ser um jogador que cumpre muito bem tacticamente e ajuda a defender pode ser encarado como um substituto de Ramires no 11 apesar de serem jogadores diferentes.

José Vieira disse...

Em relação a Simão, deste verdadeiro "prós e contras" o que resulta é que bem mais consensual seria, então, Ricardo Quaresma... Inquestionável mais-valia para a equipa e reduzida/nula fonte de problemas no balneário.
E não se diga que RQ nem com Mourinho rendeu já que, antes de mais, J.J. não é o "special one" e com este último até Robben teve a vida complicada.

Mentiroso disse...

Ao intervalo a Espanha ganha, merecidamente, a Portugal por 1 – 0. A minha atenção centrou-se na exibição dos cinco benfiquistas do onze inicial e obviamente em Rodrigo. Confirmo que nenhum deles me parece com capacidade para entrar a curto prazo no onze do Benfica. O melhor jogador português é indiscutivelmente Sérgio Oliveira do Porto e do outro lado está uma equipa homogénea, mais evoluída técnica e tacticamente, onde sobressai Pacheco, o marcador do golo espanhol. Vamos ver o que nos dá a segunda parte.

Anónimo disse...

Eu concordo plenamente quando se diz que só os "anjinhos" deste MUndo é que acreditam que o Gaitán vai pegar de estaca e alinhar uns 60/70 jogos a um altíssimo ível, incluindo - e sobretudo - os jogos da Champions.

Se Simão é a solução ideal, confesso que preferia outra solução, mas se regressar o Simão será muito bem vindo.

Ghost.

João Bizarro disse...

"...só os "anjinhos" deste MUndo é que acreditam que o Gaitán vai pegar de estaca e alinhar uns 60/70 jogos a um altíssimo nível, incluindo - e sobretudo - os jogos da Champions..."

Gostei desta.
Se ele fosse extraterrestre era capaz disso. Como não é, não acredito que o consiga.
Aliás, nem ele nem o Messi ou o pai solteiro...

Mentiroso disse...

Por muito que custe a alguns sócios e adeptos há que denunciar os sucessivos erros grosseiros da gestão de Luís Filipe Vieira. Recentemente o Benfica vendeu a preço de saldo 50 % dos direitos económicos de três jogadores fundamentais: Ramires, Kardec e Airton renderam no conjunto doze milhões de euros. Este montante fica praticamente engolido com as aquisições de Rodrigo e Alípio, que a curto prazo (dois, três anos) nenhum benefício trazem à equipa e vão engrossar a já pesada folha salarial do Benfica.

E se Ramires sair agora, como tudo indica, quanto perde o Benfica com mais este acto de gestão danoso?

Mentiroso disse...

O extremo esquerdo Daniel Pacheco marcou os dois golos de Espanha e foi o melhor em campo. Ainda assim, na minha opinião, não seria uma eventual aposta para entrar de imediato no onze do Benfica. Gaitán sobreviveria à concorrência deste jogador do Liverpool.

Também não estou a ver benefícios na entrada de Roderick Miranda no plantel. Sidnei e Fábio Faria fazem melhor o lugar de central.

José Vieira disse...

A verdade do Mentiroso:

Ramires: custou um total de 7,5 milhões; alienados 50% do passe por 6 milhões; Em suma, gastámos 1,5 milhões para termos 50% do passe do internacional brasileiro.

A.Kardec: custou 2,5 milhões; alienados 50% do passe por 3 milhões; Em suma, já nos pagaram 0,5 milhões para determos 50% do seu passe.

Aírton: custou 3(?) milhões; alienados 40% do seu passe por 3 milhões. Em suma, temos "de borla" 60% do seu passe.

Mais importante ainda: Ramires, A. Kardec e Aírton são (ainda) jogadores do glorioso assim como não foi contratado (ainda) Rodrigo.

Se isto configura uma gestão danosa o negócio Roberto deverá dar direito a execução sumária...

Pedro disse...

E não é só isso...estes negócios permitem não só ter estes jogadores, como ter disponibilidade financeira para manter outros e ir buscar Gaitan e Jara por exemplo.

Sinceramente não me assustam nada estes negócios.

Mentiroso disse...

Sinceramente, estou a perder toda a vontade de voltar a escrever em blogues. O José Vieira é daqueles com quem normalmente estou de acordo, mas desta vez parece-me muito distraído e conformado. Vou explicar porquê.

Os três casos apontados: Ramires, Kardec, Airton, a par de Di María e pouco mais, constituem as honrosas excepções de negócios rentáveis para o Benfica dos últimos anos. Isto para dizer que a grande maioria das aquisições e “negociatas” levadas a cabo por esta direcção se mostrou deficitária, quando não danosa, para o clube. Podia aqui apontar inúmeros casos de insucesso negocial que são do conhecimento de todos. O que me parece é que predomina entre os benfiquistas, quanto a mim erradamente, um injustificável sentimento de dever cumprido quando se concretiza um negócio que dá lucro, por mínimo que ele seja. Ficam todos aos pulos, esquecendo que bem mais e melhor se poderia ter feito em benefício das finanças do Benfica quando os jogadores se valorizam com a nossa camisola.

Será que a condução da venda de metade dos direitos económicos de Kardec, Airton e Ramires foi um bom negócio para o Benfica? E a venda de Di María por valor abaixo da cláusula? E quanto a aquisições, que vos parecem os 8,5 M de Roberto? E o Alípio? E o Rodrigo? Será que vamos conseguir vender estes três últimos com uns bons milhões de lucro?

Pedro disse...

Este teu reparo não faz muito sentido. Falaste em Ramires, Airton e Kardec e foram esses os jogadores q o Vieira comentou. Sobre a venda do Di tens opniões para todos os gostos mas não encntrei nenhum benfiquista feliz com os 25 milhões...com os possiveis 36 já é diferente. E TODOS questionam os 8
5 milhões do Roberto...

O Alipio e o rodrigo ainda cá não estãp, qd estiverem fala-se. Mas tal como qqr outro jogador merece primeiro ser observado e analisado e só depois criticado ou elogiado. Como Javi Garcia e Ramires por exemplo...

Há quem garante q o Rodrigo é craque. Como vês há opiniões para todos os gostos...

Pedro disse...

E se há coisa q neste blog se tem batido é na capacidade (ou falta dela) negocial de Vieira. Este blog tem 5 anos...já muito se discutiu aqui...

Mentiroso disse...

Pedro, não percebeste nada do que escrevi. Enfim... a culpa deve ser minha.

Mentiroso disse...

Só queria acrescentar mais um pormenor. Quanto valem agora os passes de Kardec e Airton? Será que a valorização que se prevê para estes dois jogadores era assim tão difícil de prever há três semanas atrás? Recordo que Jesus já antes tinha afirmado esperar muito mais dos dois para esta época, indiciando claramente serem uma forte aposta sua. Será que os dirigentes não o ouviram?

Ricardo disse...

Mas está tudo doido? Venderam-vos a teoria de que estes negócios com o Fundo serviam para termos dinheiro para outros e vocês oomeram e calaram? Ou, antes, comeram e repetem, sem pensar no que dizem?

O Benfica não tem dinheiro? Tem, não tem é dinheiro para poder fazer negócios absurdos (veja-se Roberto, antes Balboa e outros) e ao mesmo tempo contratar bons jogadores (Gaitán, por exemplo).

O que o Benfica está a fazer é perfeitamente imbecil: vendeu há mês e pouco 50 por cento do passe do Ramies por... 6 milhões de euros - agora há equipas a darem 26 milhões por ele, um mês depois. Sabem o que isto quer dizer? Que o Benfica perdeu, com esse negócio, 7 milhões de euros. E para quê? Para gastar 8,5 no Roberto, numa compra perfeitamente disparatada mesmo que ele fosse um GR de eleição (só para dar um exemplo: o Stekelenburg, do Ajax e da Holanda, pode sair por... 7 milhões de euros), que - já vimos todos - não é. Aliás, espera-se que seja pelo menos normal, porque até agora demonstra ser bem pior que o Quim (que o Benfica estupidamente deixou sar).

O Benfica não tem dinheiro? Tem, só que há jogadas muito estranhas que pelos vistos o Benfica tem de fazer todos os anos.

Bem gerido, e com o plantel que temos, este clube pode arrancar para uma década de hegemonia total. É preciso é não criar problemas onde eles não existem: tínhamos um GR experiente, em grande forma, sintonizado com a equipa. O que é que fomos fazer? Precisávamos de um que "desse pontos"! E lá fomos contratar o 3º GR do Alético por... 8,5 mihões de euros! Um GR que, além das deficiências técnicas óbvias que demonstra ter, precisa de se adaptar aos colegas, ao estilo de jogo, à bola, ao relvado, ao penteado do David Luiz. Ele garante pontos e golos, sim senhor, só que é aos outros!

John Billy #32 disse...

"E TODOS questionam os 8
5 milhões do Roberto..."

Como? Li bem?
E olha que até percebo o ponto de vista do Mentiroso. Só está a dizer que estamos a vender jogadores a um preço abaixo do seu possível valor.
Mas eu tenho outra dúvida que até hoje nunca vi ninguém comentar:
Já há uns dois ou três anos para trás que temos tido resultados financeiros muito negativos. Na ordem dos 20 milhões de prejuízo por ano.
A desculpa que não se tem vendido jogadores para ter um plantel forte.
Até aqui tudo bem.
Mas os tais jogadores que foram vendidos determinada quantia do passe, nomeadamente ao fundo?
Esses não deviam entrar nas receitas?
Que saiba o Benfica ainda fez uns valentes encaixes.
O prejuizo de 20 e tal milhões da época passada já conta com a receita da venda dos jogadores ao fundo? Se assim é, fico bastante preocupado.

PS: Pedro, dizer que o Simão pode fazer o trabalho do Ramires é a mesma coisa que pedir ao Aimar fazer de Javi Garcia.

John Billy #32 disse...

Só agora li o último comentário do Ricardo e concordo na íntegra.

José Marinho disse...

Caro Pedro Vagos: eu continuo na minha. Não fico aos pulos apenas por existir a possibilidade de regresso de Simão. Ficaria aos pulos, há dois anos atrás. Como não fiquei aos pulos quando Rui Costa regressou ao clube. Teria ficado aos pulos, se ele tivesse regressado três ou quatro anos antes. Desculpe, meu caro, não é por serem símbolos do clube - você o diz - que têm lugar vitalício na equipa e no clube. De outra forma, Diamantino nunca teria saído do clube, nunca Chalana teria sido tratado como já foi, nunca Humberto Coelho esperaria tanto tempo por uma oportunidade de ser útil ao clube. E digo-lhe, se quer mesmo falar de símbolos, então falemos de verdadeiros símbolos do clube, como os que enunciei, mais Coluna, Simões, Torres, Vitor Martins, Bento, Carlos Manuel, João Alves, Shéu e tantos outros, que nos deram orgulho, valor e títulos. Estes sim, são verdadeiros símbolos do Benfica. Quanto ao regresso de Simão, insisto que seria necessário ser cuidadoso, porque a sua integração no plantel podia trazer problemas de gestão de sensibilidades. Meu caro, não escrevo isto apenas porque me apetece e essa tem sido a minha grande dificuldade, no relacionamento com outros comentadores deste blogue. É que muito do que escrevo resulta do conhecimento que tenho das coisas, mas muitas delas são de enorme sensibilidade e não me ficaria bem ser mais concreto nas minhas opiniões. Mas resulta sobretudo do conhecimento que vou tendo do que é o fenómeno do futebol por detrás do pano, onde a imagem imaculada de muita gente se desvanece. Não digo que seja o caso de Simão, mas certos comentadores, se pudessem estabelecer uma semelhança entre como pensam que as coisas são e o que as coisas são, na realidade, teriam, talvez, um desgosto tão grande que os desmobilizaria de qualquer comentário, por longo tempo, obrigando-os a um inevitável período de nojo. Por isso, meu caro Pedro Vagos, continuo na minha, foi com algum alívio que ouvi, esta tarde, o presidente do Atlético de Madrid dizer duas coisas: não lhe interessa nenhum jogador do campeonato português, o que afasta Luisão e Sidnei do radar atletista, e a confirmação de que Simão talvez renove contrato com o Atlético de Madrid.
Terminando: Pedro Vagos, o Benfica não joga esta época, como não jogou a época passada com extremos. Joga com um médio defensivo e três médios ofensivos. Não existem extremos no Benfica, por isso é que Jorge Jesus insiste em dizer que Gaitan é o substituto de Di Maria. Porque no 4-4-2 de Jesus, Gaitán é mais médio do que Di Maria, com o que isso significa de maior condescendência táctica de Gaitán em relação ao modelo de jogo de Jesus. Aliás, um dos pequenos milagres de Jesus foi ter conseguido transformar um extremo puro como Di Maria, num médio ofensivo.

José Marinho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro disse...

Jonh, não concordas que o valor da compra do Roberto tem sido tema de discussão entre TODOS os benfiquistas? O ponto de vista do Mentiroso é igual ao partilhado por quase todos, sempre defendi que o Di Maria nunca deveria sair por 25 milhões, sempre defendi o valor da clausula (apesar de achar q por 35 milhões era possivel conversar). As negociatas de Vieira não são novas, os negócios estranhos infelizmente não são inéditos, etc...já conheces o blogo e por aqui muito se tem discutido isso.

O Simão não faz o papel de Ramires, o Simão pode é substituir o Ramires no 11, obviamente com um outro tipo de missão e/ou tática. Foi isso que disse.

Ricardo, concordo com practicamente tudo o que disseste. A questão é que eu desde o inicio q aceitei o negócio Ramires como ele aparenta ser e portanto não fico escandalizado com ele. O Fundo é o que é, aceito perfeitamente a lógica que está por detrás do mesmo. Repara que estão lá jogadores q provavelmente nunca serão vendidos ou rentabilizados mas já recebemos algum por eles. Infelizmente alguns desperdicios continuam a acontecer e, mais uma vez repito, Vieira tem um passado muito negro no que a negociação de jogadores diz respeito e basta pensar na venda do Simão e na compra do Mantorras... E o facto de Roberto poder ser um flop não invalida a necessidade gritante que o SLB tinha de ir buscar um gr a sério. Quim não servia e continuaria a não servir.

Mentiroso, percebi tudo o que tu disseste, tudo. O José Vieira comentou apenas e só a questão dos jogadores q foi levantada por ti, depois é que tu trouxeste mais temas à conversa.

Pedro disse...

Marinho, reafirmo novamente que essa questão é, como já disse em post há uns tempos atrás, o único senão que tenho em relação ao regresso de Simão...

José Vieira disse...

Caro Ricardo, começo por parafrasear o Pedro e recordá-lo que "já muito se discutiu aqui", nomeadamente a questão do "Fundo".
E como sou daqueles que até pode comer mas nunca calar permito-me discordar de si numa questão essencial, a de que o Benfica tem dinheiro.
Pelos vistos foi o meu caro quem comprou a mensagem da actual direcção, mormente de D.S.Oliveira, de que o nosso clube vive uma desafogada situação financeira. Não só comprou como agora a quer (re)vender.
Espero não estar a desiludi-lo quando afirmo peremptoriamente o contrário e o "Fundo" mais não é do que uma prova disto mesmo.
Com ou sem "Fundo" o desejável (e óbvio...) é que não se façam negócios absurdos mas não há clube nenhum no mundo que não os faça.
Repito, pois, o que disse aqui há vários meses: só casuisticamente se pode aferir da bondade do "Fundo" pois este comunga não só das receitas como das perdas!!
Já agora, Ramires não tem nada a ver com o "Fundo", foi adquirido em condições especialíssimas (por não termos dinheiro, lá está...) e foi vendida determinada percentagem ao próprio financiador, nos termos inicialmente acordados.
Por isso as minhas contas são outras e bem diferentes das suas: a ser vendido por 26 milhões, em menos de um ano aproveitámos desportivamente um grande jogador e realizámos uma mais-valia de 11,5 milhões de euros.
Caro Ricardo, não se iluda. A opção é ter 100% de nada ou uma percentagem de qualquer coisa.

TRAMONTANO disse...

E bom que nos lembremos que um fundo tem envestidores e esses estao pura e simplesmente para ganhar dinheiro.
Para eles o SLB so e util porque lhes da dinheiro a ganhar.
Alem disso no fundo nao e o SLB nao tem direito de veto e o fundo tendo conselheiros em materia de futebol nao descuida as oportunidades de estrategicamente fazer para ele, fundo, os melhores negocios.
A gestao do SLB e para mim preocupante porque alem de um passivo assustador passa a vida a "meter vales" foi o emprestimo, sao os adiatamentos do funfo, e os contratos por 1o, 15 anos, etc.

Para mim esta operaçao com o fundo logicamente que e ruinosa para o clube pois vender ao desbarato percentagens de jogadores com elevado potencial de valorisaçao, e o que um bom negocio?
Nao reconhecer isto, por ser ovio, e simplesmente nao querer ver com os olhos abertos.

Quanto ao Simao, concordo plenamente com o Jose Marinho e corroboro o que ele diz quando refere que a realidade e muito diferente do que os nossos olhos pensam ver.

Eu andei la por dentro uns anos e ja me apeteceu muitas vezes fazer o que o Jose Marinho diz:

Deixear de comentar, o que poucas vezes faço e meter o nojo de vez.

Quanto ao resto, tudo bem

John Billy #32 disse...

1º O Benfica comprou os 100% do passe do Ramires conforme foi comunicado à CMVM.
2º Esta história do empresário ou do fundo ou do dinheiro emprestado cheira muito mal. Se foram eles que compraram o jogador, então qual o motivo de não terem ficado logo com os 50% na altura? Não foi isso que se fez com o Sidnei?
3º Se o Ramires tivesse um flop como o Eder Luis ou o Balboa, teria esse tal fundo/empresário comprado a tal metade do passe? Acho que a resposta não é muito difícil de adivinhar.

Miguel Lopes disse...

Pelo que já saiu a público, esta opção do Ramires estava previsto no contrato, o tal empresário prevendo uma valorização, colocou esta clausula de opção sobre uma percentagem do passe. Accionou a opção e o benfica agora só tem 50% do passe. Agora há duas maneiras de ver isto: Como o José Vieira diz e bem, 50% passe do Ramires está-nos por 1.5 milhões. Se fôr vendido por 25 milhões, o SLB encaixa 12.5 e lucra 11 em 12 meses, um milhão por mês! Mas claro que vai haver sempre quem veja como o Mentiroso vê e isso acaba por ser útil para o debate e discussão de idéias...

Mr. Shankly disse...

John Billy, a isso se chama uma opção de compra. Não é nada de estranho nem de novo. Mas quando se fala no Benfica parece que não há meio termo: ou é tudo bom ou tudo mau, ou é maravilhoso ou desastroso. E isto acerca de negócios por confirmar.

Eu prefiro ver o que se passou nos últimos anos, como estava o clube antes e depois de JVA (já sei que o Pedro não concorda). E julgo que não há dúvidas se o clube está melhor ou pior. Está perfeito? Não. Houve erros? Imensos. Mas em geral houve uma evolução nítida. De todas as formas, a força do Benfica também é isto: uma massa associativa apaixonada que discute até a qualidade do relvado. Que se discuta. Mas pôr em causa tudo por causa de um negócio de um jogador, ainda por cima por confirmar, é demente. Quando houver eleições, falamos, vota-se. Até lá, discute-se e apoia-se a equipa incondicionalmente, acha-se que o Roberto mesmo depois de 5 frangos é o melhor do Mundo, e o Barça que reze para não lhes calharmos na Champions para não lhes causarmos um trauma em Camp Nou.

Pedro disse...

"como estava o clube antes e depois de JVA (já sei que o Pedro não concorda). E julgo que não há dúvidas se o clube está melhor ou pior"

Não tenho a menor dúvida que o clube está muito mais estável e sólido financeiramente do que estava no tempo de VA. Isso não se discute.

Anónimo disse...

VA!!!!

Mas entretanto houve o Vilarinho, já com o LFV a ajudar, mas supostamente quem mandava era o 1º...

TRAMONTANO disse...

"Antes JVA e depois"

Isto e dito num contexto comparativo com o presente e as comparaçaoes mais nao sao do que argumentos desculpabilisantes.Antes JVA, passivo 16M contos, pos JVA 14M contos, Vilarinho e Vieira 80M contos. Do antes e JVA tenho relatorios de contas, do actual nao tenho mas parece confirmado ate por elementos da direcçao.
Espero que nao me venham ja dizer que aqueles relatorios que estao auditados foram manipulados.

O que eu gostava que me dissessem e se se chegou a este desclabro com uma boa gestao e podem somar o custo do estadio e do centro de estagio, este finaciado com parceria publicitaria que ainda sobraram muitos mihoes para atingir os 400M€.
E quanto e que isto custa em juros e o que se ganhou em 10, 10 anos:
Dois campeonatos e uma taça.

Nao se esqueçam de somar a estes 400M€ as receitas, mais do dobro.

A mim preocupa-me este passivo e pelo que vamos vendo nao vai para de crescer.

Quanto ao Ramires nao fa-lo porque nao conheço mas pelo que li aqui ha quem diga foi foi comprado por empresarios e cedido ao Bnefica para valorisar.
Entao agora vendemos 50% do passe ao proprio dono? Nao entendo.

Eu que acompanho o Benfica ha mais de 40 anos, alguns muito por dentro, confesso que como socio nunca soube tao pouco da sua gestao como agora.

E ha uma questao para a qual nao obtenho resposta: Nao me lembro na historia do Benfica de Assembleias tao pouco participadas como agora.
Possivelmente porque os socios confiam cegamente. Sera?

Pobre de mim que nao sou crente...

John Billy #32 disse...

Mr Shankly, essas opções de recompra ou lá o que é, estão onde?
No comunicado que foi a CMVM não está lá nada disso. Só nos blogues é que falam em promessas, cláusulas e afins.

Não consigo entender como se pode avaliar de positivo essa ligação do Benfica a fundos. Só temos a perder.
Quando foi criado até achei uma boa ideia. Pensei que fosse uma forma de termos dinheiro para contratações.
Pura ilusão. Esse tal fundo só serve para minar as receitas do Glorioso.
Não houve um único jogador que fosse contratado com ajuda do fundo.
O que o fundo faz é adquirir percentagens dos valores mais seguro do plantel.
Quer dizer, os lucros são para o Benfica e o fundo. Os riscos são apenas para o Benfica.
Ainda este ano foram contratados 3 jogadores em Janeiro: Eder Luiz, Airton e Kardec.
O que aconteceu? O Benfica fica com o barrete, o fundo fica com metade dos jovens promissores.
Outro caso, o David Luiz. Já li por diversos sítios que o David não pode sair por menos de 30, 40 ou até 50 milhões.
No entanto o Benfica vendeu 25% do passe por 4,5 milhões ao fundo e ninguém ficou chateado.
Sinceramente, não consigo ver qual é a vantagem do fundo.

Mentiroso disse...

Gostei do argumento John. Partilhar o que dá lucro e suportar na íntegra tudo quanto é fiasco, não é justo.

Sabes que mais, que se foda o fundo.

TRAMONTANO disse...

O Fundo serve para o SLB meter uns vales quando esta aflito, so que estes vales tem um "juro" altissimo.

Mr. Shankly disse...

"do actual nao tenho mas parece confirmado ate por elementos da direcçao."
Não tens, procura. Existem. Vai ao site da CMVM.

Quanto à hostória do passivo, já enjoa dizer a mesma coisa tantas vezes. Se não compararmos com o activo, não significa nada.

"Nao se esqueçam de soar a estes 400M€ as receitas, mais do dobro."
Precisamente. As receitas aumentaram exponencialmente. Mas até isto parece ser motivo de crítica. Surreal.

"Mr Shankly, essas opções de recompra ou lá o que é, estão onde?"
John, não sei. Nem sei se existem. Só disse que não são nada de novo. Se fosse o Porto a comprar um jogador e a fazer um lucro de 11,5 M num ano, eram os maiores. Como somos nós, somos uns tansos.

Quanto ao fundo, anda aí muita gente que não percebe o que é o fundo e como funciona. Não é uma forma de o Benfica assegurar dinheiro para gastar como quer. Os investidores também "jogam" e querem ver os seus interesses defendidos, caso contrário ninguém investia. Os passes são vendidos quando ainda ninguém sabe se os jogadores vão valer muito ou não. Se tivessemos tido uma época como a do Quique, o ano teria sido desastroso para o fundo. Um exemplo: salvo erro vendemos parte do cardozo ao fundo. Se ele não sair nos próximos dois anos, vai sair por um valor muito abaixo do que sairia agora, e provavelmente o fundo vai ficar a perder. Por outro lado, o Benfica perde menos dinheiro por ficar com o jogador mais uns anos.

posto isto, confesso que nem sequer sou grande adepto do fundo e que espero que quando a situação financeira estiver establizada apostemos definitivamente na competência desportiva como forma de gerar mais-valias. Mas nesta altura, provavelmente seria impossível a qualquer clube português ter um plantel com a valia do nosso sem este tipo de muletas.

TRAMONTANO disse...

Mr. Shankly
O seu ultimo paragrafro arrasa toda a sua argumentaçao anterior e ate nos poe de acordo.

As vezes, sem querer, foge-nos a boca para a verdade mesmo aqueles para quem a infalibilidade ainda e um dogma.

Tomara eu acreditar, mas somando estes 10 anos, so me resta fazer como S. Tome.

Mr. Shankly disse...

Há uma diferença básica, tramontano. Eu acho que o fundo tem interesse na actual conjuntura, você não. Quero que no futuro o Benfica não necessite dele, mas acho que hoje ajuda. não aco que o meu último parágrafo me desminta, nem que nos ponha de acordo.

Não me fugiu a boca para a verdade, até porque não sei qual é a verdade. É só uma opinião: a minha.