blog

quarta-feira, dezembro 26, 2012

Não Vender!!!


Garay é um fabuloso defesa central que não desperdiçou a oportunidade que o Sport Lisboa e Benfica lhe deu e tem rubricado excelentes exibições pelo que o interesse dos tubarões europeus nos seus préstimos é perfeitamente natural.
No final da época podemos sentar e conversar com os interessados mas só no final da época. Vender Garay em Janeiro seria um erro descomunal. E seria repetir erros do passado e dificultar em muito o desejo de sermos campeões.
E temos que recordar o que Vieira e Domingos Soares Oliveira repetidamente afirmam sobre a solidez financeira do clube o que anula a justificação da necessidade de um encaixe financeiro avultado em Janeiro.
Garay é para ficar, para festejar em Maio no Marquês e depois, logo se verá.

6 comentários:

Gus disse...

Claro que não podemos vender. Não só o Garay, como qualquer outro dos jogadores influentes do plantel, que pode até nem ser titular indiscutivel.

Ainda me lembro do ano em que vendemos Ricardo Rocha em Janeiro....que belo acto de gestão do nosso presidente.

Apesar dos picos de forma virem por ciclos, e por isso acreditar que B. César e Nolito ainda podem ajudar esta época, a vender, que seja um deles, porque ainda têm mercado.

RedCristal disse...

Concordo plenamente com a ideia.

Seismilhoesum disse...

Um Clube, mesmo gerido/controlado/orientado por uma SAD não se pode esquecer que vive dos adeptos. Logo, depois do duplo rombo Javi/Witsel era o que faltava estarmos a perder o Garay. Todos são poucos para combater a equipa que joga com duplo guarda-redes!

DeVante disse...

Tou contigo nessa!
Vender o nosso melhor defesa agora seria o assumir de que não queremos ganhar nada...

Posso ficar sem Luisão, mas nunca sem Garay...

José Vieira disse...

Pedro, só me ocorre um cenário pior do que vender o Garay: comprar o Carriço.

Pedro disse...

HAHAHAHA