blog

quarta-feira, fevereiro 27, 2013

Sp. Braga - SL Benfica: 0-0 (3-2 g.p.)

Um dia tinha que ser, um dia o SL Benfica seria eliminado da Taça da Liga. Esse dia foi hoje. 

Claramente por opção do treinador numa decisão que me parece totalmente descabida dado o plantel e historial do Glorioso. Colocar Roderick num jogo destes é surreal, principalmente se o coloca apenas com Martins ao lado, contra o Braga em sua casa. Um puto que pouco ou nada tem jogado ser titular num jogo destes sem apoios é não querer vencer o jogo e isso faz-me confusão. Era o acesso a uma final que estava em causa, a vitória, hoje, implicava apenas mais um jogo no calendário do SLB. Uma final, raios, uma final. Um troféu. Um já foi à vida. Olha, já não podemos ganhar tudo. Porque não quisemos.

Concerteza que aqueles que elogiavam Jesus por estar a fazer uma grande época e que podia ganhar tudo irão, agora, encontrar belas desculpas. Aposto que esta eliminação nos coloca um passo à frente na conquista do título. Enfim... Novamente com um meio campo pouco povoado o Benfica nunca foi capaz de controlar o jogo, o Braga foi superior na primeira parte sempre mais pressionante cabendo ao Benfica responder com contra ataques  e num desses contra ataques se Rodrigo fosse mais jogador de equipa e menos "fução" podia o SLB ter chegado ao golo. O remate foi à barra mas Martins e Cardozo estavam em posição de encostar para golo. Na segunda parte Jesus tira Cardozo e coloca Aimar e foi o suficiente para com mais um elemento no meio campo o Benfica tomar conta do jogo e empurrar o Braga lá para trás. As incursões à baliza do Braga eram muitas mas a desinspiração de vários jogadores, principalmente Rodrigo e Urreta, impediam um aproveitamento com sucesso dessas jogadas. Mais uma vez Jesus com o jogo empatado demora a fazer a última substituição e só a faz aos 80 minutos porque Martins lesiona-se. O golo não surge e chega o apito final e consequente desempate por grandes penalidades.

A velha lotaria dos penaltys. Até começamos bem mas depois, Luisão falha, Roderick não acerta na baliza e Gaitan permite Quim brilhar. Podiam ser outros, podia ser igual, nunca saberemos. Pior do que escolher Luisão e Roderick para a marcação de penaltys foi toda a postura da equipa a mando do seu treinador. Numa meia final, a meros 90 minutos da final de uma competição ter esta postura, é, para mim, incompreensível e ofensivo para a história do Glorioso.

Podemos nos queixar de um penalty claríssimo sobre Gaitan. As imagens não deixam qualquer dúvida. Podia mudar o jogo, penso que se a bola entra dificilmente perdíamos o jogo. Muito mal esteve o árbitro neste lance e noutras decisões como por exemplo uma entrada dura sobre Martins que, tal como o penalty, nem falta considerou.

Eu tinha pouca crença no jogo desta noite porque estava à espera de algo assim. Acreditava que Jesus ía optar pela táctica habitual e quando vi que Matic, Sálvio e Lima ficaram de fora rapidamente percebi que a ideia era outra que não lutar a sério pela vitória na competição. Isso irrita-me. Detesto ter razão nestas situações.

Nesta fase da época, a perder, que seja hoje. Mas assim não.


12 comentários:

SLB4EVER disse...

E este Braga estava claramente ao alcance, nem era preciso forçar muito apenas jogar com inteligencia e outro meio campo. Martins péssimo, os lances de ataque que ele estragou com uma definição péssima tiraram-me do sério e a defender teve o Roderick que fazer o trabalho de dois, porque motivo o André Gomes nem no banco estava?
Este jogo serviu para perceber bem várias coisas, se insistir com esta táctica e sem ter o 11 certo para isso, em especial com o Martins naquela posição vai-se deitar tudo a perder mito rapdamente.
Mas parabéns ao Braga uma das equipas do alinhamento corrupto, fora de jogo a isolar Urreta mal assinalado e dois lances sobre Gaitan que podiam e bem dar penalidade, a recusa dos comentadores em reconhecr o óbvio e arranjar tentativas de justificação foi mais um momento de podridrão e baixo nível neste futebol.

José Ramalhete disse...

JJ parece que estava a gozar com aquilo tudo.

Morgado disse...

O Jesus é o culpado de meter o Roderik no meio campo (que p*** de ideia), de ter tirado o Cardozo que só tem jogado meio jogo de cada vez por isso não tem assim tantos minutos nas pernas, por conseguinte ter deixado o Rodrigo lá à frente que desde que apanhou com o Bruno Alves pela frente nunca mais foi jogador e claro, de ter metido dois centrais a marcar penaltis... dassss.

Mas, no meio disto tudo, não fosse o árbitro, e tinhamos um penalti clarissimo assinalado e ai a coisa era outra...

joão carlos disse...

Sobre se devia ter jogado este ou aquele jogador não sou critico do treinador ele apostou algumas opções não correram bem mas nada garante que os outros resultassem as alterações talvez fossem demasiadas mas como eu disse no jogo anterior esperava mais uma ou duas alem das que foram feitas para permitir que neste não se fizessem tantas de uma só vez.
Mas o maior erro foi sem duvida a táctica este treinador não aprende nem com o sucesso aprende demos meia parte de avanço e assim tens metade das hipóteses de ter sucesso.
Sobre os marcadores dos penalties não tenho nada a apontar até porque normalmente são mais os jogadores a candidatarem-se a marcar do que escolhas do treinador ainda assim no onze que terminou e nos que não foram escolhidos para marcar não vejo ninguém que seja especialista.

António disse...

Eu quero ver agora qual vai ser a desculpa para não se ganhar o campeonato! taça da liga já era, o resto a ver vamos, oxalá me engane mas espero que esta brincadeira não traga o descalabro.. Foda-se a taça da liga como competição oficial é para se GANHAR ponto final! Quero lá saber se os outros dão ou não dão importância, eu quero é que o BENFICA ganhe TUDO.. olhem para o nosso rival, no ano do Pilas-Reles, limparam campeonato( campeões na luz, na nossa propria casa, uma humilhação que nao me irei esquecer tão cedo), taça de portugal, supertaça e liga europa! Ouviram alguem deles dizer que davam prioridade a esta ou aquela competição? Pois é aqui está uma grande diferença, é que enquanto outros querem é ganhar tudo, no BENFICA fazem-se opções de competições! Enfim, é por estes e por outras que digo, vou esperar para ver o que vai acontecer com o campeonato e com a taça de portugal! Se não ganhar no mínimo estas 2 competições que estão perfeitamente ao nosso alcançe, é hora de dizer CHEGA de JJ, quero lá saber das potencializações de jogadores e a puta que os pariu, eu quero é que o BENFICA ganhe TITULOS! Saudações Benfiquistas.

Anónimo disse...

LOL olha, olha...Benfiquistas que ficaram mesmo lixados por terem perdido a taça da liga.
Se ganharem, campeonato, taça e liga europa também se vão lembrar disto?
Porra...que interesse tem esta competição sinceramente? As regras são ridículas, a maneira como está organizada está feita para ganhar sempre um dos grandes. Este ano nem os jogos foram transmitidos, vejam lá o interesse...

zorg disse...

Não concordo nada com isto. O Benfica quis poupar jogadores para as competições que considera mais prioritárias, mas também tentou ganhar e lutou pela vitória!

O jogo foi bem disputado, o Benfica podia ter ganho nos 90 minutos e também podia ter perdido.

Quanto às alterações, é evidente que se deveram a necessidade de dar descanso a determinados jogadores. Ainda assim, Jesus tentou um equilibrio. Melgarejo, por exemplo, jogou porque o Alan é um adversário dificil para o lateral e Jesus achou (e, na minha opinião, bem) que o Luisinho iria ter muitas dificuldades. Roderick jogou para dar descanso ao Matic. Não é a primeira vez que joga na posição (na equipa B já o fez algumas vezes) e até se exibiu a um nível bastante razoável.

As equipas bateram-se bem pela vitória, a sorte sorriu ao Braga, que também a procurou, parabéns ao Braga.

John Wakefield disse...

O Roderick neste ano jogou em três equipas. É legal, não há razões para alarme, visto que duas delas fazem parte da instituição Benfica - equipa A e B, a outra foi o Deportivo da Corunha.
No Deportivo, só fez 2 jogos, ambos a entrar no fim.
Na equipa B, fez alguns jogos, mas foram exibições irregulares.
Na equipa A, apenas fez 2 jogos na taça da liga. Com a Académica, teve muitas dificuldades e agora, com o Braga, deixou muito a desejar.
Roderick é bom mas é para a equipa B. O jogo de ontem deu para ver isso.

Quanto ao resto, gostei das exibições do André Almeida (esteve seguro no lado direito da defesa), do Jardel (voltou a dar conta do recado) e do Artur (mais uma boa exibição, depois duma fase menos brilhante).

Esta derrota não é o fim do mundo. Jorge Jesus tem a obrigação de ganhar a taça de Portugal e de tentar a sorte no campeonato e na liga europa.

V. Branco disse...

Os indignados de hoje são os mesmos de há um ano quando até uma bela espera fizeram à equipa por ter ganho esta mesma taça!
Haja paciência
Força Benfica

Pedro disse...

Zorg, não sei o que se passa contigo.. :)

Descanso ao Matic? Matic "descansou" por causa do vermelho que levou e vai descansar na primeira mão com o Bordéus. Podia e devia ter jogado hoje pq o Braga, em casa, é um adversário forte. Mas, a principal crítica, nem é para os nomes, é para a táctica. O mal não está em meter o Roderick, está em meter o Roderick neste jogo apenas com o Martins como apoio.

Isso das prioridades...a seguir abdica-se da Taça de Portugal ou da Liga Europa? E depois do campeonato ir ao ar abdicamos do q?

zorg disse...

A seguir abdica-se da Liga Europa, se o calendário a isso obrigar. O Benfica já foi muito claro nesse aspecto: as duas competições mais importantes são o campeonato e a taça. Fazer escolhas é isto e acarreta riscos. Ontem correu mal, mas podia ter corrido bem. Não fomos inferiores ao Braga, tivemos as nossas oportunidades e até ficou pelo menos um penalty claro por assinalar.

O Matic descansou, porque jogou no domingo, vai voltar a jogar no próximo fim de semana e já tem uma data de jogos nas pernas esta época. Eu, por exemplo, teria poupado também o Melga que acabou, com este jogo, de completar mais minutos de utilização do que o total que teve em toda a época passada pelo Paços de Ferreira. O Jorge Jesus não o poupou, porque queria ganhar o jogo e temia o que o Alan poderia fazer ao Luisnho.

Em relação à táctica e ao Roderick jogar "sozinho", não me vou alongar, porque nesse ponto temos concepções muito diferentes do futebol. Eu não acho que o Roderick tenha jogado sozinho, nem que o Matic jogue sozinho quando faz dupla no centro com o Enzo.

Pedro disse...

O Matic joga com o Enzo, e os dois não "chegam" para as encomendas nos jogos grandes. Roderick e Martins então é uma dupla francamente estranha para enfrentar o meio campo do Braga.

E sim, jogam sozinhos pq os alas fecham pouco. E é por isso que a simples inclusão de Gaitan no meio campo permitiu o SLB dar festival em Braga para o campeonato. Ou a entrada do Aimar no jogo de ontem que alterou tudo para a segunda parte.

Não reconhecer isso é ser simplesmente teimoso...como JJ. Mas a tua teimosia não tem custos.

Já estás a abdicar da Liga Europa...a Taça de Portugal, bem, seria um escândalo não a vencer mas o campeonato...enfim...acho surreal falar-se tão levianamente do abdicar de uma competição como a Liga Europa para nos centrarmos no campeonato como se o plantel do SLB fosse o do sporting.