blog

quinta-feira, março 25, 2010

Proença por um canudo

No jogo do título nada melhor do que nomear um árbitro com um longuíssimo historial de erros prejudiciais ao Glorioso. Pedro Proença foi o eleito pata tão importante jogo. Enfim...não vale a pena bater no ceguinho. A pouca vergonha no nosso futebol não para, todos os dias temos novos casos, novas polémicas. A esperança é que quando a natureza cumprir a sua missão as coisas possam melhorar...

Saviola pode estar lesionado e falhar o jogo com o Braga. Se não estiver a 100% entra outro para que o avançado argentino possa recuperar para o jogo com o Liverpool. Com esta equipa não será por aí que quebraremos. E o Proença terá que fazer muito mais que o seu colega super dragão...

44 comentários:

Pedro Fernandes disse...

Os Mesquitas e os Paciências fizeram o choradinho muito antes da nomeação...

Mas somos mto maiores que essas coisitas sem significado...

Luís A. disse...

TODOS OS BENFIQUISTAS. ESPALHEM ISTO:

Vice-Presidente - Dionísio Alves Correia, juiz conselheiro jubilado.
Nasceu em Vila Real. Licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Foi delegado do Ministério Público nas comarcas de Sabugal, Cantanhede, Beja e Coimbra. Foi juiz de direito nas comarcas de Serpa, Arganil, Pampilhosa e Penacova, Cartaxo, Montemor-o-Velho e Coimbra e ainda nesta, presidente do círculo judicial. Em 1990, juiz desembargador no Tribunal da Relação do Porto


relator do acórdão – que teve decisão unânime do CJ – foi Dionísio Alves Correia, conselheiro jubilado do Supremo Tribunal de Justiça, que já havia ilibado Pinto da Costa no caso em que a CD castigou o dirigente com quatro meses de suspensão, por declarações sobre competições da Liga, quando já estava suspenso (dois anos, devido ao ‘Apito Final’).

Anónimo disse...

talvez este campeonato venha a ser impugnado e talvez, nem haja titulo.
é triste.

já ninguém se lembra do que se passou com o célebre episódio da chuteira do deco? ninguém impugna o campeonato dese ano?

João Bizarro disse...

Esta equipa já se habituou a jogar contra 14. Espero que Sábado haja mais uma demonstração de classe por parte do SLB.

Luís A. disse...

é um péssimo habito joão...

Luís A. disse...

ESTE CONSELHO DE (IN)JUSTIÇA FOI O MESMO QUE NOS ROUBOU O TITULO DE JUNIORES.
PENSEM NISSO....

José Marinho disse...

Meu caro anónimo, este campeonato apenas será impugnado no mesmo dia em que nascerem os dentes nas galinhas. Melhor dizendo, isso nunca vai acontecer, porque juridicamente não existe fundamentação que suporte essa ideia. Pas de chance.
Quanto ao resto, é tão desproporcionado o castigo inicial da Comissão Disciplinar da Liga quanto é irrealista a consideração do CJ de que os "stewards" são público.
E nisso concordo com o que José Vieira escreveu na caixa de comentários do meu anterior post. Com que autoridade é que os stewards passarão a exercer as suas funções nos estádios, a partir daqui?
O acordão da Liga podia ter falhas, e tinha-as, devido a uma interpretação muito estricta dos seus conselheiros sobre a definição dos "stewards", mas o acordão do CJ é completamente fora do comum. E sobretudo desprotege o futebol e, no limite, é um convite à violência no futebol, porque arrasa o estatuto dos "stewards", no jogo. E veremos, no futuro, que consequências terá este acordão e a ligeireza com que foi escrito, nas relações nos estádios do futebol entre o público em geral e agora este público "privado". Veremos.

Luís A. disse...

O Bambo empurra um apanha-bolas, toma lá 6 meses.
Fernando Mendes bate em bombeiro, apanha 4 meses.
Hulk e Sapuranu batem em Stewards, e apanham 3 e 4 jogos.

Jurisprudencia é coisa que não há no CJ da FPF. Devemos protestar contra a mentira. O juiz redactor do acordão foi Juís numa comarca do Porto nos anos 90. Coincidencias?

Rearviewmirror disse...

1. Há pouco a dizer sobre esta redução de pena. É o reflexo do estado da Justiça portuguesa, onde dois grupos diferentes de juizes têm duas leituras diferentes da lei.

2. Dei-me ao trabalho de ir ao site da Liga consultar o regulamento de competições, e em nenhuma das suas alineas aparece a palavra "steward".

3. Com essa leitura, decrotinei algumas curiosidades engraçadas: um jogador que TENTE AGREDIR um treinador adjunto, pode ser punido até 18 meses de suspensão.
Um jogador que AGRIDA um adepto pode ser punido até 4 jogos de suspensão. Adepto esse, que é a razão essencial de este (ainda) ser o maior espetaculo do mundo.

4. Segundo os regulamentos aprovados por todos os clubes (menos o Benfica) os jogadores do FCP ficariam sempre 2 meses em suspensão preventiva, devido aos limites dos prazos processuais.
Ou seja, de 20-12 até 20-02, os jogadores falhariam 11 jogos (5 da liga, 2 da taça de portugal e 4 da taça da liga), e mesmo se os tais 3/4 jogos tivessem sido aplicados pela CD da liga, haveriam sempre queixas no final.

5. Em relação ás definições de agentes desportivos, no site da FPF, existe este artigo:
Ponto 4 do art.º 1 do Regulamento Disciplinar (definições)

"Entende-se por Agentes Desportivos os membros de órgãos sociais, dos órgãos técnicos permanentes, das comissões eventuais da FPF e dos seus sócios ordinários, dirigentes de Clubes, delegados, observadores de árbitros, árbitros, jogadores, treinadores, preparadores físicos, secretários técnicos, seccionistas, médicos, massagistas, auxiliares técnicos, assistentes de campo, assessores, empregados e outros intervenientes no espectáculo desportivo".

Ou seja, neste enquadramento juridico parecem estar todos os intervenientes do espetaculo desportivo, menos os coitados dos Stewards, que ficam ali no limbo espectadores/intervenientes no espectáculo desportivo.
Andaram eles este tempo todo de costas para o campo, quando poderiam muito bem estar a ver os golos do Liedson, do Falcão e do Cardozo...
Que desperdicio de tempo.



"2 - Porquê a redução?
No entendimento dos conselheiros, a Comissão Disciplinar da Liga aplicou o artigo errado. O mais correcto seria o 120º do regulamento disciplinar, referente a agressões a elementos do público, puníveis com suspensão de 1 a 4 jogos."

fonte. jornal oJogo.

"O CJ considerou que, para além dos treinadores, dos médicos, dos massagistas e das restantes pessoas ligadas às equipas, só integram o conceito de agentes desportivos os directores de campo, directores de segurança e o delegado da Liga. Todos os restantes elementos que têm o direito de acesso e estão a exercer funções no recinto desportivo, não entram na norma. Portanto, nesta leitura, os polícias são espectadores, tal como os bombeiros e os stewards", acrescentou ao PÚBLICO a mesma fonte."

fonte. PUBLICO.

isto tudo é uma V - E - R - G - O - N - H - A!!

Luís A. disse...

Quem fez essas considerações e interepretação foi um juiz do porto...ga ja tinha ilibado PC de uma suspensão de 4 meses

Pedro disse...

"Terça feira, 13 abril:
Benfica - Sporting, 20:45 (SportTV). "

Ena...os lagartos não levantaram problemas ao adiamento do jogo para assim o Benfica ter mais tempo de descanso depois da visita a Liverpool.

José Marinho disse...

Meu caro Pedro, essa decisão do Sporting confirma a ideia que tenho do presidente do clube. Uma pessoa sensata, que escapa completamente ao perfil de dirigente manhoso e arruaceiro, instigador de violência e fomentador de problemas. Um dirigente que defende o seu clube, defendendo ao mesmo tempo a indústria. Esta devia ser a regra e não a excepção. Infelizmente, o que existe no futebol português é o fanatismo regionalista ou o revanchismo bacoco. É isso que empobrece o futebol português, é isso que faz emergir os focos de violência que afasta as familias do futebol e dos estádios.
Uma boa decisão do Sporting que defende o clube na imagem de tolerância que projecta e que defende o futebol, porque não confunde rivalidade com violência. E demonstra que os dirigentes de futebol em Portugal não têm de ser zaragateiros.

Pedro Vagos disse...

José Marinho... confesso que houve uma fase em que o Presidente do Sporting até me parecia isso tudo que descreve... hoje em dia, já não penso tanto assim.
Em relação ao adiamento do jogo com o Benfica... se eles ainda estivessem a discutir alguma coisa, seriam assim tão solícitos?

Quanto aos stewards e às dúvidas de serem ou não agentes desportivos, para mim o principal problema reside no texto da lei. Então mas cabe na cabeça de alguém que, sendo obrigatória a presença da polícia, bombeiros e stewards (agentes de segurança privada) num espectáculo desportivo, eles, no âmbito desse espectáculo não sejam considerados "agentes desportivos"? Então se para haver jogo é obrigatório que eles estejam... o público não é agente desportivo... mas esse pode não estar presente que há jogo na mesma... agora a segurança ou os bombeiros... enfim, como sempre em Portugal, o que é preciso é uma lei(zinha) dúbia e dada a muitas interpretações que é para que no meio da borrasca, haver sempre quem se safe sem se molhar.

Pedro Vagos disse...

por curiosidade, fui ver o regulamento de outra modalidade, para ver se definiam os tais "agentes desportivos"... E fui ao Basquetebol.
E no Basquetebol, stewards, bombeiros, polícia... também não são agentes desportivos... MAS... e há sempre um mas... os senhores do basquetebol, para não darem azo a novelas deste tipo, resolveram a coisa muito bem... no artigo 50º ponto 3, reza o seguinte, para as tentativas de agressão:
"As restantes ameaças e/ou tentativas de agressão, independentemente do local ou do agente, serão punidas com um a seis meses de suspensão."
Já para as agressões o regulamento diz que:
"As restantes agressões" - (ou seja, as que envolvem agentes NAO desportivos) -"não compreendidas nos números anteriores, serão punidas com uma pena de dois meses a três anos de suspensão."

E se ainda se lembram, tudo este episódio começou com um pontapé na estrutura móvel que faz o túnel, no Estádio da Luz. Ora para "Danos em instalações Desportivas" diz o regulamento do Basquete que: "Os agentes desportivos que pratiquem quaisquer actos que causem danos nas instalações desportivas onde se desenrole a competição, serão punidos com uma pena de dois a dez jogos de suspensão da actividade desportiva."

E pronto... assim se legisla no desporto Português.

Pedro Vagos disse...

Já aqui ao lado, diz o regulamento da RFEF - Federação Espanhola, que a agressão ao espectador (outro agente não desportivo cá em Portugal, apesar de ser o único que para para estar no espectáculo... desportivo) é punida da seguinte forma:

"Serán también faltas graves, que serán penalizadas con suspensión desde trece a veinticuatro encuentros (...) La agrésion (...) o espectador"

Enfim... há regulamentos e regulamentos.

Telmo disse...

Reparem nos jornais desportivos de hoje...."o jogo" tem uma capa encomendada pelo padrinho, e o "record" tem uma capa encomendada pelo cotonete...a saga do pato continua...

Alex disse...

Bem, relativamente ao que é dito sobre os stewards nos comentarios mais acima, não posso deixar de dar a minha opinião.

Será que funcionários de uma empresa PRIVADA, que não são indispensáveis à realização do jogo, podem ser comparados a árbitros, bombeiros e toda a lista descrita pelo sr rearviewmirror?

É assim tão difícil de entender?

Será que um jogador de futebol, por ser jogador de futebol, não pode envolver-se em confrontos com terceiros sem ser punido desportivamente? Uma coisa é responder perante a justiça civil, em caso de queixa do agredido, outra coisa é a justiça desportiva.

Não tentem desculpar o indesculpável, nem tentem negar o que está à vista de todos. O Sr. Ricardo Costa, e respectivos comparsas, prejudicaram deliberadamente e em plena consciência, o FC Porto. Se houvesse consciência tranquila não havia demissões nem pedidos de demissões.

Alexandre disse...

Caro José Marinho, só agora li os seus comentários ao ultimo post, e devo desde já admitir a minha grande surpresa por encontrar neste blogue um benfiquista que queria realmente debater o futebol, aceitando a diferença de opiniões resultante de preferências clubísticas opostas.
O Sr. José Marinho ainda cá não andava, e já eu estava farto de cá andar, assinando com o nome Alexandre, até ao dia em que, fartos de sucessivas derrotas, e com falta de argumentos, decidiram calar os meus comentários.
Nunca cheguei ao ponto de responder à letra aos insultos que me foram muitas vezes dirigidos, e vou aproveitar a boleia dos seus comentários para responder às suas perguntas.
Relativamente à seriedade do CJ, não sou daqueles que acha um órgão sério e honesto simplesmente porque tomou uma decisão que me agrada, e vice-versa. Para mim, nenhum órgão ligado à política ou ao futebol pode ser considerado 100% honesto. O que fez o CJ foi apenas repor uma justiça que a CD deliberadamente manipulou. Não deixa no entanto de me causar alguma estranheza o facto da justiça ter sido feita dois dias depois do ultimo jogo importante entre fc porto e Benfica. Relativamente ao Vandinho, parece-me que se trata de mais uma coincidência, mas não sendo conhecedor de todo o processo, não vou fazer acusações infundadas.

Já agora, lembro-me que o Sr José Marinho justificou a goleada do fc porto sobre o braga com uma excepcional pontaria dos jogadores do fc porto. Então o que dizer do jogo do ultimo domingo? Não terá sido uma excepcional pontaria marcar um golo com a ajuda do Nuno, e um golo de livre que não poderia ter calhado melhor? Não, suponho que a vitoria de domingo foi tipo uma “demonstração clara de superioridade”.

Mas isso, caro José Marinho, são as diferentes maneiras de ver o futebol mediante a cor da camisola. O que interessa é o resultado final.

José Vieira disse...

Quando o Alex fala de foro público e privado e na mesma frase tem o despudor de juntar a palavra "árbitro" só me ocorre dizer-lhe: JÁ É PÚBLICO QUE O TEU CLUBE RECEBE ÁRBITROS EM PRIVADO!!

E quanto a justiça, concedo-te que a consegues fazer quanto ao teu próprio nome: és um diminuído.

Ganha vergonha na cara.

Pedro disse...

"Será que funcionários de uma empresa PRIVADA, que não são indispensáveis à realização do jogo,"

MENTIRA. É obrigatório a presença de Stewards, tal como policia e bombeiros, para a realização de jogos de futebol.

REDAVENGER disse...

Pedro, eu prefiro de longe ser uma vez campeão como fomos em 93/94, do que duas como fomos com o LFV (contando com o campeonato deste ano).

Anónimo disse...

Nomear um árbitro de Lisboa, e sócio do SLB para um jogo destes enfim é uma vergonha, queremos o Jorge Sousa!!!

Pedro disse...

Claro, RED, claro.

Olha eu tenho ORGULHO enorme no título conquistado em 2004/05. Há poucas coisas na vida que me deixaram tão feliz com o título que conquistámos em ano de apito dourado. No ano em que os árbitros são apertados e ficam com medo de beneficiar tanto o clube corrupto o Glorioso Sport Lisboa e Benfica é campeão. Podem dar as voltas à história que quiserem, podem comprar os árbitros que quiserem, podem agredir quem lhes apetece mas isso nunca conseguirão mudar: Fomos campeões nacionais no ano em que os árbitros, pela primeira vez, tiveram receio em aceitar fruta e café com leite. Se mais provas fossem precisas para explicar o que é o clube corrupto esse ano é taxativo.

Este ano, se tudo correr bem, terei imenso ORGULHO na nossa equipa se sagrar campeã nacional, jogando um futebol fantástico e vencendo os adversários e todos os esquemas manhosos (tuneis e castigos) e arbitragens danosas (Jorge Sousas e afins) que temos sido brindados este ano.

Nenhum adepto do clube corrupto pode orgulhar-se do mesmo!!!!

João Bizarro disse...

Olha o REDAVENGER/Jaco/Alexandre.

Seja(m) bem vindo(s)

João Bizarro disse...

Assim que aparece o Dr Jakyll vem logo atrás o Mr Hyde!!!

Hugo disse...

Desculpem mas no caso do Hulk, não há justificação possível...

A agressão a um Steward é igual a uma agressão a um Policia.

Eles estão lá para manter a segurança do espectáculo, dando condições para o mesmo se realizar.

Não há nada a entender.
A Federação é corrupta.

Passaralho disse...

Estou-me cagando para quem é ou deixa de ser corrupto.
O Porto é. Assumidamente, já o sabemos.
Os adeptos do porto que não condenaram nem condenam isso também o são.
Os adeptos defensores de jogadores que praticam agressões e não futebol, que só os defendem sem nunca os terem condenado, são criminosos, estúpidos, e mereciam ser atropeladas por uma besta dessas que os colocasse numa cadeira de rodas para toda a vida. Assim. Sem reticências nenhumas, sem pena.

Além de acéfalos e, na sua esmagadora maioria, pedantes, atrofiados, grunhos e filhos de grandessíssimas... quengas, vá. Como as que acompanham normalmente o seu guru.

Prefiro de longe que se julguem cheios de razão e se sintam prejudicados pelo CD da liga, que são uns belos palhaços também, diga-se, do que terem noção da realidade. Melhor para nós.

Já agora, quando é que sai o sumaríssimo ao Cebola Podre por causa do dedo no ar? Isto funciona, mais uma vez, só para um lado?

É deixá-los grunhir. É a sua triste forma de existir. Não sabem, não podem, não conhecem, não querem mais. São tristes. Vivem do ódio ao Benfica, ensinado pelo putanheiro mor. Não sabem o que é amor. Nunca o tiveram. Não sabem o que é justiça. Nunca a conheceram. E só reconhecem justiça no que lhes é favorável.

Se o papa chiclas os mandar atirar ao Douro, eles vão, coitados, qual horda de ratos de esgoto a seguir o flautista.

Temos pena. Não somos feitos dessa merda.

É deixá-los andar. Não é possível nem sequer desejável combatê-los. Temos de descer ao nível deles, e aí, levamos goleada pelo seu excesso de experiência.

Há que relevar. Dar importância ao que realmente a tem.
Amanhã é para ganhar. Claro. Por amor ao Benfica, nunca por ódio a ninguém.
Quem quiser que se console depois com o que julgar mais conveniente.

Cumprimentos,
Benfica Sempre!

Passaralho disse...

Já agora, prefiro mil vezes o título de 2004/2005 a qualquer um ganho no 'reinado' do putanheiro mor, com todos os seus esquemas, jogadas e ardis.

Poh caralho, pah!
São a imagem do país de merda que temos, onde tudo funciona como eles. Por isso se vão safando.

Cumprimentos,
Benfica Sempre!

iBenfiquista disse...

Tenho de responder ao Alex, que é um andrade muito falho de inteligência, e que me tira do sério. Porra, que a burrice também tem limites!!

1. Aqui não está em causa se os seguranças (stewarts) são necessários ou não para o espectáculo desportivo. Então os espectadores também são necessários nos estádios? Pode-se perfeitamente fazer um jogo de futebol sem qualquer espectador. Isso dá direito a jogadores de agredirem o espectadores? Que raio de argumentação é essa?

2. E sim, os seguranças são necessários para o espectáculo desportivo. Isso está consagrado na lei. Não sei se sabe o que isso é. Por exemplo, amanhã para o Benfica-Braga estão contratados 450 (!) seguranças. Será que isto é ilegal? Não me diga que estes seguranças vão todos para a bancada ver o jogo como meros espectadores que são. Pois isso é o que o CJ da FPF considera. Nesse caso não poderiam executar o trabalho para o que estão contratados.

3. O Hulk agrediu um segurança, QUE FAZ PARTE DO ESPECTÁCULO, quer queiram quer não, pois está lá mandatado pela Liga, que é quem organiza o espectáculo, juntamente com o clube, obedecendo ao delegado da mesma. Os seguranças estão lá por que SÃO NECESSÁRIOS. Mesmo que não sejam indispensáveis.

4. O Hulk e os outros jogadores são AGENTES DESPORTIVOS. Agrediram os seguranças DURANTE o decorrer do espectáculo. Não os agrediram fora do recinto. Se tivessem agredido os seguranças no Colombo, estavam APENAS sujeitos à justiça civil. E o CJ da Liga não teria feito nada. Já não os prejudicava! Lol. Mas de certeza que a polícia os ia prejudicar.

5. Os jogadores foram prejudicados? Pois foram. Mas foram eles que se prejudicaram a si por próprios. Eu se assaltar um banco e um juiz me condenar à prisão estou a ser prejudicado. Mas não se pode condenar o juiz por ter aplicado a lei. Se eu não quisesse ser prejudicado, não tivesse quebrado a lei. Então um agente desportivo (jogador) que bate noutra pessoa durante um espectáculo desportivo, dentro da instalações desportivas deve passar incólume, sem castigo? Porque está a ser prejudicado? Isto são argumentos de imbecis!

6. Como diz um comentador anterior, em Espanha a agressão a um espectador dá de castigo entre 13 e 24 jogos. Isso é que é ser prejudicado, hein? Pois, mas em Espanha defende-se o espectáculo desportivo, a verdade desportiva e a verdade da justiça. Por mais que prejudicado que fique quem prevarique.

Dou um conselho ao Alex. Se não tem nada para dizer, cale-se! Porque a argumentação apresentada é de pessoa sem tino nem inteligência. E estou a ser simpático.

Saudações Benfiquistas

PS. A demissão do presidente da Liga foi por ter ficado INDIGNADO com a decisão do CD da FPF. Eu também ficaria. E não por ter a consciência pesada.

João Bizarro disse...

Continuo sem perceber o porquê de tanto ruído com o campeonato 2004/2005 para além de ter sido nivelado por baixo!

Foi ganho pela melhor equipa nessa época.

Passaralho disse...

Plenamente de acordo, João. E por isso a minha preferência. Foi só a resposta a algumas pseudo-provocações aqui deixadas por alguns meliantes.

REDAVENGER disse...

Eu apenas sou um adepto correcto e honesto, quero a verdade acima de tudo, voces tambem odeveriam ser.

Hugo disse...

O campeonato 2004/2005 foi sem espinhas!!!!!!

Helder disse...

O titulo conquistado em 2004/2005 foi limpinho. Clarinho como água!! Quém disser o contrário só pode estar a delirar.......
E por muito que custe a muita gente esse titulo deve-se e muito a José Veiga. Mai nada!

Pedro disse...

No fantástico título de 2004/05 tivemos que ultrapassar arbitragens muito manhosas (um pouco à imagem deste ano com a excepção q estamos a jogar muito mais à bola!!!). Alguem se esqueceu do golaço do Petit que o Baía tirou de dentro da baliza e o Olarápio não validou? Ou os 4 penaltys em Penafiel que o Proença (árbitro de sábado) ignorou a favor do Glorioso mesmo antes do jogo do título SLB-scp? Ou a pancada que os jogadores do Estoril deram ao Mantorras e companhia no tal jogo do Algarve sem a devida punição?

Dexter disse...

"Nunca cheguei ao ponto de responder à letra aos insultos que me foram muitas vezes dirigidos"

LOOOOOOOOOOOOL
Isto sim é terminar a semana em grande. Há realmente malta com uma lata do tamanho do mundo

Como diz o João.....tambem eu fiquei na duvida, quem é que nunca insultou ninguem ? O Jaco, o alexandre ou ainda o outro personagem de alter ego ? É que por incrivel que pareça nenhum deles pode dizer essa pomposa frase.

Anónimo disse...

O campeonato de 04/05 foi calminho?? 8 empates, 7, repito 7 derrotas, 51 golos marcados e 31 golos sofridos, repito 31!!!! tem memória curta vocês, jogos ganhos a 1-0 e 2-1.
E depois semanas antes do titulo era lenços brancos, e cadeiras partidas e escrever com latas de spray no estádio "chulos" e outras coisas.
Ou aqui é tudo pessoas que nasceram depois de 1995 ou então tem mesmo graves problemas de memoria. Ganhamos esse campeonato ainda hoje nem eu sei como é que o ganhamos, mas pronto ganhamos.

João Bizarro disse...

Anónimo, qual foi a parte do "ganhou a melhor equipa desse campeonato" que não percebeste?

Querias que ganhasse o clube que teve 4 treinadores?

Querias que ganhasse o clube do Labreca chorão?

Como já disse foi um campeonato nivelado por baixo mas ganhou a melhor equipa.

Anónimo disse...

Oh claro que os corrputos com 4 treinadores não iriam fazer nada. E o sporting apesar de ter chegado à final da UEFA o campeonato foi desastroso.
Mas o campeonato não foi com calma nenhuma como aqui li, foi um péssimo campeonato, o Benfica praticava um futebol pobre. Levamos 4-1 do Belenenses onde é que isso se admite??

João Bizarro disse...

Da minha parte não viste dizer que foi um campeonato ganho nas calmas. Foi sofrível mas merecemos vence-lo.

André Leal disse...

E os corruptos levaram 4 em casa com o Nacional e os Calimeros outros 4 (a dois)...

E não te esqueças que o treinador do Belém era o Jesus...

Pedro disse...

Anónimo o q a malta disse é q foi um campeonato limpinho, sem espinhas!!!

Anónimo disse...

"E não te esqueças que o treinador do Belém era o Jesus..."

Errado. O Jesus nessa época substituiu o Vítor Oliveira no Moreirense, e não evitou a descida de divisão. Só foi para o Belém em 2006

João Bizarro disse...

O treinador do Belém nessa época era o actual treinador do Sporting.

JJ como treinador do Benfica ganhou ao Benfica, mas foi 1-0, golo de Weldon. Numa jogada individual pela esquerda, remate cruzado com o pé direito após passar pelo Luisão.