blog

sexta-feira, junho 23, 2006

Tarda mas aparece sempre

A verdade. A verdade pode tardar mas acaba sempre por aparecer.

Numa das televisões nacionais, num dos muitos programas de debate sobre o mundial (ou terá sido na rádio?) , especificamente, no pós Portugal-México de quarta feira, o árbitro Duarte Gomes era um dos convidados e foi interpelado para comentar o lance do penalty que Miguel cometeu. O sôr Duarte Gomes disse que num lance daqueles os árbitros têm que analisar diversos factores qualquer um deles passível de sancionar: Intencionalidade do gesto, distância do remate, "se os braços estão na sua posição natural ou não".

Se os braços estão na sua posição natural ou não!!!
Finalmente......

11 comentários:

Nuno disse...

Os penaltis que foram marcados amíude no ultimo campeonato à pála dos braços que andavam pendurados no corpo dos jogadores, desta vez no mundial, os mesmos penalties (dos braços pendurados), não são marcados.

Será que os bois tugas consideram batota levar dois braços agarrados ao lombo para dentro do campo?
Ou será que os bois da do mundial não pertenc
em à fifa?Ou serão os nossos?

O que se pretende são critérios uniformes a nível mundial, mas não está fácil.

Pedro disse...

Eu acho q os critérios existem..o q não existe é cumprimento dos mesmos.
Posição natural dos braços é qd os mesmos estão ao longo do corpo. Um braço aberto nunca está na sua posição natural. "À e tal mas, por exemplo, qd os jogadores saltam os braços acompanham o movimento". Pois acompanham e se estiverem abertos e desviarem a bola do seu trajecto é falta.

Cada vez mais se vê os defesas a fazerem-se aos lances com os braços atrás das costas. É assim q tem de ser.

Pedro Neto disse...

O Miguel está de costas para a bola e já está em queda, nunca pode ser considerado intencional e é esse o critério para se marcar o penalty.

Pedro disse...

Não só. A intenção deixa de ser relevante caso o braço esteja numa posição não natural. E claro...desvia a trajectória da bola.É o braço aberto do Miguel q impede a bola de levar a trajectória q seria suposto. Se o braço estivesse junto ao corpo não havia nada a sancionar. Assim, estando o braço aberto é correcto o assinalar do penalty.

Pedro Neto disse...

Se o braço do Miguel estivesse junto ao corpo ele partia a cabeça ao embater no chão.

É óbvio que ele coloca o braço para se apoiar no relvado e amparar a queda, Pedro. Todo o jogador faria isso nesta circunstância!

Tenho a certeza que já viste dezenas de lances parecidos.

caxana disse...

voces para alem de burros sao estupidos é penalti. claro que no campo do recreativo da luz nao é mas ja estamos habituados


argentina campea ou brasil


porto(gal)



benfica é merda

Anónimo disse...

Ó "andrade", cheiras mal da boca, não chateies este tontinho que ele pertence ao Clube do Bale Azebedo, esse é merda, o outro é o Glorioso Benfica

at1971 disse...

na minha opinião é penaltie.
isto porque não haver intenção n chega para ilibar. se os braços n estão na posição normal ou natural e se a bola lá bate, mesmo que sem qualquer intenção do defesa, é penaltie. boa decisão do árbitro.

Pedro disse...

Olha um andrade...Coisa rara.
Então como vai essa fruta e café com leite? Muitos quinhentinhos?
O Scolari é lixado não é?
hehehehe

Pedro Neto disse...

Mas a posição natural dos braços não é tentar amortecer uma queda ou é manter os braços junto ao corpo e amortecer o tombo com as costas e a cabeça?

Eu quando vou ao chão a primeira coisa que faço é meter os braços para me segurar, acho que toda a gente faz isso, ou não?

Por amor de Deus, vamos ser sérios!

Pedro disse...

Ò xana assim não vais lá.