blog

quarta-feira, outubro 25, 2006

"táctica dos emplastros"


Não sou apreciador da figura enquanto comentador desportivo, acho-o incapaz de defender o Benfica de forma eficaz e concisa. Acho-o um "banana" e por isso nem aos seus escritos ligo. Mas, atravéz do Queridos Jornalistas Desportivos, li o seu ultimo texto n'A Bola e merece o meu aplauso. Na mouche ...

" Como acontece frequentemente sempre que o Benfica vai a eleições, começou já a onda de reparos e comentários dos mais variados. Como desta vez, por razões que agora não importa analisar, se apresenta ao acto eleitoral apenas uma lista candidata, logo houve quem se lançasse em deambulações eloquentes sobre o tema da democracia no clube da Luz.
Confesso que não pude conter uma gargalhada ao ler e ouvir o que se tem dito. Se há clube em Portugal que ao longo dos anos tem proporcionado pugnas eleitorais acesas e abertas, dando verdadeiras lições de democracia interna, esse clube é o Benfica, como toda a gente sabe, vê, ouve e lê. Ao contrário de outros, aliás, que fazem dos seus actos eleitorais um longo, permanente e bocejante referendo a líderes que se perpetuam. Enquanto o Benfica tem verdadeiras eleições, outros limitam-se a ter plebiscitos disfarçados e envergonhados.

Outro fenómeno hilariante é o facto de não serem sócios ou adeptos do Glorioso a questionar o facto de, nestas eleições concretas, apenas uma lista se ter apresentado a concurso. Os remoques vêm de elementos do segundo maior clube português, o chamado anti-Sport Lisboa e Benfica, ciosos de difundir qualquer opinião sobre qualquer tema que não lhes diga directamente respeito. Percebe-se! Afinal, o tempo de antena que o Benfica ocupa na comunicação social, pela importância fundamental que ocupa na sociedade portuguesa, constitui oportunidade para muito boa gente ter tema, chegar-se à frente e obter um protagonismo imediato, ainda que episódico. É a chamada táctica dos emplastros... "

9 comentários:

João Bizarro disse...

Muito bom.
Como também está muito bom o do Bagão Félix na Bola de ontem.

Anónimo disse...

Só fico contente quando vir Fernando Seara responder à letra ao hipócrita do guilherme aguiar e ao ressabiado do dias ferreira, porque a única coisa que eu vejo é estes 2 atacarem o Benfica e o Seara sorrir e tentar acalmar as conversas, ou seja, deixa o Benfica ser enxovalhado só para ser diplomático.

No entanto pelo que vejo na escrita ele é muito mais duro na defesa do Benfica, como político que é, na tv não pode dar muita bandeira para não ficar mal visto...

Pedro disse...

O Benfica está muito mal servido no q a paineleiros diz respeito. Quer o Seara que o Vasconcelos são uns grandes "bananas", muito moles para fazer face aos opositores. Esta semana quer o Seara quer o Vasconcelos tiveram a hipotese de "esmagar" os tripeiros dos programas...mas nada...mansinhos mansinhos...

E o tarolas do Trio de Ataque abriu a porta, de forma escancarada, às escutas...tinha-o cilindrado!!!!!!!

Talk Talk disse...

Não concordo contigo Pedro. Acho que o Seara se porta como um "senhor" ao contrário de por exemplo o "meu" Dias Ferreira que por vezes se deixa levar pelo facciosismo exacerbado.
Acho que com homens como Seara o futebol era posto nos eixos.
Desculpa-me o que te vou dizer mas, é por muitos pensarem assim que Pintos da Costa, Valentins, Veigas, etc, dominam o futebol.
Os cavalheiros são vistos como "bananas" e os labregos como "grandes defensores".

Quanto ao Vasconcelos... ai acho que tens razão, ai já é demais!!!! mas olha que para o "com um brilhozinho nos olhos" não é preciso muito mais... e até gosto do tipo do Porto.

João Bizarro disse...

Concordo com o Talk Talk no que diz respeito ao Seara.

Pedro disse...

O ser "banana" não te nada a haver com o ser gentleman ou grosseiro, tem sim a haver com o facto de ele não conseguir defender o Benfica, de nunca conseguir deixar de forma concisa a sua opnião, de nunca conseguir q a sua msg passe de forma obejctiva. E não acho q ele foque os assuntos q deveria focar como defensor do Benfica.
Ele pode ser gentleman e ser à mesma bom defensor do Benfica.

Anónimo disse...

Concordo com o Pedro, o Seara é um diplomata, mas a verdade é que ele muitas vezes prefere perder a discussão do que estragar a imagem que tem, no final a imagem acaba por ficar ainda pior porque as pessoas percebem que o guilherme aguiar e o dias ferreira acabam de gozar com ele e ganhar a discussão e ele ficou calado, enfim...políticos que dependem de votos a comentar futebol é estar a condicionar as conversas deles ao princípio...
Nunca percebi porque os comentadores do sporting e fcporto sempre foram pessoas fanáticas e hipócritas mas que defendem o clube deles até ao fim (até escondem os crimes cometidos), e os comentadores do Benfica sempre foram uns bananas com medo de estragar a imagem, até parece tudo escolhido a dedo pelas tv's.

p.s. A Leonor Pinhão como paineleira...isséquera ;)

Anónimo disse...

p.s. Quando disse pessoas fanáticas e hipócritas esqueci-me de abrir uma excepção ao grande Sérgio Godinho...

Nuno disse...

É preciso notar, primeiro que tudo que estes programas de debate desportivo não são representados oficialmente pelos clubes, essa é a 1ª questão.Depois, se calhar ás vezes é melhor ser mais comedido do que vomitar ódio na praça pública.

Concordo com a Leonor Pinhão para paineleira representativa do nosso universo futebolístico.O que importa é o debate, a discussão e não tanto a obrigação de defender intrasegentemente os clubes das suas cores embora isso lhes seja inerente à sua condição.Facciosiosmos à parte, evidentemente porque esse não levam a nada senão à progressiva cegueira e nesse aspecto o trio d'ataque torna-se mais descontraído e cativante do que o político e quase sempre tendencioso dia seguinte.

SUGESTÃO : Vejam o biqueirada na Sic Comédia hoje às 21.00 e garanto-vos que irão ficar agradávelmente surpreendidos pela positiva com este novo programa desportivo.Não percam!