blog

sábado, setembro 30, 2006

Numa casa portuguesa fica bem pão e vinho sobre a mesa...

... da Assembleia Geral!!!

Vilarinho na Assembleia Geral
O nome do ex-presidente do Benfica, Manuel Vilarinho, foi hoje avançado como candidato a presidência da Mesa da Assembleia Geral do Benfica, durante um jantar de homenagem ao máximo dirigente do clube da Luz, Luís Filipe Vieira.

11 comentários:

Pedro disse...

Haja quem nos acuda.....

João Bizarro disse...

Temos de ver "a coisa" pelo (hic) lado positivo. Muita ( hic ) animação é capaz (hic) de haver.

hic

Anónimo disse...

Realmente com adeptos benfiquistas destes nem precisamos dos sportinguistas e portistas para nos mandarem a baixo... que tópico tão desnecessário.

João Bizarro disse...

Caro Paulo, o que é desnecessário é o Benfica ter mos seus quadros pessoas que não interessam a ninguém.

Da boca do Vilarinho sairam os maiores disparates que alguma vez um dirigente benfiquista pronunciou.

Pego na sua 1ª frase e altero refereindo-me a Vilarinhos e a Veigas: Realmente com "benfiquistas" destes nem precisamos dos sportinguistas e portistas para nos mandarem a baixo...

tuareg dragon disse...

Quer dizer... Vilarinho + jantar = Vinho!!!
Certo?
È melhor reforçarem a adega, seus borracholas d'um carago!!!
LOL
aKeLe MuRRo
Miau

João Bizarro disse...

Aqui a malta do sul prefere beber vinho do bom do que cafezinhos com leite.

Aqui não precisamos de pagar para isso.

E agora não me chames de pai porque eu nunca fui a um bar de alterne do Reinaldo Teles.

Anónimo disse...

Era o vinho meu Deus era o vinho.
Era a coisa que eu mais adorava.
Só por morte meu Deus só por morte, só por morte o vinho deixava.

jbernardo disse...

Só falta ir buscar o Toni para substituir o Fernando Santos, e voltámos à tasca...

Glorioso11385 disse...

Concordo com o Paulo Ricardo: 'post' desnecessário e de mau-gosto! Pode discutir-se, isso sim, se o Manuel Vilarinho tem perfil para a função. E eu tenho sérias dúvidas de que assim seja.

João Bizarro,
Por muitas asneiras que Vilarinho tenha dito e feito, nunca me esquecerei de que foi graças à sua candidatura que corremos com esse verme chamado Vale e Azevedo, esse sim, o dirigente benfiquista que mais barbaridades disparou.

PS - O Veiga nunca foi e nunca será benfiquista!

Nuno disse...

É evidente que o desempenho de funções é uma coisa, e a vida do homem ,se gosta de vinho ou não, é outra completamente diferente a não ser que por vezes se misturem.Afinal todos nós gostamos de vinho, qual é o mal do homem também gostar de vinho!?
Não se misturem as coisas!!
Também sou obrigado a reconhecer a grande coragem e o mérito que teve(onde mais ninguém se chegou à frente),na altura de salvar o clube de falir e sumir, porque se há coisa que não devemos ser é mal agradecidos a quem nesses tempos difíceis teve essa coragem.Agora se o homem bebe ou deixa de beber, ningúem tem nada a ver com isso desde que não interfira com os assuntos profissionais do clube.A gratidão a quem a merece fica sempre bem o que não significa que Vilarinho não tivesse cometido erros,certamente os cometeu como todos nós, ás vezes, os cometemos.
Estou em querer que o espírito do post foi mais para a brincadeira pois só assim pode ser compreendido e as brincadeiras ás vezes são necessárias para aliviar o espírito.

n_sardas disse...

tanto silêncio...