blog

segunda-feira, agosto 29, 2011

Nacional - SL Benfica: 0-2

Não apareceu D.Sebastião mas o nevoeoro trouxe um SL Benfica conquistador que apesar de ter realizado um jogo fraquinho conseguiu, justamente, alcançar o objectivo e trazer para a Luz os três preciosos pontos em disputa.

Jesus apresentou o 11 que eliminou o Twente apenas com Jardel no lugar do lesionado Garay e mais uma vez sentiu-se que a equipa estava mais compacta, mais sólida, mais unida. Se defensivamente a equipa funcionou bem ofensivamente sentimos dificuldades em ligar os sectores tendo recorrido ao inestético chutão dos centrais para que Cardozo fizesse milagres. O nevoeiro teimou em quebrar o ritmo do jogo mas, felizmente, no meio da nuvem espesa Cardozo marcou um precioso golo que permitiu ao Benfica um controlo diferente do jogo, mais táctico, obviamente mais feio mas muito, mas mesmo muito, inteligente. Sinceramente gostei muito da forma adulta com que o Glorioso abordou o jogo após estar em vantagem e quanto mais confiança tiver na nossa defesa mais exuberante ficarei com este tipo de jogo. É assim que se ganham jogos e é assim que se ganham títulos. Espero que esta postura se mantenha melhorando sempre qualitativamente os processos e automatismos da equipa.

Não houve um jogador que tenha sobressaído em relação aos demais, Gaitan esteve bem, Cardozo igualmente marcando mais um golo decisivo, Bruno César entrou bem, Artur muito seguro e a dar a merecida tranquilidade aos defesas que não têm qualquer problema em lhe passar a bola, Javi todo o terreno, Witsel e Aimar menos em jogo mas sempre inteligentes quando tocam na bola. Quero realçar, no entanto, Jardel que parece ser o novo patinho feio da equipa, voltou, na minha opinião, a ter exibição bem positiva (não sei onde os comentadores da TVI viram tanto erro!!!) e a mostrar que é alternativa para estes jogos; e Emerson que teve 70 minutos muito bons e depois, de um momento para outro, estragou tudo com três ou quatro erros inaceitáveis em alta competição e a obrigar-me a torcer para que sejam meros erros de ocasião e não algo mais profundo. Aquele canto no final do jogo é qualquer coisa...a não repetir.

Jesus mexeu bem na equipa, Nolito saíu e entrou Bruno César que está desejoso de mostrar serviço e aos poucos vai mostrando pormenores bem interessantes e uma velocidade de execução que o seu corpo aparentemente não deixava antever. Enzo Perez entrou para poupar Aimar e dar força à ala direita procurando abrir a defesa do Nacional já debilitada por estar com menos um.

Artur Soares Dias irrita-me. Na primeira parte marcou falta contra o SLB por qualquer queda de um jogador do Nacional enquanto ignorava, como costume, as faltas sofridas pelos nossos jogadores. Parece-me exagerado o segundo amarelo ao jogador do Nacional que foi expulso mas deixou passar em claro uma agressão sobre Witsel. Há um fora de jogo mal assinalado a Witsel que se isolaria na cara do guarda redes na primeira parte mas, enfim, aceita-se...

Agora a habitual paragem no campeonato ao fim da terceira jornada e tempo para os jogadores recuperarem fisicamente e de alguma maleita que padeçam. A equipa parece querer crescer e a dar sinais bem positivos que este 11 é fortíssimo e com um potencial enorme. O banco existe e tem muita qualidade e ainda faltam jogar Nelson Oliveira, Rodrigo, David Simão e Miguel Vítor que, espero, tenham a sua oportunidade para não só crescerem como jogadores mas também para ganharem ritmo de jogo para estarem em condições de substituir alguem num momento a doer.

PS: Força grande Ricardo Gomes.

20 comentários:

André Leal disse...

O canto do último minuto dos descontos do Emerson foi calculado: Ele já estava a ver o 2º golo no contra-ataque!

:D

Bcool973 disse...

Será que o Bruno César é extremo ? Porque jogou o Aimar que estava completamente nas lonas ? Com o não marcar golos, o Jesus já pode seguir com mais umas das suas campanhas contra um alvo neste caso o Nolito. E o Saviola porque desapareceu ? Quanto ao Rodrigo, Nelson Oliveira e Miguel Vitor não sei se terão hipóteses pois joga o Jardel no lugar do Miguel Vitor e a seguir ao Cardozo ainda deve estar o Saviola e como só jogamos com um avançado. Acho curioso as loas generalizadas ao controlo e à defesa quando corremos o risco de contra 10 empatarmos o jogo nos descontos. Sinceramente, o único jogo que gosyei este ano foi o de quarta contra o Twente porque de resto tem sido uma pobreza franciscana, mas vá lá, ainda só perdemos 2 pontos.

Álvaro Martins disse...

O Soares Dias é um palhaço, no lance da expulsão existe antes dessa falta que origina o segundo amarelo uma muito pior spbre o Aimar, e essa sim para amarelo ("alaranjado" diga-se), cometida pelo gajo que depois agride o Witsel. E a agressão é inadmissível que tenha passado impune, como é que não se vê aquilo? Enfim...

John Wakefield disse...

Foi o jogo possível e o Benfica fez o mínimo para vencer o jogo e por isso, a vitória é justa, embora tenha sido muito sofrida...

SB4EVER disse...

Apareceu o D.Cardozo e já foi muito bom! LOL

Não vejo razão para criticar a qualidade de um jogo que teve a 1ª parte condicionada pelo nevoeiro da maneira que não se viu! O mesmo nevoeiro que engoliu o Nolito bem substituido ao intervalo!

O Aimar notou-se estar sem grande fulgor, espero começar a ver o B.César na sua posição em breve, com a champions vai ser necessário alternar a titularidade, o Bruno começa a convencer e já mostra uma forma física interessante.

Não fiquei particularmente agradado com a demora em substituir o Aimar e tb preferia que aí o Gaitán fosse para a esquerda, o César para o Meio, entrando o Rodrigo para a direita, mas pronto fucionou e é apenas a minha opinião.

Discordo da exibição bem positiva do Jardel acho que o suficiente já é um elogio, o que sofreu o Emerson(o canto no fim dasse) na 1ª! Pior é os passes á queima que continua a fazer e teve tb uma saida despropositada em que perdeu a bola, salve-se ter acertado o posicionamento e marcações na 2ª assim como ter feito alguns bons cortes.

A entrada violenta, seguida de agressão á cotovelada ao Witsel é q foi mau de mais e o arbitro deixa o selvagem em campo. Arbitragem portuguesa concerteza!

Concordo inteiramente com o último parágrafo, digo mesmo que temos um plantel forte e com muito potencial que se espera que o treinador saiba potenciar, pelo menos 15 jogadores são de qualidade inegável, as jovens promessas deixam-me optimista para o futuro e acredito que correspondam qd chamados.
Acredito que esta equipa ainda tem muito a crescer e que o melhor ainda está por vir o que me deixa contente!

e pluribus unum

Jotas disse...

Não foi um Benfica brilhante, nem o podia ser, naquele estádio,com aquelas condições atmosféricas e frente aquele adversário não é fácil sê-lo, mas foi claramente um Benfica competente, pela entrega, pela solidariedade e a frieza com que encarou este jogo e só assim foi possível sair da Choupana com os 3 pontos.
Cardozo, o tal que para alguns energúmenos não é matador, mas tem 61 golos nas 2 últimas épocas, voltou apenas a dar uma chapada aos cromos do assobio.
Para terminar, parece que Jesus voltou a ser bom treinador, é que tanto o matam como não ganha, como o veneram quando ganha, enfim, pelo menos eu não me lembro de ver um Benfica com Jesus desde Ericksson, mas isso sou eu, há quem pareça preferir os tempos de artur Jorge, Souness ou Quique.

Anónimo disse...

Jogo fraco, com mts passes falhados, equipa mt perdulária, sem capacidade para "acabar com o jogo" depressa.
O M.Vitor deve estar bastante mal para não ser titular, em vez do Jardel.
O Urreta parece que, uma vez mais, vai ser dispensado. Tendo em conta ser ele um dos poucos extremos-direitos de raiz do actual plantel, é um erro.
Ainda falta um lateral-direito e um ponta-de-lança para a equipa.

a.p.

Anónimo disse...

Na Madeira, neste estádio não me preocupo com o nível da exibição e sim sempre com os 3 pontos...

é sempre a mesma coisa aqui.... possivelmente a equipa que mais dificulta sempre o Benfica, em comparação com os outros 2 rivais!!!

Helder disse...

Ainda falta um lateral direito e um ponta de lança???????
Fantástico!!

Anónimo disse...

Benfiquistas de um raio, nunca estão satisfeitos com a equipa... ganhamos os 3 pontos... podiamos ter jogado melhor? Com as condições que se apresentaram e com o adversário dificil que tinhamos pela frente, duvido. Espero que o Nacional jogue assim quando o fcp lá for tambem....mas duvido...

Ginha disse...

Por mim o plantel está encerrado! A não ser que apareça algum daqueles negócios de um grande jogador disponivel para entrar no Benfica, mas mesmo assim e com o excesso de estrangeiros, tinha que sair alguém, e apenas estou a ver o Mora... Mas parece me que temos um bom plantel e ao contrário do que nos quiseram vender, fizémos um bom trabalho de casa!

http://www.a-nossa-mistica.blogspot.com/

John Billy #32 disse...

Onde anda o anónimo que dizia que o Cardozo, o Aimar, o Saviola e já nem sei quem mais, já estavam vendidos e que o Hugo Almeida, e outros, já estava contratado?
Que grande burro!!

Anónimo disse...

Helder, passados alguns anos e muitas tentativas falhadas, ainda não se encontrou uma alterntiva credivel para o M.Pereira. O uruguaio vai ter de ser "espremido" até ao limite. Depois deste tempo todo, o Benfica não ter encontrado um defesa direito decente é patético.
E substituto para o Cardozo, há? Parece-lhe que existem alternativas com caracteristicas semelhantes no plantel um ponta de lança que jogue fixo na área? Acho que não.
A.P.

Bruno Pereira disse...

Desafio lançado a todos os benfiquistas:

http://orgulhosamentelampiao.blogspot.com/2011/08/lanco-desafio-todos-os-benfiquistas.html

Tens coragem?

Abraços benfiquistas!

Ginha disse...

Anónimo ou A.P.

Para mim, o Nelson Oliveira é o substituto natural do Cardozo... Se reparar bem, já nem o paraguaio fica lá parado na área, á espera da bola, e por outro lado, se o Nelson teve que andar tanto tempo fora dela nos miudos, foi porque andava lá sozinho á frente e tinha que ir a todas....

www.a-nossa-mistica.blogspot.com

Anónimo disse...

Ginha
Para além de outras virtudes, o Cardozo tem a capacidade, se necessário, de jogar fixo na área, algo que não acontece com os outros avançados do plantel(podia ser o caso do N.Oliveira, mas parece-me que ainda lhe falta alguma coisa para ser uma alternativa credível. Espero que cresça, que continue na equipa e que o clube não perca de vista).
Enfim, foram as opções tomadas pela estrutura de futebol do Benfica. Mais grave é o caso do lateral direito.
a.p.

José Ribeiro disse...

http://um-para-um.blogspot.com/2011/08/dzeko-e-o-porque-de-cardozo-continuar.html

Convido-vos a comentar

Abraço

Helder disse...

A.P.

Alternativa a Maxi temos o Amorim e para alternativa ao Tacuara temos o Nélson ou o Rodrigo.

Ginha disse...

Se o Nelson não for jogando, nunca vai ser opção! É que depois, nao vai ser aos 26 ou 27, que vai precisar de tempo...

Anónimo disse...

Ginha, espero que o N.Oliveira jogue. Acho que ainda não é, mas vai ser no futuro próximo, alternativa ao paraguaio.

Helder
O Amorim é um remendo e não uma opção válida como lateral. Lembra-te da supertaça do ano passado e do 1º golo do Gil Vicente na Liga.
Se o antigo jogador do Belenenses é assim tão bom como dizes, porque é que Benfica foi contratar o Wass e o Almeida para o lugar. Aliás uma perda de tempo, porque o clube devia ter contratado um bom lateral direito, falha que se arrasta ao longo destes anos.

a.p.