blog

segunda-feira, janeiro 14, 2013

SL Benfica - FC Porto: 2-2

Mais do mesmo. Os anos passam, os jogos sucedem-se e os erros repetem-se e, sinceramente, ao quarto ano já não há margem de tolerância...

Quem ouviu a conferência de imprensa de Jorge Jesus teve a oportunidade de ouvir, pelas palavras do próprio, o porquê de ele ser um flop, o porquê de ele falhar repetidamente e de não alcançar o êxito apesar de ter ao dispôr matéria prima de superior qualidade ao adversário. Jorge Jesus disse (não fui eu, foi ele) que o meio campo do clube corrupto exerceu forte pressão sobre o nosso portador da bola e SÓ quando começaram a manifestar menor frescura física é que o Benfica conseguiu fazer jogo pelo corredor central. Isto foram as palavras de Jesus, podem confirmar na conferência de imprensa dele. Ora, sendo o sector mais forte do clube corrupto, sendo habitual o clube corrupto jogar com três ou quatro jogadores no meio campo, sendo sempre assim que o clube corrupto joga contra nós e conquista superioridade naquela zona nevrálgica para o ritmo de um jogo de futebol porque raio o nosso catedrático treinador, ao fim de não sei quantos jogos, não corrige um sistemático erro e anula a superioridade do meio campo corrupto? O jogo foi sempre dos jogadores azuis, sempre. As segundas bolas eram deles, sempre que cortavam uma bola ía parar a um jogador deles, nós quando fazíamos um corte eles rapidamente recuperavam a bola. Tudo isto porque tinham uma óbvia superioridade no meio campo à qual estivemos sempre à mercê. Jesus ao afirmar que foi o cansaço do adversário que permitiu ao Benfica algum jogo no centro do terreno diz tudo. Tudinho. Quatro milhões por ano para um qualquer Vítor Pereira lhe dar um banho no relvado. 

Não percebo a indignação dos benfiquistas para com as afirmações do Vítor Pereira. Estavam à espera de algo diferente? Estavam à espera que ele elogiasse os jogadores adversários como fez o nosso treinador? Estavam à espera que elogiasse o árbitro quando não venceu o jogo como fez o nosso treinador? Estavam à espera que elogiasse a postura do adversário como fez o nosso treinador? Se estavam então é porque andam a dormir há muito tempo...e assim se percebe o porquê de continuarem a achar que será o fim do mundo se Jesus sair do Benfica. Vítor Pereira deu um baile ao Jesus, aquela referência ao "O Benfica é isto, contra nós o Benfica é isto" devia indignar os benfiquistas mas não contra o treinador do clube corrupto, contra quem é o responsável por o Benfica ser, sistemáticamente, incapaz de vencer um jogo destes, um jogo onde a vitória seria uma enorme facada na moral adversária. Mas não. Podemos falar de erros individuais sim mas nesses erros individuais estão, igualmente, os do treinador que mantêm uma táctica que  NÃO RESULTA em jogos grandes, em jogos contra equipas fortes no meio campo. E o que dizer de nova substituição aos 87 minutos com o jogo empatado no Estádio da Luz? Enfim...cansei. É por isto que não alimento qualquer esperança. É por isto que ando a dizer "jogo a jogo" porque, sinceramente, é isto que eu espero de Jorge Jesus nos momentos cruciais da época: a equipa a claudicar, incapaz de crescer e superar o adversário. São três anos seguidos disto sem mudar uma única vírgula (mudou uma vez e ganhou 0-2 no Dragão e a jogar largo tempo com menos um...e nem assim aprendeu).

Sempre me mantive recatado quando todos teciam rasgados elogios a Artur e não será agora que deixarei esse recato quando os seus erros resultam em golos. Falhou como tantos outros falham também, desta vez a sorte não o protegeu e deu em golo. Que os benfiquistas não repitam erros do passado e apoiem o nosso guarda redes. Mas falar em individualidades só podemos falar de Matic que fez um jogo monstruoso enchendo o meio campo e foi por ele que o estrago da superioridade do clube corrupto no meio campo não fez mais mossa. Que enorme exibição, a defender, a atacar, a liderar. Mereceu, como poucos, aquele golão. Muitos diziam que Lima e Cardozo estavam apagados, em noite não. É preciso perceber o porquê, é preciso perceber que para estarem em noite sim têm que ter bola e Cardozo passou 90 minutos a lutar, pelo ar, com o novo Bruno Alves lá do sítio que tratou de lhe enfaixar a cabeça quando percebeu como seria o jogo do Benfica. Mais uma vez a superior qualidade individual dos nossos jogadores conseguiram equilibrar um pouco a batalha que estava, tacticamente, perdida. As arrancadas de Sálvio e Gaitan com o fenomenal apoio de Matic conseguiam impôr respeito nas hostes corruptas mas foram, claramente, insuficientes para vincar uma superioridade que nos desse os três pontos.

A táctica tem teias de aranha mas vai sempre funcionando. Vítor Pereira, o outro, teve a ousadia de escolher um árbitro para este clássico que não pertence ao vasto grupo controlado pelos corruptos. Como tal estes não perderem tempo a lançar uma campanha sobre o João "pode ser" Ferreira, o árbitro do túnel, etc. O Joãozinho de burro não tem nada, percebeu a dica e, se calhar, até gosta das regalias que os tais que pertencem ao grupo de eleição têm e vai daí tratou de mostrar hoje que pode ter lugar. Mal se viu que defensivamente o clube corrupto usava e abusava da violência física sobre os nossos jogadores com o total encobrimento do árbitro da partida todos, na bancada, acertaram na previsão que fizeram: o primeiro amarelo seria para um jogador nosso por protestos. Dito e feito. Enzo Perez não se conteve e depois de Gaitan ser ceifado duas vezes em duas jogadas seguidas quis vincar bem isso ao Joãozinho que tratou de o pôr na linha com amarelo. Enquanto isso Mangala enfaixa a cabeça de Cardozo e siga, Moutinho fez umas 356 faltas e siga, faltas atrás de faltas com dureza bem acima do aceitável e nada saía do bolso do Joãozinho. Na bancada ouve-se "vai dar amarelo a dez minutos do fim, é o costume". Vejam quando Moutinho levou amarelo. O costume.

Igualmente costume é o Benfica não saber agir e reagir perante isto. Vítor Pereira e o corrupto mor, sempre que não vencem, vêm mandar bocas sobre a arbitragem apesar de não terem, como sempre, qualquer razão. Nós, no Glorioso, ao invês de denunciarmos os erros, expô-los um a um em vídeo, apontar esta e aquela jogada, não, até elogiamos o gajo dando claramente o flanco para que passe a ideia que o árbitro nos beneficiou. É tanta incompetência que custa acreditar que não seja intencional...

Agora segue-se nova onda de vitórias (e daí não sei que Braga é já daqui a duas jornadas...) e exibições bem agradáveis contra equipa mais fracas, por vezes o rolo compressor até faz uma visita, fica tudo contente até que chega um novo jogo destes e tudo se repete como até então.

Enfim, jogo a jogo.
Carrega Benfica!!!

PS: Para quando um speaker no Estádio da Luz?

35 comentários:

Anónimo disse...

A sério que te queixas da arbitragem? A sério que com 3 foras-de-jogo mal tirados que punham jogadores do Porto isolados na cara do Artur te queixas da arbitragem? A sério que com 4 (QUATRO) faltas para amarelo e uma para vermelho directo do Maxi Pereira te queixas da arbitragem?

benfiquista a serio disse...

caro Pedro,
o meu aplauso para o seu post. concordo com tudo, mesmo tudo. só queria dar um acrescento. sou só eu que vejo os erros tacticos do maxi pereira, às vezes é ve-lo a extremo esquerdo com o seu flanco todo aberto, às vezes, muitas vezes é ve-lo a ponta de lança e o seu flanco descompensado, etc, etc. não há ninguém que lhe diga de é lateral direito e a sua função primeira é defender o lado direito e só depois de esta função estar assegurada é que pode subir, mas só pelo lado direito, não do lado esquerdo nem a ponta de lança. cada jogador tem de saber qual o espaço a ocupar e não andar a correr à tolinho por espaços que não são seus pois isto vai causar desiquilibrios à equipa.

fui só eu que vi o mangala e o alex sandro ganhar quase todos os lances individuais aos nossos e a correrem como tolos. será que são assim tão bons e super dotados a nivel fisico ou será efeito de umas substancias produzidas por um tal individuo com nome de cidade costeira perto de vila do conde.

Rui Sousa disse...

Campeão da táctica. Explica lá então porque é que o Porto teve apenas 2 oportunidades e por causa de erros individuais de jogadores nossos que nada tiveram a ver com o treinador?

Tenta perceber porque é que os jogadores do Porto estavam cansados. Se calhar porque tiveram de correr muito para nos anular tal como fez o Sporting que morreu na segunda parte desse jogo (a diferença é que por Alvalade não têm um Povoas).

Explica porque é que o Benfica quando passou a jogar com 3 médios e o Porto abdicou do quarto médio e ficou a jogar só com 3 o cenário não se alterou muito?

Volta a ver o jogo e pergunta a ti próprio se o Benfica jogasse como o Porto jogou se levava apenas o primeiro amarelo aos 80 minutos depois de enfiar pancada nos nossos jogadores durante todo o jogo.

A única coisa que te dou razão é nisso mesmo. Jesus devia ter falado da permissividade que foi dada aos jogadores do Porto para distribuírem a pancada que quiseram e que lhes deixou fazer aquele jogo de arrancar pela raíz quem passasse do meio-campo com a bola controlada.

De resto não foi um bom jogo mas não foi por Jesus ou pelo querer dos jogadores que não ganhamos. O Benfica tem de seguir neste rumo. Quinta temos mais um jogo importante que temos de vencer. Depois Moreirense e preparar com muito cuidado outro jogo que pode decidir o campeonato.

joão carlos disse...

Tivemos sempre em inferioridade numérica no miolo do meio campo e de nada nos valeu ter dois avançados já que a bola nunca ou quase nunca lá chegou, e nem é por ter sido o a ou o b ou por ser um avançado mais fixo o mais móvel a bola não chega simplesmente lá.
Eu ainda pensei que o treinador tinha tido um assomo de inteligência e ao intervalo ia meter o extremo esquerdo e tirar um dos avançados, e ai eu pensei que para mim mesmo que talvez tivéssemos hipóteses de ganhar mas a substituição não aconteceu e nunca tivemos o jogo na mão alias só conseguimos pegar nele quando reforçamos o meio campo tirando um avançado e foi ai que finalmente criamos perigo.
Este empate deixa um gosto a derrota o que me deixa lixado, mas porque é que eu estou tão lixado eu desde o inicio da época que já sei que isto ia acontecer que com este treinador íamos fazer um bom campeonato que íamos estar na luta mas que nos momentos chave iríamos claudicar porque ele é demasiado teimoso e previsível por isso falhamos na champions agora perdemos uma oportunidade de nos colocarmos em vantagem e cheira-me que este ano nem a taça da liga vemos.

Rearviewmirror disse...

Banho de bola... o Porto dos 15 aos 95 min fez UM remate á baliza do Benfica, totalmente inofensivo.

não sei que banho de bola é que viste.

- disse...

[vídeos] Só os burros falam de arbitragem - Vieira vs Pinto da Costa vs Vitor Pereira

http://www.youtube.com/watch?v=OHiFZBlVfE0


Vídeo com retrospectiva das declarações ridículas do staff FCP.

Pedro disse...

Rear, e? Fizeram um remate à baliza em 75 minutos e empataram na Luz. E? O meio campo foi sempre deles. Sempre. E foi esse o banho. No meio campo.

"Tenta perceber porque é que os jogadores do Porto estavam cansados."

Portanto a táctica do SLB passa por esperar q o adversário fique cansado. Pagamos 4 milhões de euros para que o adversário fique cansado. E ainda recordas o jogo com os lagartos, os pobres lagartos, q tiveram q se cansar primeiro para nós tomarmos conta do jogo. O "azar" é q os corruptos não são os mecos de alvalade.

Mas é hoje q o fcp dá pau impunemente? É hoje q o fcp é beneficiado pelos árbitros? Só se lembram disso depois dos jogos?

Francamente...

"Explica porque é que o Benfica quando passou a jogar com 3 médios"

Quando? Três médios? Onde? Martins entrou para o lugar de Enzo e o Aimar para o de Lima...onde é que jogaste com três médios? E mesmo que Aimar tivesse jogado a médio (que não o fez) já era numa fase tardia do jogo. Devia ter sido inicialmente para equilibrar o jogo no meio campo e aí sim permitir q a nossa superior qualidade fizesse mossa.

Jogo atrás de jogo os mesmos erros, a incapacidade de vencer, e ficam contentes com eles terem rematado uma vez em 75 minutos.

Eu não fico.

Anónimo disse...

Pedro, para simplificar vou aqui dar 3 exemplos sobre a arbitragem, e depois aceito que faças o mesmo, que apresentes lances concretos e vou comentá-los com todo gosto:

1- Nos 30 primeiros minutos o fiscal de linha assinalou 3 fora de jogo erradamente, em dois deles os jogadores do fcp ficavam isolados. Este ano não interessam os fora de jogo?
2- Maxi Pereira cortou um lance deliberadamente com a mão, fez 4 faltas na primeira parte, e só ao entrar com a perna no ar, sem qualquer intenção de jogar a bola, é que levou um cartão... amarelo.
3- Matic, já com cartão amarelo, cortou um contra-ataque do porto. Se numa situação destas é sempre amarelo, por que motivo Matic não viu o segundo amarelo?

Pronto estas são 3 situações concretas, porque no geral passou-se aquilo que todos sabíamos que ia acontecer, João Ferreira não expulsa jogadores do benfica.

Quanto ao futebol jogado, tendo em conta a fraca capacidade de fcp por motivos de ausências (seleções e lesão), penso que foi uma sorte para o benfica jogar com fcp nesta altura. Se o VP tivesse um mínimo de coragem teria talvez até ganho o jogo. Mas a posse de bola diz tudo sobre o que se passou.

Pedro disse...

Caríssimo, respondo com isto:

http://videos.sapo.pt/kUORgMukTDnPryLZVyer

Entrada para vermelho directo punida com cartão amarelo para um jogador do Benfica por protestos.

Falar em segundo amarelo para o Matic quando Moutinho levou o primeiro aos 81 minutos é ridículo.

Hugo disse...

Pedro, totalmente de acordo contigo.
Este gajo não ganha um jogo com equipas que jogam à bola.
Levámos um banho de bola no meio-campo... e ele nada, não fez nada, não corrigiu nada.
Segundas bolas todas dos corruptos.
Bolas divididas todas dos corruptos.
Isto de jogar com dois avançados e dois extremos é dar o "Cú" às equipas que sabem jogar à bola e que jogam com 4 médios.
E sim foi verdade, o jogo do Glorioso foi chutões para a frente à procura do Cardozo.
Não sou treinador como o Jesus e vi também isso.
Até podiamos ter ganho se o Cardozo fizesse o terceiro... mas era pura sorte, pois foi a unica vez que um chutão para a frente foi parar à cabeça mais inteligente, que nada faz sem querer, é tudo intencional, até com a cabeça. Aimar salta e coloca a bola no Gaitan que de primeira mete a bolinha redonda no Tacuara que infelizmente falhou. Foi a unica.
E psicológicamente somos tão mal preparados, sofrer golos de bolas paradas com eles é próprio que estamos sempre a tremer.
Não marcam golos a ninguém de bola parada. Marcam sempre ao Benfica.

João Bizarro disse...

Forte contra os fracos, fraco contra os fortes. É assim o JJ.

Não gostei dos elogios à arbitragem. Bastava dizerem que só os burros falam dela.

Pedro disse...

Hugo, é por demais evidente e o gajo confirmou (sem perceber obviamente) tudo isso na conferência de imprensa ao reconhecer q foi o desgaste fisico dos corruptos q nos permitiu ter bola no meio campo. Não foi ele q fez algo para isso, foi o adversário q quebrou. Está tudo dito.

Mas a malta continua cega.

É como o João diz "Forte contra os fracos, fraco contra os fortes", é por isso q morremos na praia...sempre.

BLUEAVENGER disse...

Foi um jogo que valeu pela primeira parte. O FCP foi mais forte no meio campo e isso fez toda a diferença. Não gostei dos minutos finais onde jogámos para o empate.
Esse lance do Fernando é para expulsão directa, nada a dizer, apenas lamentar que alguns jogadores achem que a camisola do FCP permite que possam ser assim tão violentos. O FCP não é isto. E acho que ganhámos o título com este empate.

Anónimo disse...

E os fora de jogo, Pedro? Este ano não contam?

Pedro disse...

Quais foras de jogo? Houve algum lance de golo iminente anulado por fora de jogo? Foram foras de jogo tão flagrantes como o do Maicon? Se sim então tens uma pequena amostra do que nós sentimos...com agravante q o do Maicon deu golo e campeonato. Um dia, quando tiveres algo semelhante, podes queixar-te. E já agora, o que disseste do fora de jogo o ano passado?

M disse...

fora de jogo do Aimar foi engraçado...tivesse dado golo o que será que os gajos teriam dito?

Shadows disse...

Pedro, infelizmente é este o treinador em quem muitos ainda confiam.

Nem sei o que me irrita mais. A falta de soluções tácticas de Jorge Jesus para os diferentes desafios, ou a sua mansidão sempre que se trata de falar do FC Porto.

Sei é que tou farto disto.

Anónimo disse...

Os 3 fora de jogo da primeira parte. O Defour e o Varela ficavam completamente isolados na cara de Artur. Isso é irrelevante?

No ano passado ganhamos o jogo com um golo em fora de jogo, assinalado por um fiscal de linha que não sabia que nos cruzamentos para trás não há fora de jogo. Mas vocês só viram um lance em 90 minutos.

mas o que estou mesmo a gostar é de te ver a ignorar estes 3 fora de jogo de ontem. Incrível como as pessoas mudam de um jogo para o outro.

Pedro disse...

Shadows, mas o gajo é o maior do universo e o SLB sem ele não ganha nada...aham..

Os benfiquistas parecem hipnotizados por este gajo.

"No ano passado ganhamos o jogo com um golo em fora de jogo,"

I rest my case.

Quando estiverem na nossa pele falamos...até lá ficas a falar sozinho sobre pretensos foras de jogo q dariam 358 golos. Verdade factual: golo fora de jogo q vos deu a vitória.

Rearviewmirror disse...

Fernando sobre GAitan (http://desporto.sapo.pt/multimedia/videos_futebol/#/video?14069)

André Gomes(http://videos.sapo.pt/a24Kuzcz4N7bHlb1zv1a).

Mesmo árbitro, mesma época, jogadas iguais.
Num não marcou falta, noutro deu vermelho directo.

Ninguem fala disto?

Pedro disse...

Rear, nós falamos. Os responsáveis do SLB elogiam a arbitragem...

SLB4EVER disse...

A inferioridade numérica no nosso meio campo já está tão batida que voltar a falar disso é como chover no molhado, uma situação pouco clara entre a convicção e negligencia por parte do treinador, se este ano tudo se repetir pelas mesmas razões do nosso lado não tem desculpa. Torna-se ainda mais irritante é porque Lima não baixa para perto dos médio centro e anda perdido o jogo todo, nestes jogos complicados não fazer isso é estar a entregar o meio campo de bandeja, onde é que eu já ví este filme!
Até quando quando vão continuar os jogadores dos corruptos a poder arrumar os adversários sem sequer verem amarelos? Mangala sobre Cardozo e Fernando sobre Gaitán com entradas violentas e nada se passa, ainda queriam os hpócritas que nos expulsassem 2 jogadores.
Gostei da boa reacção a dois golos muito consentidos, a paragem cerebral 2 em 1 de Artur então é de mau amador, MATIC que jogão de longe o melhor. Com o André na forma que tem estado o Carlos não calça naquela posição, entrou e era falhar passes uns atrás dos outros, muito fraco, Olá devia ter entrado mais cedo, a equipa já pedia frescura e velocidade fazia tempo.
VP é um saloio sem nível que vai cair no esquecimento quando for corrido, nem merece a pena ligar ao que diz tão execrável personagem.
De reter que este FCP sem James perde quase toda a creatividade e mesmo tendo controle do meio campo a construção de jogo foi de baixa qualidade só conseguindo marcar por azelhise nossa.
Continua tudo na mesma agora é retomar a série de vitórias, este ano em Braga não pode haver vacilos!

John Wakefield disse...

Os portistas esquecem-se da entrada do Fernando (sobre o Gaitán) e das constantes faltas do Moutinho a meio campo e que já deveria ter visto há muito o primeiro amarelo.
O resultado é justo - terminou 50 % em posse de bola para ambos os lados. Na segunda parte, as equipas não quiseram arriscar e por isso, o empate aceita-se. Pena aquele falhanço do Artur.

Quanto às declarações do treinador do Porto (obviamente instruídas pela direcção), é por demais evidente, a arrogância. Um treinador que é um bluff (e quando for para o estrangeiro, será bem pior que o Jesualdo!) e que recorre ao jogo baixo, menosprezando o adversário e até pressionando e criticando duramente a arbitragem.
Por muito menos, Jorge Jesus foi suspenso por 2 semanas depois da boca ao fiscal de linha.

É triste, mas o treinador do Porto e o seu presidente foram os únicos que desejaram incendiar o ambiente antes e depois do jogo. E infelizmente deu-se mais valor a isso do que ao espectáculo propriamente dito.

Agora é vencer em Coimbra. Será um passo fundamental para chegar à final da taça!

Pedro disse...

SLB4EVER,

"mesmo tendo controle do meio campo a construção de jogo foi de baixa qualidade só conseguindo marcar por azelhise nossa."

É verdade e para isso tb contou, e muito, o facto de sermos, individualmente, bem melhores que eles. Isso ajudou a equilibrar a coisa. Se temos jogado com mais um elemento no meio em detrimento de um segundo avançado acredito que teríamos tido o controlo do jogo e a vitória seria uma questão de tempo e números. Sempre que saíamos a jogar com a bola controlada eles tinham q dar pau. Se tivessemos o controlo do meio campo o nosso vendaval ofensivo seria imenso e até o Joãozinho teria que amarelar os azuis devido a tanta e tanta porrada q teriam q dar.

SLB4VER disse...

@Pedro

Sem dúvida, só frisei isso porque é notório que este FCP não é assim tão forte ofensivamente, o nosso plantel nesse aspecto é superior, é de lamentar é que o JJ continue sem querer ganhar o meio campo contra estas equipas, o que limita e muito os nossos criativos que por menos posse de bola e muito jogo directo acabam por ter menos oportunidades e espaço para fazer a diferença.
O meio campo com o Matic, André Gomes e Enzo era nosso assim andou-se quase todo o com pontapé para a frente sem construção de jogo a partir da defesa, com Matic e Enzo em inferioridade numérica era muito arriscado estes sairem a jogar, a solução seria Lima baixar para fazer isto mas isto nunca aconteceu, até se podia equilibrar mesmo com dois avançados mas um tem que fazer de médio muitas vezes e isto surprendentemente não acontece, assim JJ será sempre o maior a bater nos pequenos porque contra equipas fortes na maioria das vezes a equipa é manietada e a qualidade e fio de jogo péssimo. Mas isto enfim já se discute faz pelo menos dois anos mas só os grandes profissionais com renumerações milionárias continuam a não ver, depois ainda dizem que aprendem e que já viram onde erraram, patético.

Hugo disse...

Então e a falta do Mongala ao Gaitan à entrada da Area que o árbitro nem marcou? Era falta e amarelo.
A cabeçada ao Cardozo, era outro amarelo e falta.
O Moutinho fez miquentas faltas sobre o Enzo.
A pisadela ao Gaitan do Fernando que o árbitro nada marca, o Enzo reclama da situação, alertando que tinham duas seguidas e leva amarelo.
O atrasado do JJ ainda diz que foi uma boa arbitragem.
Puta que o pariu.

Anónimo disse...

Dois pontos:
1-Nenhum dos 2 tem que apontar criticas à arbitragem. O arbitro foi coerente e podia ter expulsado jogadores de ambas as equipas, acabou por ficar toda a gente em campo.
2-A sério? criticar o JJ? deviam era fazer-lhe uma estátua porque com aquele plantel estar na luta pelo titulo é um feito enorme.

Pedro disse...

"deviam era fazer-lhe uma estátua porque com aquele plantel estar na luta pelo titulo é um feito enorme."

Claro que sim. Quem dera ao JJ ter um Rolando, um Kléber, um Atsu, um Varela, um Otamendi...seria campeão mundial e quiçá europeu.

RockDaLinha disse...

O treinador já todos sabemos que chega a estes jogos e fica bloqueado. Qual o espanto? Só a direccao nao ve ou nao quer ver.

Agora o Cardozo não pode falhar daquela maneira, defendem o Cardozo quando marca ao alguidares de cima mas depois não o criticam quando tem estas paragens cerebrais.

O Artur é um burro, tem a mania que o lugar é dele e depois faz aquela asneira imperdoavel.

O que o Aimar ainda faz no Benfica. O Aimar já deu o que tinha a dar, já não acrescenta nada. É por isso que não vamos a lado nenhum. é Mago para aqui é Mago para ali e depois jogar tá quieto...

muito mau, isto foi uma derrota por culpa de alguns jogadores e também do treinador.

enfim, muito mau...

João da Ega disse...

EXCELENTE

John Wakefield disse...

Pedro,

Eu compreendo a versão do anónimo das 14:33. O Jorge Jesus teve muitos méritos no primeiro ano e desenvolveu muitos jogadores.
No segundo e no terceiro falhou estrondosamente (e daí ter defendido a sua saída no Verão de 2012), todavia, a direcção do Benfica decidiu cumprir o contrato de 4 anos. É uma opção que custou-me a aceitar, contudo reconheço que não é qualquer um que consegue manter equilíbrio num plantel que começou a época oficial sem contratar um lateral esquerdo, um trinco e um nº 8. É preciso reconhecer que Jorge Jesus fez milagres com o Matic, foi feliz na invenção do Melgarejo a lateral esquerdo e a nº 8, tem desenrascado como pode.
Tiraram-lhe Javi e Witsel (e não veio o tão desejado lateral esquerdo), depois foi a suspensão e as constantes lesões de Luisão (juntando os casos clínicos de Aimar, Martins...).
Se este ano, ele falhar - a culpa praticamente só se deve à direcção do Benfica. Viu-se perfeitamente no jogo com o Porto que precisamos dum nº 8, o mais urgentemente possível. Precisamos de mais opções para atacar o resto da época, caso contrário, vamos ter problemas sérios.

Pedro disse...

Com o que tem à disposição Jorge Jesus têm a obrigação de ganhar tudo em Portugal. Tudo. Se há coisa q este clássico mostrou é q o Benfica tem mesmo muito melhor plantel que o fcp. De longe.
Só a teimosia táctica de Jesus impediu a vitória.

A direcção pode não ter dado os jogadores q JJ queria, aceito isso, mas não aceito q isso seja desculpa para o fracasso. Com os jogadores q têm à disposição e com o nível da concorrência não há desculpa.

Anónimo disse...

Pedro, o plantel do Benfica está cheio de irregularidades, saída do Witsel e do Javi deixaram moças óbvias...o Enzo tem que ser adaptado, o Matic está muito bom, mais crédito para o JJ, veremos é se a falta de descanso não o vai reventar para a 2ª volta. A defesa é uma comédia, o Artur não é muito melhor que Roberto, os laterais não sabem defender em condições, Melgarejo então...não tem sequer noção de posicionamento defensivo, mas ele não tem culpa, não existe mais ninguém, Martins e Aimar sempre no estaleiro.
Do meio campo para a frente...o Benfica está muito bom de facto. Mas estou para ver quanto mais tempo vão aguentar na luta, se o JJ porventura conseguir ser campeão, então façam-lhe a estátua e dêem-lhe contracto vitalício.
Acho que as hipóteses do Benfica no título dependem mesmo muito de uma vitória em Braga daqui a 15 dias +/-, campo que ultimamente tem sido bastante complicado para o Benfica, mas se conseguirem os 3 pontos definitivamente o Benfica este ano vai aguentar até ao final.

Pedro disse...

O plantel do SLB é mais que suficiente para consumo interno.
A defesa é a melhor do campeonato. Sim Melga não é grande espiga mas juntamente com Luisinho chega para as encomendas. Maxi está mal mas continua a ser o melhor q por cá há e André Almeida está a cumprir muito bem as ausências. Os centrais são soberbos.
No meio campo temos soluções para todos os gostos e os putos André vieram trazer ainda mais soluções. Aimar estar sempre no estaleiro é um mito. Em 5 anos de SLB foi agora q esteve tanto tempo lesionado, o ano passado fez a época toda, por exemplo.

Não disputamos o campeonato com Barcelona, United e Milan mas sim com Paços, Setubal e Marítimo. O nosso plantel é fortíssimo!!!!

Pedro disse...

E se temos irregularidades (q temos, aceito) o que dizer dos outros???